Por Gabriel Ribeiro, para o TechTudo

email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp

Os criadores do aplicativo AnTuTu, dedicado a testes de desempenho, divulgaram nesta semana a lista com os smartphones mais potentes da atualidade. Os campeões são dois celulares da Apple: iPhone 8 Plus e iPhone 8, lançados em setembro, ocupam o primeiro e segundo lugares no ranking. Os telefones da maçã bateram a marca de 200 mil pontos. A expectativa é de que a Apple anuncie a chegada dos produtos ao mercado brasileiro nos próximos dias.

A surpresa ficou por conta da situação do Galaxy Note 8 e do Galaxy S8. Os smartphones mais poderosos da Samsung ficaram abaixo de celulares da OnePlus e da HTC. Confira a seguir a lista completa e entenda como funcionam os testes do AnTuTu.

iPhone 8, 8 Plus e X: preço e especificações dos lançamentos da Apple

iPhone 8, 8 Plus e X: preço e especificações dos lançamentos da Apple

Como funciona o AnTuTu?

O AnTuTu é um dos mais populares aplicativos de benchmark. O software efetua testes nos componentes de hardware e analisa o desempenho geral do sistema dando uma pontuação de acordo com a performance. Neste tipo de lista, onde aparece o ranking dos celulares mais potentes, a empresa tira a média geral de cada aparelho após mais de 500 avaliações.

Os resultados revelam que, em relação aos outros anos, a nova geração dos iPhones ampliou a diferença em relação aos celulares com Android. O iPhone 8 Plus conseguiu 217.210 mil pontos, enquanto o iPhone 8 fez 209.113 mil pontos. Vale levar em consideração que o iPhone X, mais potente, ainda não chegou na mão dos consumidores.

O OnePlus 5, lançado em junho, é o primeiro smartphone com Android da lista. O aparelho chinês fez 181.088 de média.

Ranking do Antutu aponta smartphones da Apple na frente — Foto: Divulgação/Antutu Ranking do Antutu aponta smartphones da Apple na frente — Foto: Divulgação/Antutu

Ranking do Antutu aponta smartphones da Apple na frente — Foto: Divulgação/Antutu

Isso mostra que o sistema fechado da Apple ainda faz diferença. Por poder controlar todo o processo, do desenvolvimento do software ao hardware, a maçã consegue uma melhor integração dos componentes com o iOS.

O iPhone 8 tem tela de 4,7 polegadas com 1334 x 750 pixels de resolução. Ele traz o chip A11 Bionic, câmera de 12 MP e bateria com promessa de 14 horas de duração. Já o iPhone 8 Plus, conta com o mesmo processador, mas traz tela Full HD de 5,5 polegadas, câmera dupla de 12 MP e uma bateria maior, com a promessa de 21 horas de autonomia.

iPhone 8 Plus tem câmera dupla de 12 MP — Foto: Thássius Veloso/TechTudo iPhone 8 Plus tem câmera dupla de 12 MP — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

iPhone 8 Plus tem câmera dupla de 12 MP — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

O preço nos EUA é a partir de US$ 699, cerca de R$ 2.280 sem impostos, para o iPhone 8 de 64 GB. Já o iPhone 8 Plus parte de US$ 799, em torno de R$ 2.600 em conversão direta, para a versão com 64 GB.

iPad Pro é o melhor aparelho com iOS

iPad Pro lançado em 2017 é melhor dispositivo com iOS, de acordo com o benchmark — Foto: Divulgação/Antutu iPad Pro lançado em 2017 é melhor dispositivo com iOS, de acordo com o benchmark — Foto: Divulgação/Antutu

iPad Pro lançado em 2017 é melhor dispositivo com iOS, de acordo com o benchmark — Foto: Divulgação/Antutu

A pesquisa também trouxe o ranking dos dispositivos que apresentam a melhor performance divididos pos sistema. No iOS, o iPad Pro 2017 de 10,5 polegadas, lançado na WWDC 2017, ficou em primeiro lugar, batendo a casa dos 230 mil pontos. O tablet traz o chip A10X com sete núcleos, tela de 10,5'' com 2224 x 1668 pixels de resolução e tecnologia True Tone, e câmera principal de 12 MP. Na loja oficial ele custa hoje a partir de R$ 4.999 mil.

No Android, Snapdragon 835 domina

Ranking entre os aparelhos Android — Foto: Divulgação/Antutu Ranking entre os aparelhos Android — Foto: Divulgação/Antutu

Ranking entre os aparelhos Android — Foto: Divulgação/Antutu

Entre os aparelhos com Android, os três primeiro utilizam Snapdragon 835. Além do OnePlus 5 em primeiro, o HTC U11 e o nubia Z70, fabricado pela ZTE, ambos com o chip da Qualcomm, ficaram em segundo e terceiro lugar.

O primeiro celular com Android a aparecer sem o SoC da Qualcomm é o Galaxy Note 8. O aparelho na versão com o chip Exynos 8895 fez 174.559 mil pontos, ficando em quarto lugar. O Galaxy S8 ocupa a sétima posição, atrás do Mi 6, da Xiaomi. A versão com Exynos 8895 fez 171.956 mil pontos. O Galaxy S8 Plus com Snapdragon 835 e memória RAM de 6 GB é o oitavo da lista, fazendo 170.793 mil pontos de média.

A Sony aparece na nona posição com Xperia XZ Premium. O telefone com o Snapdragon 835 e 4 GB de RAM fez 169.329 mil pontos de média. O Galaxy S8 Plus com Exynos 8895 e memória RAM de 6 GB ocupa a décima colocação entre os smartphones com Android, com 164.395 mil pontos.

MAIS DO TechTudo