Por Paulo Alves, para o TechTudo

email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp

O ano de 2017 foi movimentado para o Facebook. Em junho, a rede social alcançou a impressionante marca de 2 bilhões de usuários no mundo, em meio a fortes mudanças na plataforma. Em março, o serviço havia chamado atenção por lançar o Facebook Stories, recurso que tinha sido levado ao Instagram em uma guinada contra o Snapchat. A empresa de Mark Zuckerberg foi acusada de espionar o principal rival, que perdeu espaço para os principais apps do bilionário – WhatsApp e Messenger completam o quarteto.

Selecionamos as sete principais novidades do Facebook no ano que ajudaram a reafirmar a rede social como um dos principais pontos de convergência de usuários na internet em 2017.

Veja as principais novidades do Facebook em 2017 — Foto: Luciana Maline Veja as principais novidades do Facebook em 2017 — Foto: Luciana Maline

Veja as principais novidades do Facebook em 2017 — Foto: Luciana Maline

1. Facebook Stories e Direct

Depois de um período de testes, o Facebook Stories chegou à rede social nos mesmos moldes do recurso no Instagram, com fotos e vídeos que somem em 24 horas. A função chegou junto com o Facebook Direct e ainda permite enviar conteúdo de forma privada da galeria do smartphone. O Stories tem várias ferramentas de edição tanto no celular quanto no computador.

2. Jornalismo e fake news

O Facebook anunciou ao longo do ano uma série de medidas para garantir a qualidade do conteúdo jornalístico na rede social. Tudo começou com o anúncio do Facebook Jornalismo, um projeto para garantir mais visibilidade e monetização a grandes veículos na plataforma. A mudança veio com alterações no algoritmo para diminuir a relevância de sites com baixa qualidade e que abusam de títulos caça-cliques.

Muito cobrado especialmente após as eleições nos EUA, o Facebook também apostou em ferramentas contra o fenômeno das fake news. A rede social investiu em ferramentas para identificar e punir sites relacionados, além de divulgar dicas para verificar se uma notícia é falsa. A plataforma também mudou funções de administradores de páginas para evitar a distribuição de informações falsas no feed.

3. Posts com fundo colorido e recomendações

As postagens do Facebook ficaram mais ricas em março com a chegada dos fundos coloridos. A novidade dá mais destaque a textos curtos divulgados no feed. Além disso, a rede social estreou a função de recomendações, que permite pedir dicas para amigos (no iOS e no Android) sobre um determinado assunto em uma localidade. O recurso organiza melhor as informações recebidas e evita com que elas sejam perdidas no feed do usuário.

4. Comentários com GIFs e reações

Os comentários também foram aprimorados no ano, começando em fevereiro com a chegada das reações. Desde início do ano, usuários podem usar uma das opções “curti”, “amei”, "haha", "uau", "triste" e "Grr" também nos comentários das publicações. Mais tarde, em junho, os comentários ficaram ainda mais dinâmicos com a adição de um botão para GIFs. Com um clique, passou a ser possível acessar uma base vasta de imagens animadas para se expressar em posts de outras pessoas ou páginas.

5. Wi-Fi e 4G

Em junho, o Facebook lançou um recurso que ajuda os usuários a encontrarem rede Wi-Fi por perto, encorajando o uso mais frequente da plataforma. A função é simples de usar e funciona no Android e iOS. Além disso, a rede social estreou um recurso que permite economizar o 4G ao usar app no celular, estendendo o pacote de dados para poder ver os posts de amigos por mais tempo.

6. Vídeo na foto de perfil

Entre as novidades que enriqueceram a página do usuário no Facebook está o vídeo como foto de perfil. Desde junho, é possível adicionar um vídeo para ter uma “imagem que se move” como destaque para quem acessar as suas informações pessoais. O recurso abriu espaço para usos mais criativos da plataforma.

7. Patentes e testes

Além de funções novas que chegaram ao usuário final, o Facebook anunciou nos últimos meses algumas novidades curiosas ainda em fase de testes – ou que sequer saíram do papel. É o caso de uma invenção que permitiria usar o pensamento para digitar e postar na plataforma, anunciada em abril. Dois meses depois, a empresa de Zuckerberg registrou três patentes ligadas a uma possível tecnologia de interpretação de emoções do usuário, mesmo sem usar ativamente a rede social.

Como baixar vídeos do Facebook sem precisar instalar programas

Como baixar vídeos do Facebook sem precisar instalar programas

O que fazer quando o Facebook para de funcionar? Veja dicas no Fórum do TechTudo

MAIS DO TechTudo