Por por Lucas Schuenck, para o TechTudo

email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp

A Luminosity Gaming anunciou, no último domingo (10), a adição de Lucas "LUCAS1" Teles e Henrique "HEN1" Teles à sua line up de Counter Strike Global Offensive. Os gêmeos, considerados grandes revelações do cenário brasileiro nos últimos anos, estavam sem time desde que saíram da NTC.

O awper e o rifler entram na equipe brasileira para substituir Gustavo "SHOOWTiME" Gonçalves e Vinicios "PKL" Coelho. O time conta ainda com Gustavo "yeL" Knittel, Gabriel "NEKIZ" Schenato, Lucas "steel" Lopes e com o técnico Rafael "zakk" Fernandes". Saiba mais sobre a trajetória dos jogadores, que já disputaram uma final de Major.

 Lucas "LUCAS1" Teles e Henrique "HEN1": relembre trajetória dos gêmeos no Counter Strike: Global Offensive — Foto: Divulgação/Valve  Lucas "LUCAS1" Teles e Henrique "HEN1": relembre trajetória dos gêmeos no Counter Strike: Global Offensive — Foto: Divulgação/Valve

Lucas "LUCAS1" Teles e Henrique "HEN1": relembre trajetória dos gêmeos no Counter Strike: Global Offensive — Foto: Divulgação/Valve

Do amadorismo ao palco de uma final mundial

LUCAS1 e HEN1 foram descobertos por Gabriel "FalleN" Toledo em 2013, que os adicionou à line up de seu então time na época, a KaBuM! e-Sports. A equipe, que contava ainda com Fernando "fer" Alvarenga e Lincoln "fnx" Lau, conquistou bons resultados no cenário nacional, mas não se destacou nos mundiais. Vale lembrar que nesta época o esporte eletrônico ainda era incipiente em terras tupiniquins.

A experiência dos dois jogadores continuou em outros times brasileiros, mas foi na equipe da Games Academy, em 2016, que eles se destacaram no cenário competitivo. Ao lado de SHOOW TiME, João "felps" Vasconcellos, Ricardo "boltz" Prass e sob a tutela de Luis "peacemaker" Tadeu, os irmãos conquistaram a MLG Columbus 2016 - Americas Last Chance Qualifier e despertaram o interesse da organização americana Tempo Storm, que não perdeu tempo e comprou a equipe.

A dupla conseguiu conquistas relevantes pela organização da América do Norte, como os primeiros lugares da CEVO Pro League Season 9 (3x1 contra a SK Gaming) e a ESEA Season 21: Premier Divison - NA Finals (2x0 contra a Ze Pug Gods). Em junho de 2016, a Immortals contratou os gêmeos, que passaram a jogar com SHOOWTiME, felps e boltz.

A primeira grande conquista de casa nova veio logo no primeiro mês de atuação, e em grande estilo: a equipe conquistou o campeonato Premiere DreamHack Open Summer 2016, desbancando a lendária Ninjas In Pyjamas, de Christopher "GeT_RiGhT" Alesund, por dois mapas a zero. E as vitórias não pararam por aí: eles venceram a Northern Arena 2016 (2x1 contra a Cloud9) e a iBUYPOWER Masters (2x1 contra a Cloud9).

Mas foi em julho de 2017 que os gêmeos ganharam reconhecimento mundial, quando a Immortals participou da PGL Major Krakow. O time, que na época contava com os gêmeos, boltz, steel e Vito "kNg" Giuseppe, surpreendeu ao passar para os play-offs, deixando para trás equipes mais cotadas como Na'Vi, Cloud9, G2 Esports e mousesports.

Na fase eliminatória, entretanto, eles demostraram que a classificação não foi pura sorte. A equipe brasileira venceu a alemã BIG na quartas de final por dois mapas a um. Disputar uma semifinal contra a história Virtus.pro era um feito memorável para o time, em seu primeiro Major, e eles foram além. Em uma partida memorável, os gêmeos e companhia venceram a Virtus.pro por dois a zero e garantiram vaga na final.

HEN1 representou a Immortals na PGL Major Krakow — Foto: Divulgação/ESL HEN1 representou a Immortals na PGL Major Krakow — Foto: Divulgação/ESL

HEN1 representou a Immortals na PGL Major Krakow — Foto: Divulgação/ESL

Em partida apertada contra a Gambit Esports, a Immortals não se deu bem: perdeu a série por 2x1 e ficou com o segundo lugar no campeonato. A equipe faturou o prêmio de US$ 150.000 (cerca de R$ 600 mil na cotação atual).

Após se envolverem em algumas polêmicas, a line up foi desfeita pela organização em dezembro de 2017. Na época, os gêmeos se juntaram à fnx e kng no novo time da 100Thieves, que tinha vaga no próximo Major por terem chegado à final na Cracóvia. Por problemas de visto, no entanto, os atletas não puderam participar da competição. A parceria com 100Thieves não durou muito: os irmãos se envolveram em mais polêmicas e ficaram sem organização novamente .

No início de 2018, HEN1 e LUCAS1 tentaram jogar ao lado de fnx em sua nova equipe, a Não Tem Como, mas a parceria durou só um mês. Agora, a novela parece ter chegado ao fim com contratação da duplas pela Luminosity (este é, pelo menos, o desejo dos torcedores brasileiros do segmento).

MAIS DO TechTudo