Google Home Mini: saiba tudo sobre o novo assistente pessoal

Home Mini é a versão mais compacta do aparelho com Google Assistente

email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp

Por Paulo Alves, para o TechTudo

O Google apresentou na quarta-feira (4) o Google Home Mini, aparelho inteligente da empresa, equipado com Google Assistente, acionado por comando de voz. O dispositivo é uma variante do Google Home, lançado ano passado, mas com dimensões mais compactas. O novo alto-falante smart pretende bater de frente com o Echo Dot, da Amazon, e começa a ser vendido nos EUA por US$ 49 (R$ 153, sem considerar impostos).

A novidade deve chegar às mãos dos compradores a partir do dia 19 de outubro. Ele foi anunciado junto com uma versão maior e poderosa chamada Google Home Max, o computador 2-em-1 Pixelbook e o smartphone Pixel 2. Saiba a seguir tudo o que o Google Home Mini promete.

Google Home Mini é nova caixa de som inteligente do Google (Foto: Divulgação/Google) Google Home Mini é nova caixa de som inteligente do Google (Foto: Divulgação/Google)

Google Home Mini é nova caixa de som inteligente do Google (Foto: Divulgação/Google)

Design

O Home Mini se destaca logo de cara pelo design discreto, que segue o mesmo padrão do Google Home, mas em um corpo menor. O aparelho vem em três cores (branco, cinza e vermelho), conta com um indicador LED na parte superior para indicar atividade do Google Assistente e traz o mesmo acabamento em tecido protegendo o alto-falante.

As dimensões compactas prometem deixá-lo ainda mais imperceptível na decoração da casa ou da cozinha, ideal para quem mora em apartamentos pequenos. O assistente pessoal tem formato circular com 98 mm de diâmetro e 42 mm de altura. O Google Home Mini pesa apenas 173 g.

Recursos

O acessório continua sendo uma caixa de som equipada com microfone para ouvir o comando “Ok, Google” do usuário. Assim como no Google Home convencional, o dispositivo identifica diferentes vozes de usuário para não misturar dados das pessoas da casa, e se conecta com outros aparelhos do ambiente, identificados via Wi-Fi.

Google Home Mini na cor vermelha (Foto: Divulgação/Google) Google Home Mini na cor vermelha (Foto: Divulgação/Google)

Google Home Mini na cor vermelha (Foto: Divulgação/Google)

O Home Mini pode tocar músicas por conta própria ou transmitir para uma caixa mais potente equipada com Chromecast Audio, por exemplo. Além disso, é possível dar comandos para o dispositivo reproduzir filmes em uma TV com um Chromecast conectado.

Outras tarefas disponíveis incluem leitura em voz alta de receitas, e-mails e compromissos do calendário e obtenção de informações rápidas, como clima e horários de voos com dados vinculados ao Gmail. Os mesmos apps compatíveis com o Google Home estão disponíveis no Google Home Mini, como Netflix, IFTTT, Spotify e outros do Google, como YouTube e Google Calendar.

O que muda em relação ao Google Home

As funções do Google Home Mini se parecem muito com as oferecidas pelo Google Home lançado há um ano, mas a diferença de tamanho promete um desempenho diferente no dia a dia. Embora os microfones prometam escutar o usuário à distância, o alto-falante é mais modesto e tende a não ser ideal para ouvir músicas. De resto, o Google promete a mesma velocidade de resposta a comandos de voz.

Google Home convencional é bem maior que versão Mini (Foto: Divulgação/Google) Google Home convencional é bem maior que versão Mini (Foto: Divulgação/Google)

Google Home convencional é bem maior que versão Mini (Foto: Divulgação/Google)

Disponibilidade

A economia de materiais em um Google Home mais compacto reflete em um preço mais convidativo de US$ 49 (R$ 154, sem impostos). A pré-venda já começou nos EUA e a entrega começa no dia 19 deste mês. No entanto, ainda pode haver uma boa notícia para consumidores brasileiros: a loja online do Google está prestes a funcionar no mercado nacional, abrindo espaço para a compra do Home Mini sem depender de importação.

A Google Store já conta com tradução para o português e exibe informações sobre o Chromecast e o Chromecast Audio. No entanto, possíveis preço e data de lançamento do Google Home no país permanecem incertos.

Vale a pena comprar caixa de som Bluetooth? Comente no Fórum do TechTudo

MAIS DO TechTudo