Velocidade de Internet global subiu 30%, mas Brasil fica abaixo da média

Velocidade média do Brasil é de 16,25 Mb/s na Internet Móvel e 17,80 Mb/s via cabo.

email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp

Por Gabriel Ribeiro, para o TechTudo

A Ookla divulgou, na última semana, o ranking anual de velocidade da Internet. Em 2017, houve um aumento de 30% na velocidade global de download em relação ao ano passado. A pesquisa leva em consideração os testes feitos no medidor SpeedTest.Net, um dos mais utilizados no mundo.

O estudo também apontou qual é a velocidade média entre os países. Para banda larga fixa, a média ficou em 40,11 Mb/s, enquanto na conexão móvel a velocidade é de 20,28 Mb/s. O Brasil ficou abaixo, com 17,80 Mb/s na conexão por cabo e 16,25 Mb/s na Internet por celular.

Ranking levou em consideração testes feito no SpeedTest.net  (Foto: Thássius Veloso/TechTudo) Ranking levou em consideração testes feito no SpeedTest.net  (Foto: Thássius Veloso/TechTudo)

Ranking levou em consideração testes feito no SpeedTest.net (Foto: Thássius Veloso/TechTudo)

Em relação à Internet móvel, 119 países apresentaram uma velocidade maior do que a média, enquanto 134 países ficaram abaixo. Já na banda larga fixa, apenas 71 países superaram a média global, enquanto em 185 a conexão é mais lenta.

Durante um ano, o crescimento entre as velocidades da conexão por cabo e móvel foi praticamente o mesmo. A velocidade de download das redes de celular aumentou 30,1%, enquanto da Internet cabeada foi de 31,6%.

Laos, um pequeno país asiático, conseguiu aumentar a taxa de download da rede móvel em mais de 200%. A região passou de uma velocidade de menos de 5 Mb/s no início de 2017 para 13 Mb/s em novembro, ocupando o primeiro lugar em crescimento.

Dicas para melhorar a internet:  saiba como ampliar o sinal Wi-Fi da sua casa com repetidores

Dicas para melhorar a internet: saiba como ampliar o sinal Wi-Fi da sua casa com repetidores

Já na banda larga fixa, o campeão em crescimento foi Reunião, ilha pertencente a França localizada no oceano Índico, próximo a costa africana. O país saltou de pouco mais de 20 Mb/s no início do ano para 62,64 Mb/s em novembro, um aumento de 141,5%.

A Noruega tem a melhor conexão móvel do mundo, com uma média de 62,66 Mb/s de taxa de download. Na conexão cabeada, Cingapura ocupa o primeiro lugar, com 153,85 Mb/s de média.

E o Brasil?

O Brasil se manteve abaixo da média mundial, tanto na velocidade de download pela rede móvel quanto pela cabeada. O país ocupa a 71ª posição em banda larga móvel, com 16,25 Mb/s de média de download. Na América Latina, estamos atrás de países como Honduras, Equador e Uruguai.

Na banda larga fixa, o Brasil ocupa a 79ª posição, com 17,80 Mb/s de velocidade média. Estamos atrás de países como Gana, Chipre e Jamaica.

Apesar de o Brasil estar abaixo da média, se olharmos apenas os países mais populosos, tivemos um bom crescimento em relação à banda larga móvel. O país ocupa o terceiro lugar, com uma velocidade 27,6% maior, atrás apenas de Índia e Paquistão.

Crescimento de países populosos em relação à banda larga móvel (Foto: Divulgação/Speedtest) Crescimento de países populosos em relação à banda larga móvel (Foto: Divulgação/Speedtest)

Crescimento de países populosos em relação à banda larga móvel (Foto: Divulgação/Speedtest)

Já entre a conexão fixa, o Brasil ficou em 6º lugar em crescimento entre os países mais populosos. Em 2017, a velocidade de download foi 18,5%, atrás apenas de Índia, China, Estados Unidos, Japão e Indonésia.

Via Speedtest

MAIS DO TechTudo