Projetores

Por Gabriel Ribeiro, para o TechTudo


O Gosho é um miniprojetor que já bateu a meta de financiamento coletivo no Indiegogo. O aparelho é um pequeno cubo portátil que pesa em torno de 400 g e é capaz de reproduzir imagens em até 200 polegadas. Com funcionalidades smart, o dispositivo consegue transmitir conteúdo de um celular, além de ser compatível com os principais media centers do mercado.

A recompensa mínima para levar o Gosho parte de US$ 299 (preço em torno de R$ 1.139, em conversão direta e sem os custos de importação). O frete para o Brasil é de US$ 19 (R$ 72), com o envio previsto a partir de agosto.

Kickstarter e Indiegogo : entenda o que são os sites de financiamento coletivo

Kickstarter e Indiegogo : entenda o que são os sites de financiamento coletivo

O principal destaque do Gosho é a configuração poderosa aliada à portabilidade. A proposta é que o usuário possa carregar o projetor na bolsa sem qualquer dificuldade. Para fins de comparação, o XGIMI CC Aurora, um dos seus concorrentes, pesa mais de 1 kg.

A fabricante 1byone Products introduziu em um cubo de pouco mais de 9,1 cm uma série de tecnologias que amplia o uso do projetor. O modelo permite espelhar a tela de smartphones, tablets e notebooks, independente do sistema operacional, graças aos protocolos AirPlay (iOS), Miracast e DLNA. O aparelho também traz compatibilidade com a Google Assistente e a Amazon Alexa – o que permite, assim, controlá-lo por comandos de voz.

Playstation 4 pode ser plugado ao Gosho — Foto: Divulgação/Indiegogo

Além da conectividade sem fio, o acessório traz portas e conexões. Por meio do USB e HDMI, é possível plugar media centers como o Chromecast e o Fire Stick TV, consoles como o PS4 e Xbox One e também reproduzir filmes de pen drives e HDs. O Gosho também conta com um sistema operacional próprio baseado no Linux e um controle remoto para tornar a navegação no menu mais intuitiva.

Gosho reproduz imagens até 200 polegadas — Foto: Divulgação/Indiegogo

A imagem pode ser reproduzida em resolução HD. Com o brilho de 180 ANSI Lumens e o contraste de 8000:01:00, o Gosho promete entregar vídeos com boa nitidez e definição de cores mesmo em ambientes iluminados. A vida útil da lâmpada é de 30 mil horas, segundo a empresa.

Apesar do tamanho, o aparelho também conta com alto-falante duplo embutido, que deve ser capaz de reproduzir áudio a uma potência de 3 W. A bateria de 11.000 mAh tem promessa de até quatro horas de autonomia.

Gosho também está disponível na cor branco e é compatível com a Alexa, assistente pessoal da Amazon — Foto: Divulgação/Indiegogo

Via Indiegogo

Qual o melhor projetor para PlayStation? Confira dicas no Fórum do TechTudo

Mais do TechTudo