Por Jonatan Rodrigues, para o TechTudo


Alguns modelos de roteadores e repetidores sofreram uma queda de preço em 2017. Para quem não pode investir muito dinheiro, existem aparelhos que tendem a suprir todas as necessidades de conexão com a Internet por um custo baixo. O TechTudo selecionou os principais dispositivos que ficaram mais baratos no ano passado para ajudar você a economizar.

Na lista a seguir, há modelos de marcas populares, como TP-Link, D-Link, Intelbras e até Xiaomi. Conheça as especificações e preços atuais dos roteadores e repetidores.

Repetidores: saiba como ampliar o sinal Wi-Fi da sua casa

Repetidores: saiba como ampliar o sinal Wi-Fi da sua casa

1. Roteador TP-Link TL-WR940N - 450 Mb/s

O TL-WR940N é um roteador da TP-Link com três antenas, característica ideal para quem possui vários equipamentos ao mesmo tempo conectados à rede de Internet. Essa quantidade superior é fundamental para ter antenas dedicadas para transmitir ou para receber dados. Com uma faixa de 450 Mb/s de transferência, fica ainda mais evidente que o produto deve entregar uma qualidade interessante.

3 antenas com 450Mbps de velocidade marcam o TP-Link TL-WR940N — Foto: Divulgação/TP-Link 3 antenas com 450Mbps de velocidade marcam o TP-Link TL-WR940N — Foto: Divulgação/TP-Link

3 antenas com 450Mbps de velocidade marcam o TP-Link TL-WR940N — Foto: Divulgação/TP-Link

No mercado, aparelhos com a mesma tecnologia costumam ter um preço elevado. No entanto, o TP-Link TL-WR940N pode ser encontrado pelo preço médio de R$ 100 no Brasil.

2. Repetidor D-Link Wi-Fi DAP-1325

Duas antenas para repetir Wi-Fi diferencia o D-Link Wi-Fi DAP-1325 — Foto: Divulgação/D-Link Duas antenas para repetir Wi-Fi diferencia o D-Link Wi-Fi DAP-1325 — Foto: Divulgação/D-Link

Duas antenas para repetir Wi-Fi diferencia o D-Link Wi-Fi DAP-1325 — Foto: Divulgação/D-Link

Em 2017, a D-Link lançou um repetidor que chamou a atenção principalmente pelo seu baixo custo. O D-Link Wi-Fi DAP-1325 é ideal para aumentar o alcance do Wi-Fi quando o sinal não consegue se espalhar por todas as áreas desejadas. Com preço sugerido de R$ 109, o repetidor traz duas antenas externas e permite conexão sem fio de até 300 Mb/s e suporta os padrões IEEE 802.11 n/g/b.

Além da antena dupla, o produto da D-Link oferece recursos como botão WPS para configuração rápida, porta Ethernet de até 100 Mb/s e led indicador para ajudar no posicionamento.

3. Xiaomi Mi Rounter 3

Vale muito a pena importar o Xiaomi Mi Rounter 3 — Foto: Divulgação/Xiaomi Vale muito a pena importar o Xiaomi Mi Rounter 3 — Foto: Divulgação/Xiaomi

Vale muito a pena importar o Xiaomi Mi Rounter 3 — Foto: Divulgação/Xiaomi

Anunciado em 2016, mas com lançamento oficial em 2017, o Xiaomi Mi Rounter 3 é um roteador que possui quatro antenas e tem custo-benefício interessante. Apesar de não estar à venda no Brasil, usuários podem comprar o aparelho da marca chinesa por, aproximadamente, R$ 100 (sem custo de impostos e frete) em sites de importação.

O Xiaomi Mi Rounter 3 ainda tem como diferencial um aplicativo que acompanha o equipamento em tempo real e indica quais dispositivos foram conectados à sua rede Wi-Fi.

4. D-Link AC1200 DIR-822

Nível de desempenho altíssimo com o D-Link AC1200 DIR-822 — Foto: Divulgação/D-Link Nível de desempenho altíssimo com o D-Link AC1200 DIR-822 — Foto: Divulgação/D-Link

Nível de desempenho altíssimo com o D-Link AC1200 DIR-822 — Foto: Divulgação/D-Link

Apesar de ser encontrado no Brasil na casa dos R$ 250, valor um pouco alto para quem busca um aparelho mais em conta, o D-Link AC1200 DIR-822 é uma boa opção na lista de roteadores que caíram de preço. É importante lembrar que, em 2016, o modelo chegou a custar mais de R$ 400.

O equipamento conta com quatro antenas e promete uma cobertura bastante ampla – segundo a fabricante, chega a 200 m². Juntas, as antenas conseguem atingir uma taxa de transferência de 1.200 Mb/s.

5. Intelbras WRN 300

Custo abaixo dos R$ 80 para adquirir o Intelbras WRN 300 — Foto: Divulgação/Intelbras Custo abaixo dos R$ 80 para adquirir o Intelbras WRN 300 — Foto: Divulgação/Intelbras

Custo abaixo dos R$ 80 para adquirir o Intelbras WRN 300 — Foto: Divulgação/Intelbras

O dobro de potência com preço de roteador comum: essa é a proposta do Intelbras WRN 300. Com velocidade de 300 Mb/s e duas antenas, o modelo promete uma qualidade interessante para sua rede Wi-Fi. Além disso, o dispositivo chegou a ter uma queda de preço significativa durante o ano de 2017.

Anteriormente, o dispositivo estava à venda por aproximadamente R$ 215 nos principais sites de comércio eletrônico. A partir de 2017, o usuário consegue comprar o roteador pelo preço médio de R$ 90.

6. Repetidor TP-Link TL-WA850RE

O TP-Link TL-WA850RE mostra a intensidade do seu sinal Wi-Fi — Foto: Divulgação/TP-Link O TP-Link TL-WA850RE mostra a intensidade do seu sinal Wi-Fi — Foto: Divulgação/TP-Link

O TP-Link TL-WA850RE mostra a intensidade do seu sinal Wi-Fi — Foto: Divulgação/TP-Link

Se a conexão Wi-Fi não consegue chegar em todos os ambientes da sua casa, a solução é usar um repetidor de sinal. O TP-Link TL-WA850RE, por exemplo, é bem conhecido no mercado, tanto pela qualidade como pelo design.

Antes, seu preço médio era acima dos R$ 150. Por outro lado, após 2017, os consumidores conseguem encontrá-lo na faixa de R$ 99. O seu diferencial é o círculo de leds que informam como está a intensidade de sinal captado pelo aparelho. O recurso pode indicar se o roteador está realmente cumprindo bem sua função.

Roteador com pouco sinal, como resolver? Confira no Fórum do TechTudo

MAIS DO TechTudo