Por Isabela Giantomaso, para o TechTudo


A DJI e a Microsoft anunciaram nesta segunda-feira (7) durante a Build 2018, conferência para desenvolvedores, uma parceria para tornar os drones ainda mais inteligentes e úteis no uso comercial. Por meio de um SDK (software development kit, ou kit de desenvolvimento de software, em português), usuários poderão criar, personalizar e controlar remotamente os quadricópteros com aplicativos para Windows 10. A novidade deve deixar os equipamentos mais flexíveis e com tecnologia avançada.

Em uma demonstração com um DJI Mavic Air, as empresas apresentaram como o drone poderá usar também o Azure IoT Edge, plataforma de Internet das Coisas na nuvem da Microsoft, com a inteligência artificial para potencializar o uso. O aparelho sobrevoou canos que representavam a estrutura de uma empresa e automaticamente identificou e sinalizou uma anomalia na peça.

DJI Spark: primeiras impressões do drone

DJI Spark: primeiras impressões do drone

Na prática, a novidade deve auxiliar em áreas como segurança pública, construção civil e agricultura. No último setor, já há um projeto, inclusive, em que a DJI e a Microsoft estão trabalhando juntas para criar uma forma de fazer análise de dados com as imagens aéreas — utilizando também a tecnologia de machine learning (aprendizado de máquina).

Com um algoritmo de mapeamento da fabricante de drones, um mapa de calor identifica em tempo real as condições do solo para a germinação de sementes, permitindo que o agricultor organize sua estratégia de plantio. O processo, além de poupar trabalho manual, pode evitar danos e prejuízos às empresas.

Parceria entre empresas vai permitir criar aplicativos para controlar drones, além de usar inteligência artificial — Foto: Divulgação/DJI Parceria entre empresas vai permitir criar aplicativos para controlar drones, além de usar inteligência artificial — Foto: Divulgação/DJI

Parceria entre empresas vai permitir criar aplicativos para controlar drones, além de usar inteligência artificial — Foto: Divulgação/DJI

De acordo com Roger Luo, presidente da DJI, levar o poder das plataformas aéreas da fabricante de drones até o ecossistema de desenvolvimento da Microsoft poderá otimizar o dia a dia das empresas.

“Usando o novo SDK, em breve os desenvolvedores de produtos para Windows poderão usar tecnologias de drone, IA e aprendizado de máquina para criar robôs voadores inteligentes que pouparão tempo e dinheiro para os negócios e ajudarão a transformar a tecnologia de drones em algo essencial para o local de trabalho”, afirma.

Tecnologia pode ajudar a mapear locais e entregar relatórios de dados em tempo reais para empresas — Foto: Divulgação/DJI Tecnologia pode ajudar a mapear locais e entregar relatórios de dados em tempo reais para empresas — Foto: Divulgação/DJI

Tecnologia pode ajudar a mapear locais e entregar relatórios de dados em tempo reais para empresas — Foto: Divulgação/DJI

A partir de hoje, os participantes da Build 2018 já poderão visualizar a versão beta do SDK da DJI para o Windows 10. Para o público geral, porém, o kit deve ficar disponível apenas no segundo semestre de 2018.

Qual tipo de drone vale a pena no Brasil? Comente no Fórum do TechTudo.

MAIS DO TechTudo