Street Fighter V: Didimokof conquista seu primeiro título do ano

Confira como o melhor jogador de Dhalsim do Brasil conquistou a final do circuito King of the Diamond

email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp

Por Luís Ricardo Freitas, para o TechTudo

Renato "Didimokof" Martins finalmente despontou para o ano de 2018 com sua primeira vitória nos torneios de Street Fighter V. Conhecido por utilizar-se do clássico Dhalsim de forma ofensiva e dominadora no espaço das lutas, o atleta paulista da Top Fighter bateu o cearense Renan "StunneR" Furtado e sua Cammy por acirrados 3 a 2 na grande final do evento.

"Didimokof" utilizou-se do clássico Dhalsim para vencer o King of the Diamond (Foto: Reprodução/Capcom) "Didimokof" utilizou-se do clássico Dhalsim para vencer o King of the Diamond (Foto: Reprodução/Capcom)

"Didimokof" utilizou-se do clássico Dhalsim para vencer o King of the Diamond (Foto: Reprodução/Capcom)

O King of the Diamond, circuito promovido pela equipe brasileira Kombat Klub, deu direito de participação apenas aos jogadores ranqueados nas ligas superiores a categoria Diamond do modo online de SFV. Antes dessa etapa final, oito classificatórias foram disputadas entre os dias 12 de março a 30 de abril, semanalmente às segundas-feiras. Confira os resultados finais:

Classificação final do King of the Diamond

Posição Equipe Jogador Lutador(es) Método Classificatório
Top Fighters Renato "Didimokof" Martins Dhalsim Vencedor da 6ª etapa
Umbrella Renan "Stunner" Furtado Cammy Vencedor da 4ª etapa
AAG Elvis "Shingolex" Cássio Balrog Vencedor da 2ª etapa
uB Felipe "Destroyer" Barbosa Nash Vencedor da 5ª etapa
- Arthur "Arthuro-Ray" Araújo Akuma Vencedor da 8ª etapa
Umbrella Diego "DARK" Lins Birdie, Urien Vencedor da 1ª etapa
- Durval "Kim-2K" Cardoso Laura Vencedor da 7ª etapa
- Rodrigo "Stridervog" Lins Ibuki Vencedor da 3ª etapa

O duro caminho até a final

Didimokof venceu três partidas até chegar na grande final. O primeiro foi Durval "Kim-2K" Cardoso, em virada espetacular de 3 a 2 ao quase perder para a versátil Laura. Depois superou de forma sólida por 3 a 0, a agressividade do Akuma de Arthur "Arthuro-Ray" Araújo. E então, venceu a final da winners contra o temível Balrog de Élvis "Shingolex" Cássio num disputado 3 a 2.

StunneR teve que sedimentar seu caminho pela repescagem ao perder a primeira luta da noite para o prodígio Felipe "Destroyer" Barbosa e seu Nash em 3 a 2. O que se viu da reação do cearense foi incrível: puniu os erros de execução da Ibuki de Rodrigo Lins em 3 a 2, mostrou conhecimento em jogo aéreo superando o Akuma de Arthuro-Ray em 3 a 1 e teve direito a revanche contra um Destroyer menos paciente por 3 a 0.

Por fim, conquistou acesso a grande final ao derrotar o Balrog de Shingolex em 3 a 1, com direito até a um double K.O. nesta partida.

A reação do Dhalsim de "Didimokof" após cada ataque foi bem utilizado para chegar à vitória (Foto: Reprodução/Kombat Klub) A reação do Dhalsim de "Didimokof" após cada ataque foi bem utilizado para chegar à vitória (Foto: Reprodução/Kombat Klub)

A reação do Dhalsim de "Didimokof" após cada ataque foi bem utilizado para chegar à vitória (Foto: Reprodução/Kombat Klub)

Na grande final, vimos que StunneR, por vir da losers após passar por quatro oponentes, tinha que resetar a bracket para levar o campeonato. Ele venceu o primeiro game, mas Didimokof usou da sua melhor habilidade: o conhecimento da movimentação de cada personagem do game.

Dhalsim possui bastante controle de espaço da tela e induziu a Cammy de StunneR a vários erros, com direito a fireball EX acertando em cross durante wake up por duas vezes ao finalizar rounds. Foi assim que Renato conquistou seu primeiro título do ano.

A premiação foi adquirida no formato de "pote dinâmico" que conta com doações de espectadores e jogadores da comunidade. Curiosamente, a partida entre StunneR e Didimokof foi uma revanche da Liga Brasileira de SFV, o primeiro campeonato oficial do mundo para a versão Arcade Edition do game, realizada no dia 20 de janeiro.

MAIS DO TechTudo