Teclado gamer

Por Filipe Garrett, para o TechTudo


Mouses e teclados voltados para gamers podem conter os chamados botões macro: trata-se de botões extras, que podem ter funções atreladas a eles em jogos específicos. Isso permite que, em vez de realizar um movimento complexo a partir de uma série de botões e ações, você possa definir para que essa ação seja realizada apenas com um toque de botão.

Macros são comuns mesmo em mouses e teclados gamers mais simples e a seguir você vai entender como esse recurso funciona, além de conhecer alguns modelos de periféricos com essa funcionalidade e que são encontrados no mercado nacional.

Samsung Odyssey é um bom notebook gamer? Veja análise da ficha técnica

Para que servem os macros?

Razer Naga tem 12 botões extras personalizáveis pelo usuário — Foto: Divulgação/Razer Razer Naga tem 12 botões extras personalizáveis pelo usuário — Foto: Divulgação/Razer

Razer Naga tem 12 botões extras personalizáveis pelo usuário — Foto: Divulgação/Razer

A ideia de botões extras no mouse ou no teclado, do ponto de vista de quem gosta de jogar, é permitir que o usuário crie atalhos para funções recorrentes, dando assim maior controle e agilidade na hora de executar alguma manobra mais caprichada. Games que exigem agilidade e baixo tempo de resposta, como MOBAs em geral, se beneficiam dessa abordagem.

Num mouse com teclas macro, o jogador pode separar alguns botões para acionarem combos e ações específicas dentro do jogo. Dessa forma, a tendência é que ele ganhe tempo na partida, reagindo de forma mais rápida às ações de seus adversários.

A configuração do comportamento dos botões é, em geral, realizada por meio de um aplicativo próprio do acessório. Nele, o usuário seleciona os botões e define suas configurações de acordo com suas necessidades.

Macro nos teclados

Raptor K50 da Corsair é exemplo de teclado recheado de macros — Foto: Divulgação/Corsair Raptor K50 da Corsair é exemplo de teclado recheado de macros — Foto: Divulgação/Corsair

Raptor K50 da Corsair é exemplo de teclado recheado de macros — Foto: Divulgação/Corsair

Teclas macro são mais comuns em mouses, mas teclados também apresentam essa funcionalidade, que acaba tendo o mesmo comportamento do que nos mouses. Cabe ao usuário definir as funções que deseja atribuir às teclas extras e configurá-las nos aplicativos de suporte dos fabricantes.

Nos teclados, a aplicação das macros é a mesma: a ideia é que você configure atalhos diretamente para as teclas de forma a tornar a jogatina mais fácil e eficiente. Um uso recorrente, por exemplo, é usar as macros para definição de atalhos que iniciam ou interrompem a gravação e a transmissão ao vivo de sua partida para plataformas de streaming, como o Twitch e o YouTube.

Modelos de mouses e teclados com macro

XGamer da Multilaser tem botões macro e é barato — Foto: Divulgação/Multilaser XGamer da Multilaser tem botões macro e é barato — Foto: Divulgação/Multilaser

XGamer da Multilaser tem botões macro e é barato — Foto: Divulgação/Multilaser

Ao contrário do que pode parecer, você não precisa gastar muito dinheiro para ter acesso às funcionalidades das teclas macro em mouses e teclados. Exemplo disso é o XGamer Fire Button da Multilaser: o mouse tem um total de sete botões, garantindo ao usuário acesso ergonômico a macros que podem ser personalizados de acordo com as suas necessidades. O XGamer Fire Button sai por R$ 50, em média.

Para quem exige mais, há opções também. O Razer Naga tem um total de 19 botões e permite que o usuário personalize o comportamento de todos eles de acordo com as suas necessidades. O preço, no entanto, sobe na proporção da quantidade de teclas: o acessório sai por R$ 260.

Com relação a teclados, a oferta de modelos com essa característica é um pouco menor. No Brasil, um modelo que oferece teclas macro é o Raptor K50 da Corsair a R$ 430. Mecânico, o teclado da marca norte-americana dispõe de um conjunto de 18 teclas completamente personalizáveis. Embora seja mais caro, vendido a R$ 790, o Razer BlackWidow Chroma V2 tem apenas cinco teclas macro.

Mais em conta, o Warrior da Multilaser tem oito teclas personalizáveis e pode ser encontrado por valores na faixa dos R$ 200.

Qual notebook gamer comprar? Veja dicas no Fórum do TechTudo

Vale a pena?

A ideia das teclas macro, tanto em mouses como em teclados, é aumentar o controle e a agilidade do jogador em games que exigem velocidade, como MOBAs e títulos de tiro de pegada mais competitiva. Nesses casos, ter à mão a possibilidade de definir alguns comandos frequentes para uma dessas teclas pode ajudar bastante a tornar seu desempenho melhor ao longo das partidas.

Mas, no geral, para jogadores mais casuais e que curtem títulos que não têm um grande apelo competitivo, o uso dos botões tipo macro pode se mostrar inútil, já que nesses casos, o jogador acaba bem servido pelos sistemas de controle convencionais de cada um dos games.

Mais do TechTudo