Samsung Odyssey é um bom notebook gamer? Veja análise da ficha técnica

Notebook gamer da Samsung tem bom preço e configurações poderosas.

email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp

Por Filipe Garrett, para o TechTudo

O Samsung Odyssey é a opção de notebook gamer de entrada da marca sul-coreana. Vendido no Brasil numa faixa de preços que vai dos R$ 4 mil aos R$ 4.600 nos sites de comércio online, o Odyssey é equipado com processadores parrudos de sétima geração da Intel, placa de vídeo dedicada da Nvidia e tela com HDR. O notebook tem especificações poderosas o suficiente para encarar seus grandes rivais: Dell Inspiron Gaming e Acer VX5.

A seguir você vai entender como o Odyssey se compara a essas opções, conhecer pontos fortes e fracos do notebook e saber se a relação custo-benefício do Odyssey é boa o suficiente para o seu bolso.

Odyssey é notebook lançado pela Samsung no Brasil (Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo) Odyssey é notebook lançado pela Samsung no Brasil (Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo)

Odyssey é notebook lançado pela Samsung no Brasil (Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo)

Versões

O Odyssey é encontrado em três versões diferentes: a mais acessível, na faixa dos R$ 4 mil, tem Core i5 7300HQ, 8 GB de RAM e placa de vídeo Geforce GTX 1050. O armazenamento fica a cargo de um HD de 1 TB e a tela, de 15,6 polegadas, tem resolução Full HD. As outras duas versões possuem o Core i7 7700HQ, também da sétima geração da Intel, e repetem todas as outras configurações, com exceção da RAM: disponível em versão com 8 ou 16 GB (R$ 4.300 e R$ 4.600, respectivamente).

A grande diferença de preço e ficha técnica entre as versões está no processador. Ambos quad-core de sétima geração, o i5 e i7 usados pela Samsung têm performance parecida, com vantagem para o i7 que é mais rápido (2.8 contra 2.5 GHz) e tem a vantagem do Hyper-Threading, que simula quatro outros núcleos no i7, fazendo com que ele se comporte como se fosse um octa-core em algumas situações.

Na prática, no entanto, essas vantagens não são tão decisivas na hora de jogar. Comparativos mostram que notebooks equipados com esses dois processadores são muito mais impactados pela placa de vídeo do que pela CPU.

Em termos de processamento gráfico, vale um ponto de atenção: a Samsung usa no Odyssey a placa de vídeo GTX 1050, enquanto seus adversários contam com modelos equipados com a GTX 1050 Ti, variante sensivelmente mais rápida da placa da Nvidia. Na prática isso significa que dependendo dos preços que você encontrar, o Odyssey pode não ser melhor escolha do que um Inspiron Gaming ou Acer VX5 equipados com a 1050 Ti.

Um aspecto técnico do notebook que chama atenção está na tela, que tem suporte a HDR: a tecnologia garante cores mais vivas e níveis de contraste muito mais intensos ao display e pode ser um fator muito interessante para gamers.

Design

Odyssey chama atenção pela combinação de preto e vermelho e pelos LEDs (Foto: Divulgação/Samsung) Odyssey chama atenção pela combinação de preto e vermelho e pelos LEDs (Foto: Divulgação/Samsung)

Odyssey chama atenção pela combinação de preto e vermelho e pelos LEDs (Foto: Divulgação/Samsung)

Gamer, o notebook da Samsung não nega a tradição desse tipo de computador no aspecto: combinação de preto e vermelho e design mais ousado revelam a vocação do computador à primeira olhada. Bastante espesso em virtude das necessidades de dissipação de calor, o Odyssey é pesado e não deve ser bom companheiro de viagem, já que vai cansar nas costas e ocupar espaço na mochila.

Chamativo, inclusive com direito a teclado retroiluminado com LEDs na cor vermelha, o Odyssey também pode não ser a melhor escolha para levar ao local de trabalho ou para a aula. Se a ideia, no entanto, é sim chamar a atenção, o Samsung Odyssey vai atender às suas espectativas.

Desempenho

Em termos de notebooks, o Odyssey emprega processadores de alta velocidade da Intel, pertencentes à série HQ e que são os mais rápidos disponíveis para notebooks. O computador também faz bonito ao apresentar opção com 16 GB de RAM DDR4.

Os pontos de atenção com relação à performance da máquina estão centrados em dois pontos: o primeiro deles diz respeito à velocidade de operação do disco rígido de 1 TB, disponível em todas as versões da máquina vendida pela Samsung. Lento, o HD de 5400 RPM pode decepcionar na hora de carregar jogos, algo que pode tornar a ideia de instalar um SSD interessante para quem investir na máquina. A otimização aumenta os custos do computador, que poderia vir de fábrica já com o componente, assim como algumas versões do Inspiron Gaming, da Dell, que chegam com combinação de disco de 1 TB e SSD de 128 GB.

Outro fator de atenção está na placa de vídeo. A GTX 1050 é uma excelente placa gráfica para quem quer dar conta de jogos em resoluções até o Full HD, como é o caso da tela do Odyssey, mas há no mercado opções de notebooks com placas melhores, na mesma faixa de preço.

Tela

Tela do Odyssey se destaca pelo HDR (Foto: Divulgação/Samsung) Tela do Odyssey se destaca pelo HDR (Foto: Divulgação/Samsung)

Tela do Odyssey se destaca pelo HDR (Foto: Divulgação/Samsung)

De 15,6 polegadas, o display do notebook tem resolução Full HD (1920 x 1080 pixels), algo que combina bem com o fôlego da GTX 1050 que equipa o computador.

Em termos de tecnologia, o display é um LCD retroiluminado por LED que conta com tratamento para ser antirreflexivo, característica que torna o uso confortável em ambientes mais iluminados.

O computador conta com um recurso que permite ativar HDR para melhorar intensidade de contraste e a saturação das cores, algo que pode fazer muita diferença em games e em multimídia.

Bateria

A Samsung não informa uma estimativa oficial de duração da carga da bateria do computador. O componente, que tem capacidade de alimentar até 43 Wh (watts-hora) de energia, tem autonomia estimada em algo perto de três horas, a partir de impressões colhidas em fóruns de consumidores.

Custo-benefício

Bastante comparável aos rivais diretos, Inspiron Gaming e Acer VX5, o Samsung Odyssey é uma boa opção de laptop para jogos para quem não quer investir as fortunas cobradas nas máquinas mais poderosas desse nicho e abre mão da performance mais avançada entregue pela GTX 1050 Ti, presente nas fichas técnicas dos rivais.

Nesse sentido, se você souber o que está levando para a casa e encontrar o notebook em um bom preço, pode ser uma ótima opção. A tela com HDR é destaque, os processadores escolhidos pela Samsung não fazem feio e para quem gosta do aspecto chamativo de notebooks para jogos, o Samsung Odyssey é uma excelente pedida.

Ficha técnica

Especificações do Samsung Odyssey

Preço no Brasil Entre R$ 4 mil e R$ 4,6 mil
Tela 15,6 polegadas, Full HD (1920 x 1080 pixels) com HDR
Processador Core i5 7300HQ ou 7700HQ
Memória RAM 8 ou 16 GB DDR4
Placa de vídeo Geforce GTX 1050
Armazenamento 1 TB
Portas e interfaces Ethernet, Wi-Fi, Bluetooth, HDMI, USB 3.0, USB 2.0 (duas), leitor de cartões de memória e saída de fone de ouvido
Dimensões 37,8 x 26 x 2,82 cm
Peso 2,52 kg
MAIS DO TechTudo