Por Gabriel Ribeiro, para o TechTudo


O iPhone X, smartphone premium da Apple que chegou às lojas nos Estados Unidos na última sexta-feira (3), possui uma confirguração padrão que impede que o conteúdo de notificações apareça na tela de bloqueio do aparelho. Assim, é possível garantir mais segurança para o usuário, já que a prévia do aviso só pode ser lida por completo quando o dispositivo é desbloqueado.

Tal recurso não chega a ser novidade, já que é permitido desde o lançamento do iOS 11. No entanto, nos outros smartphones da Apple é necessário fazer esta configuração de forma manual, enquanto no iPhone X, ela é automática. A diferença foi percebida pela imprensa americana, que começou a publicar análises do aparelho após seu lançamento.

iPhone 8, 8 Plus e X: preço e especificações dos lançamentos da Apple

iPhone 8, 8 Plus e X: preço e especificações dos lançamentos da Apple

O iPhone X faz o alerta que o aparelho recebeu a notificação. No entanto, seu conteúdo não é revelado na tela de bloqueio. O celular exibe apenas uma mensagem padrão informando o aviso e qual é o aplicativo. Para o usuário ver o conteúdo completo das notificações é preciso desbloquear o smartphone. Como no smartphone essa ação é feita usando o Face ID, basta olhar para tela.

Desta forma, é possível garantir a privacidade, evitando que pessoas desconhecidas vejam a prévia do conteúdo de um mensageiro, como o WhatsApp ou Telegram. A função também oferece mais segurança. Na verificação em duas etapas, por exemplo, geralmente o código é enviado por SMS e aparece direto na tela de bloqueio. Com esta configuração ativada por padrão, mesmo que outra pessoa esteja de posse do aparelho, não vai conseguir acesso à conta.

Painel de controle do iOS 11 no iPhone X — Foto: Thássius Veloso / TechTudo Painel de controle do iOS 11 no iPhone X — Foto: Thássius Veloso / TechTudo

Painel de controle do iOS 11 no iPhone X — Foto: Thássius Veloso / TechTudo

O iPhone X foi anunciado em setembro junto com os iPhone 8 e iPhone 8 Plus. Além do Face ID, que permite o desbloqueio mediante reconhecimento facial, o smartphone traz ficha técnica poderosa com processador Apple A11 Bionic hexa core, tela Super Retina de 5,8’’ e câmera traseira dupla de 12 megapixels. Outras novidades são a ausência do botão Home e o carregamento sem fio.

O aparelho começou a ser entregue nos Estados Unidos no dia 3 de novembro. No Brasil, ele já tem preço definido, podendo chegar a R$ 7.799 na versão com 256 GB de armazenamento. De acordo com a Apple, o iPhone X desembarca por aqui até o fim do ano.

Com informações: The Verge, Mashable, MacRumors e Wired

Mais do TechTudo