Por Bruno Soares, para o TechTudo

email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp

Um novo golpe no WhatsApp usa o nome da marca de chocolates Cacau Show para oferecer vagas de emprego. O problema é que as supostas oportunidades são falsas e, segundo informações do DFNDR Lab, laboratório da PSafe especializado em segurança digital, 1 milhão de pessoas já clicaram no link malicioso em apenas 24 horas.

A Cacau Show utilizou sua página oficial no Facebook para reiterar que não tem relação com as mensagens. A empresa reforça que as vagas divulgadas "não são verdadeiras" e que todas as oportunidades legítimas são oferecidas somente em seus canais oficiais.

Golpe oferece falsas vagas operacionais na Cacau Show para roubar dados de usuários — Foto: Reprodução/Bruno Soares Golpe oferece falsas vagas operacionais na Cacau Show para roubar dados de usuários — Foto: Reprodução/Bruno Soares

Golpe oferece falsas vagas operacionais na Cacau Show para roubar dados de usuários — Foto: Reprodução/Bruno Soares

Além de aproveitar os atuais índices de desemprego para espalhar a mensagem falsa, os criminosos se valem de outras estratégias para alcançar o maior número de pessoas. Ao clicar no link – recebido em grupos ou conversas privadas no mensageiro – a vítima é induzida a compartilhar dados pessoais, como nome, e-mail, idade e áreas de atuação nas quais tem interesse. Após preencher o formulário, o falso site afirma que, para que o usuário possa enviar o currículo, é necessário compartilhar a mensagem com outros cinco amigos ou cinco grupos no aplicativo.

As vagas oferecidas são de nível operacional, como vendedor, auxiliar de limpeza, ajudantes de produção, embalador, auxiliar administrativo e jovem aprendiz.

Golpe no WhatsApp oferece vagas na Cacau Show — Foto: Divulgação/PSafe Golpe no WhatsApp oferece vagas na Cacau Show — Foto: Divulgação/PSafe

Golpe no WhatsApp oferece vagas na Cacau Show — Foto: Divulgação/PSafe

O WhatsApp tem sido terreno fértil para esse tipo de crime devido a sua popularidade no Brasil. Em menos de um mês, outras duas correntes maliciosas também foram registradas. No final de dezembro de 2017, um golpe prometia prêmios em nome da rede de varejo Walmart. Mais recentemente, no início de janeiro, uma corrente prometia descontos na rede de Fast Food Burguer King, mas, ao clicar no link, o usuário acabava assinando serviços de SMS pagos.

A situação é tão crítica que, este ano, o mensageiro iniciou testes com um recurso para avisar ao usuário que o conteúdo que ele está prestes a repassar já foi compartilhado muitas vezes, o que serviria de sinal vermelho para possíveis golpes e correntes.

Golpe promete Spotify premium grátis

Além da falsa oferta de vagas de emprego na Cacau Show, outro golpe também está circulando pelo WhatsApp recentemente. Segundo relatos de alguns usuários, um anúncio com link suspeito promete acesso gratuito à conta premium do Spotify, popular serviço de streaming de música. Ao clicar no link falso, que traz uma URL com o nome do programa escrito errado e usando o domínio ".net", a vítima é incentivada a fornecer dados pessoais para "ganhar" a assinatura grátis.

Como se proteger de golpes no WhatsApp

O procedimento padrão para evitar cair em golpes no WhatsApp é evitar acessar links estranhos recebidos no mensageiro, mesmo que eles tenham origem em conversas com amigos ou familiares. Além disso, é recomendado não compartilhar informações pessoais em sites desconhecidos. Outra dica é utilizar um antivírus para evitar que programas mal intencionados sejam instalados no seu celular.

WhatsApp: cinco dicas para usar o app com segurança

WhatsApp: cinco dicas para usar o app com segurança

Com informações: DFNDR Lab e Cacau Show

Caiu em algum golpe de WhatsApp? Conte no Fórum TechTudo.

MAIS DO TechTudo