Windows 10 Insider Preview ganha linha do tempo e guias para aplicativos

Timeline e sets estarão disponíveis nas próximas atualizações da versão de teste.

email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp

Por Gabriel Ribeiro, para o TechTudo

A Microsoft anunciou duas novidades que devem chegar nas próximas builds voltadas para participantes do programa Insider Preview. Além da Timeline, revelada em maio, a versão de teste do Windows 10 também vai contar com um recurso chamado até agora de "Sets". A nova função vai oferecer uma organização diferente para aplicativos abertos no sistema.

A expectativa é que os novos recursos estejam presentes na Redstone 4, a próxima grande atualização do Windows 10 prevista para chegar a todos os usuários até abril de 2018. A versão de teste, para Insider Preview, estará disponível nas próximas semanas.

Recursos devem chegar para todos usuários em 2018  (Foto: Zíngara Lofrano/TechTudo) Recursos devem chegar para todos usuários em 2018  (Foto: Zíngara Lofrano/TechTudo)

Recursos devem chegar para todos usuários em 2018 (Foto: Zíngara Lofrano/TechTudo)

Timeline

A Timeline é uma tela onde fica um histórico de todos os aplicativos utilizados. Os apps ficam organizados em uma linha do tempo, permitindo localizar de forma mais fácil os arquivos abertos em uma data específica, como textos no Word ou páginas acessadas no Microsoft Edge.

Timeline perdime visualizar aplicativos abertos por data  (Foto: Divulgação/Microsoft) Timeline perdime visualizar aplicativos abertos por data  (Foto: Divulgação/Microsoft)

Timeline perdime visualizar aplicativos abertos por data (Foto: Divulgação/Microsoft)

Esta ferramenta foi anunciada em maio e deveria ter chegado no Windows 10 Fall Creators, que vem sendo liberada aos poucos para os usuários desde outubro. Porém, só agora vai ser liberada para participantes do Insider Preview.

Sets

O recurso inédito, portanto, fica por conta do "Sets". A proposta é agrupar em uma única janela os aplicativos abertos. Os softwares ficam em abas, como acontece com as páginas nos navegadores para acessar a web. Inicialmente, apenas aplicativos da Microsoft, como o Word ou o PowerPoint, ficarão acessíveis nas abas. No futuro, softwares de terceiros, como o Photoshop, devem ganhar compatibilidade.

Quatro aplicativos abertos separados em abas  (Foto: Divulgação/Microsoft) Quatro aplicativos abertos separados em abas  (Foto: Divulgação/Microsoft)

Quatro aplicativos abertos separados em abas (Foto: Divulgação/Microsoft)

O recurso permite uma integração interessante entre os aplicativos. É possível, por exemplo, pesquisar algo na Internet e pedir para abrir direto no PowerPoint — que ficará disponível em uma outra aba. Bastante útil para agilizar as tarefas e economizar tempo. A ideia também é que os programas abertos nas abas ficam acessíveis tanto no dispositivo móvel com Windows 10, quanto no desktop.

Vale lembrar que o nome do recurso ainda não é definitivo. É bem provável que o "Sets" (conjuntos, em inglês) seja renomeado.

MAIS DO TechTudo