Kingston quer resolver principal pesadelo dos MacBooks; conheça o Nucleum

Hub alivia a tensão de quem conta com somente uma porta USB-C no notebook.

email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp

Por Thássius Veloso, da CES 2018, em Las Vegas

Eis uma cena bastante comum: o consumidor entra na loja da Apple para escolher um novo MacBook. Na sequência, precisa montar uma segunda sacola só com os adaptadores para que equipamentos que ele já tem em casa funcionem com o notebook com a marca da maçã. Para auxiliar nesta questão, a Kingston apresentou o hub Nucleum, com sete plugues em um.

De acordo com a empresa, o novo produto acaba de vez com o principal pesadelo de quem cogita comprar a geração mais recente de MacBooks: a escassez de portas USB-C. O modelo mais básico possui somente uma entrada deste tipo, o que inviabiliza o uso de pendrive enquanto está recarregando o equipamento, por exemplo.

Conheça o Nucleum, hub da Kingston que dá novas entradas ao seu MacBook

Conheça o Nucleum, hub da Kingston que dá novas entradas ao seu MacBook

O Nucleum lembra os antigos modems de computador que se aproveitavam da rede 3G para distribuir sinal Wi-Fi nas redondezas. Ele traz duas portas USB-C (uma dedicada a energia elétrica e outra a transmissão de dados), duas portas USB-A (o antigo padrão da indústria), um slot para cartão de memória SD e um slot para cartão microSD. Para fechar o pacote, há ainda uma porta HDMI capaz de levar vídeo em resolução 4K para um monitor externo.

O lançamento, que faz parte do circuito da CES 2018, empolgou na visita que fizemos ao espaço da marca em um hotel de Las Vegas. O Nucluem eleva a conveniência por evitar a compra de diversos dongles individuais, alguns deles fabricados pela própria. Ele pode ser uma aquisição mais certeira para quem trabalha com produção audiovisual, por exemplo.

Nucleum tem sete portas: USB-C, USB-A e lots de cartão de memória (Foto: Thássius Veloso / TechTudo) Nucleum tem sete portas: USB-C, USB-A e lots de cartão de memória (Foto: Thássius Veloso / TechTudo)

Nucleum tem sete portas: USB-C, USB-A e lots de cartão de memória (Foto: Thássius Veloso / TechTudo)

O macOS é capaz de ler todas as portas do Nucleum simultaneamente. O usuário pode mover documentos de um pendrive para outro sem qualquer tipo de dificuldade ou interferência. Além disso, o HDMI compatível com altíssima resolução se mostrou impecável na entrega de vídeo sem atrasos ao monitor externo.

A Kingston recomenda o seguinte fluxo para uso do novo equipamento: conectar o adaptador de tomada do MacBook em uma fonte de energia e plugar sua porta USB-C ao Nucleum. Na sequência, conectar os demais equipamentos eletrônicos (pendrives, câmeras, cartões etc), e depois plugar um único cabo USB-C ao laptop da Apple.

Porta HDMI transmite imagens em resolução 4K (Foto: Thássius Veloso / TechTudo) Porta HDMI transmite imagens em resolução 4K (Foto: Thássius Veloso / TechTudo)

Porta HDMI transmite imagens em resolução 4K (Foto: Thássius Veloso / TechTudo)

O MacBook possui somente uma porta USB-C na lateral. Por sua vez, o MacBook Pro oferece de duas a quatro entradas do tipo, dependendo do modelo escolhido pelo consumidor.

O Nucleum da Kingston custa US$ 80, o que dá aproximadamente R$ 260 pelo câmbio do dia. O escritório da Kingston confirmou que o produto será lançado no Brasil entre janeiro e março. O preço não foi informado.

Apesar do claro apelo entre a comunidade dona de MacBook, o Nucleum também funciona em notebooks de outras fabricantes e com sistema Windows.

O jornalista viajou para os Estados Unidos a convite da Panasonic.

Quer descobrir qual versão do MacBook comprar? Veja dicas no Fórum do TechTudo.

MAIS DO TechTudo