Por Thiago Pereira, para o TechTudo

email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp

Neste domingo (27) ocorreu a final do segundo qualificatório aberto da América do Sul para o Americas Minor de Counter-Strike: Global Offensive. A classificatória foi disputada por mais de 70 equipes do cenário sul-americano.

No último confronto, a FURIA liderada por Andrei "arT" Piovezan, venceu a YEAH! por 2 a 1. Os panteras agora se juntam ao time da Não Tem Como, vencedor do primeiro qualificatório, na disputa, que acontecerá entre os dias 7 e 11 de julho, em Londres.

Os dois primeiros colocados no Minor irão se classificar para o FACEIT Major: London 2018 — Foto: Divulgação/FACEIT Os dois primeiros colocados no Minor irão se classificar para o FACEIT Major: London 2018 — Foto: Divulgação/FACEIT

Os dois primeiros colocados no Minor irão se classificar para o FACEIT Major: London 2018 — Foto: Divulgação/FACEIT

O caminho das equipes até a grande final

O último duelo foi protagonizado pelas equipes da FURIA eSports e da YEAH!. Os times, que são referência do cenário sul-americano de CS:GO, fizeram um confronto em melhor de 3 (MD3), marcado por muitas estratégias e grandes jogadas.

A equipe da FURIA, composta por Guilherme "spacca" Spacca, Yuri "yuurih" Gomes, Andrei "arT" Piovezan, Vinicius "VINI" Figueiredo e Kaike "kscerato" Cerato, teve que vencer a equipe da Isurus por 16 a 11 e a Bulldozer por 2 a 0 para garantir a vaga na final.

Já a equipe da YEAH!, formada pelos jogadores Caio "zqk" Fonseca, Guilherme "duken" Góes, Alexandre "xand" Zizi, Victor "bld" Junqueira e Caike "caike" Costa, venceu a JOGANET por 16 a 5 e a Sharks por 2 a 1 para chegar até a final.

Mapa 1: Train

YEAH! 16 x 13 FURIA

O primeiro duelo foi o mais disputado da MD3. No mapa da Train, a equipe da YEAH! venceu o round pistol, mas viu a FURIA se recuperar e abrir 3 a 1. Com grandes jogadas individuais, o time liderado por zqk, conseguiu se recuperar, fechando o primeiro half em 9 a 6.

Na segunda metade do mapa, as equipes mantiveram um grande desempenho, o que fez com que cada round fosse muito disputado. Ao final, a YEAH! conseguiu vencer mais 7 rounds, fechando o mapa por 16 a 13.

Mapa 2: Inferno

FURIA 16 x 04 YEAH!

No segundo mapa, Inferno, a YEAH! foi totalmente controlada. A equipe da FURIA deu um show de estratégia e agressividade em suas jogadas. No primeiro half, os Panteras dominaram o lado CT, o que os fez abrir uma incrível vantagem de 12 a 03.

Na metade final, a equipe da FURIA manteve o seu controle. Com avanços rápidos e efetivos, conseguiu fechar o confronto em 16 a 04.

O grande destaque na Inferno foi Guilherme "spacca" Spacca, terminando com um rating de 1.81.

Mapa 3: Mirage

FURIA 16 x 10 YEAH!

No último mapa do confronto, a equipe da FURIA conseguiu abrir uma grande vantagem no lado TR. Com uma grande apresentação de Yuri "yuurih" Gomes, a equipe dos Panteras venceu a primeira metade por 11 a 04.

Já na segunda metade do mapa, a YEAH! conseguiu se recuperar ao vencer alguns rounds importantes, mas a FURIA manteve a tranquilidade para fechar o mapa em 16 a 10, garantindo a vaga para disputar o Americas Minor.

Equipe da FURIA comemora o título para o Minor que acontecerá em Londres — Foto: Divulgação/Furia eSports Equipe da FURIA comemora o título para o Minor que acontecerá em Londres — Foto: Divulgação/Furia eSports

Equipe da FURIA comemora o título para o Minor que acontecerá em Londres — Foto: Divulgação/Furia eSports

FURIA e NTC poderão se juntar aos brasileiros da SK Gaming no FACEIT Major

Além de US$ 50 mil (R$ 185,2 mil) em premiações, o Minor é o caminho para se conquistar as duas vagas da América para o Major da FACEIT. Na disputa, além dos brasileiros da NTC e FURIA, também estarão seis times classificados pelas qualificatórias fechadas da América do Norte.

O campeonato mundial (Major) de CS:GO irá ocorrer entre os dias 20 e 23 de setembro, em Londres, e já conta com equipes com status de lendas, como FaZe Clan, Natus Vincere e a brasileira SK Gaming.

MAIS DO TechTudo