Por Nicolly Vimercate, Do Google I/O 2018, em Mountain View, EUA*


A JBL Link Bar é uma soundbar inteligente lançada esta semana, que é fruto da parceria da empresa com a Google. Seu principal diferencial é vir embarcada com a Google Assistente e o Android TV. Além de configurações robustas e som de qualidade, o aparelho deve chegar ao mercado inaugurando uma nova categoria: a das barras de som inteligentes. Por ser smart, a Link Bar é capaz de ouvir comandos de voz do usuário e executar funções na televisão e em outros dispositivos conectados.

O TechTudo acompanhou a apresentação do dispositivo durante a Google I/O 2018 e responde, a seguir, cinco perguntas com as informações que já estão disponíveis sobre preço, lançamento e configurações do produto.

JBL e Google se uniram para criar a Link Bar, uma soundbar inteligente — Foto: Nicolly Vimercate/TechTudo JBL e Google se uniram para criar a Link Bar, uma soundbar inteligente — Foto: Nicolly Vimercate/TechTudo

JBL e Google se uniram para criar a Link Bar, uma soundbar inteligente — Foto: Nicolly Vimercate/TechTudo

É uma soundbar de qualidade?

O design do aparelho é fino e bem parecido ao de outras soundbars e ele se enquadra perfeitamente abaixo da TV, como mostra a foto. Os botões que ficam na parte de cima cima têm funções de ligar e desligar, aumentar e diminuir o volume, Bluetooth e um que serve para trocar manualmente o dispositivo conectado à barra de som. Também há dois microfones embutidos.

Atrás ficam as entradas HDMI – quatro no total – com suporte, inclusive, a conteúdo em 4K. A Link Bar tem 100W de potência e suporta um subwoofer de 200 W, que não estará incluído no pacote, mas pode ser útil para quem quer aumentar a sensação de ter um cinema em casa.

JBL Link Bar tem botões na parte de cima e quatro entradas HDMI — Foto: Nicolly Vimercate/TechTudo JBL Link Bar tem botões na parte de cima e quatro entradas HDMI — Foto: Nicolly Vimercate/TechTudo

JBL Link Bar tem botões na parte de cima e quatro entradas HDMI — Foto: Nicolly Vimercate/TechTudo

Ainda não há muitos detalhes sobre as configurações da soundbar, mas, como a JBL é uma empresa de áudio, é esperado que ela conte com boa qualidade e cumpra bem sua função.

Junto com a barra de som, virá um controle (ainda não disponível na demonstração) que terá um microfone embutido para que nem sempre seja necessário gritar pela casa para se comunicar com o aparelho.

A Google Assistente faz diferença?

Ao colocar um assistente virtual na soundbar, a Google mudou o aparelho de categoria. A JBL Link Bar é mais do que um dispositivo para melhorar a qualidade do som da TV. Com a Google Assistente, ela se torna o “cérebro” que comanda outros gadgets ao redor e promete fazer isso de um jeito simples e fluido para o dia a dia das pessoas.

Embora não seja tão inteligente quanto o assistente dos celulares Android, o software será capaz de se equiparar ao do Google Home, caixa de som smart da companhia.

A barra fica sempre ligada e basta falar “Hey, Google” para que comece a executar as tarefas. Ela consegue entender qual aparelho está conectado em cada porta HDMI e fazer a transição entre eles para executar a ação que foi pedida.

A Link Bar fica sempre ligada e basta falar "Hey, Google" para que ela execute os comandos — Foto: Nicolly Vimercate/TechTudo A Link Bar fica sempre ligada e basta falar "Hey, Google" para que ela execute os comandos — Foto: Nicolly Vimercate/TechTudo

A Link Bar fica sempre ligada e basta falar "Hey, Google" para que ela execute os comandos — Foto: Nicolly Vimercate/TechTudo

Entre os comandos que o assistente instalado na Link Bar entende estão: dar play em um filme na Netflix ou outro aplicativo, voltar o filme alguns minutos, abrir um jogo, colocar uma música de um gênero específico para tocar, pausar e continuar o som, mostrar a agenda do usuário, mostrar como está o clima, entre outros.

A proposta da Google é tornar o processo mais rápido do que usar um controle remoto. A empresa quer que as pessoas conversem com a soundbar e controlem os dispositivos ao redor sem ter que tocar em nada.

É necessário ter outros aparelhos inteligentes para usar a Link Bar?

Não exatamente. Quem quiser quiser ter uma casa smart e não souber por onde começar, poderá optar pela Link Bar. O aparelho vai funcionar em conjunto com outros eletrônicos, como TV (smart ou comum), PlayStation, lâmpadas, entre outros, desde que estejam conectados em uma das portas HDMI. Basta falar com a barra de som e ela se encarrega de desligar e ligar outros dispositivos, além de executar outras ações em cada um.

JBL Link Bar pode funcionar em conjunto com o Playstation — Foto: Nicolly Vimercate/TechTudo JBL Link Bar pode funcionar em conjunto com o Playstation — Foto: Nicolly Vimercate/TechTudo

JBL Link Bar pode funcionar em conjunto com o Playstation — Foto: Nicolly Vimercate/TechTudo

Quando será o lançamento e qual será o preço?

A JBL Link Bar ainda não tem data de lançamento definida. Durante a demonstração, o representante da Google se limitava a dizer “inverno de 2018” (nos Estados Unidos), ou seja, dezembro deste ano. Também não há indícios de que o aparelho chegará ao Brasil, já que o assistente da soundbar teria que falar português e estar treinado para lidar com os comandos de usuários do país.

O preço, segundo a Google, não será muito diferente de outros aparelhos de som da JBL no mesmo estilo. Deve ficar na média – nem será o mais barato, nem o top de linha da marca. Para fins de comparação, as soundbars da JBL à venda no Brasil custam, em média, entre R$ 600 e R$ 2.800.

Vale a pena comprar a JBL Link Bar?

Já existem outros aparelhos inteligentes que têm o objetivo de facilitar a vida do usuário: home speakers, smart TVs, os novos smart displays e o próprio celular. Eles não cumprem as mesmas funções que o recém-lançado gadget da JBL, mas podem sair mais barato.

No entanto, para quem já está à procura de uma soundbar de qualidade, as configurações podem compensar o preço quando este for revelado. Resta aguardar para saber o quão inteligente o aparelho será e colocar isso na balança ao compará-lo com dispositivos com som mais potente.

* A jornalista viajou para Mountain View a convite da Google

Ainda vale comprar um Home Theater? Comente no Fórum do TechTudo.

MAIS DO TechTudo