Por Paulo Alves, para o TechTudo

macOS Mojave, com modo noturno, é anunciado na WWDC 2018  macOS Mojave, com modo noturno, é anunciado na WWDC 2018 

macOS Mojave é a nova versão do sistema operacional da Apple para MacBook, iMac e Mac Pro anunciado nesta segunda-feira (4), durante a WWDC 2018. Um dos grandes destaques do sistema é o modo noturno, que já era aguardado pelos usuários, e deve ser útil apra fotógrafos e desenvolvedores — principal público da conferência, que acontece em Cupertino, nos EUA.

Além disso, o Mac fica mais integrado com o iPhone, herdando apps do iOS e aprimorando o recurso de continuidade. O sistema traz uma ferramenta de organização automática do desktop, novo recurso de screenshots e mais proteção à privacidade do usuário no Safari. A atualização será liberada gratuitamente a partir de setembro. Veja, a seguir, as principais mudanças do macOS 10.14, o Mojave.

macOS Mojave, novo sistema operacional da Apple, conta com modo noturno e loja de apps reformulada — Foto: Divulgação macOS Mojave, novo sistema operacional da Apple, conta com modo noturno e loja de apps reformulada — Foto: Divulgação

macOS Mojave, novo sistema operacional da Apple, conta com modo noturno e loja de apps reformulada — Foto: Divulgação

Modo Escuro

Como já se esperava, o macOS Mojave ganhará um novo Modo Noturno (ou Escuro) capaz de mudar a paleta de cores do sistema e de todos os apps abertos no Mac. A novidade substitui o recurso atual, que permite escurecer apenas a barra de menus e o dock. Será possível também usar a função no modo automático, que muda o fundo da tela gradualmente ao pôr do sol. A Apple destaca esse recurso como útil para os editores profissionais de mídia que buscam minimizar as distrações, mas pode ser uma adição interessante para qualquer pessoa que usa o Mac tarde da noite.

Modo Escuro muda paleta de cores de apps do macOS — Foto: Divulgação/Apple Modo Escuro muda paleta de cores de apps do macOS — Foto: Divulgação/Apple

Modo Escuro muda paleta de cores de apps do macOS — Foto: Divulgação/Apple

Finder e mesa

A nova função Stacks permite organizar automaticamente todos os arquivos e pastas da área de trabalho do Mac. O recurso agrupa itens por tipo, eliminando de forma automática a bagunça do desktop. É possível personalizar as pilhas de arquivos por data e tags.

O Finder traz ainda a função Exibição de Galeria para melhorar a navegação em uma pasta cheia de documentos ou fotos. O gerenciador do Mac ganha ações rápidas para criar ou proteger PDFs com senha, além de executar tarefas do Automator. Segundo a Apple, o usuário poderá aplicar uma marca d’água em imagens com um clique, sem precisar abrir um programa de edição de fotos.

macOS permitirá agrupar arquivos da mesa automaticamente por tipo ou data — Foto: Divulgação/Apple macOS permitirá agrupar arquivos da mesa automaticamente por tipo ou data — Foto: Divulgação/Apple

macOS permitirá agrupar arquivos da mesa automaticamente por tipo ou data — Foto: Divulgação/Apple

Pré-visualização e Screenshots

A ferramenta Quick Look oferece uma visualização rápida de um arquivo com funções avançadas para girar e recortar imagens, além de anotar e desenhar sobre PDFs. As funções de edição também valem para recortes simples em clipes de áudio e vídeo, tudo a partir da pré-visualização. Já ao acionar o recurso de captura de tela, usuários de Mac poderão, enfim, gravar vídeos da tela para colar em apresentações e documentos.

Nova Mac App Store

A loja oficial de apps do macOS ganhará um redesenho completo na versão Mojave. A Mac App Store traz mais conteúdo selecionado pelos editores em destaque, assim como a loja do iPhone. Usuários poderão buscar apps separados em categorias como Discover, Create, Work, Play e Develop. A plataforma ainda oferecerá pela primeira vez, em breve, o download do Office 365 da rival Microsoft, incluindo programas famosos como Word, PowerPoint e Excel.

Mac App Store ganha reformulação no macOS Mojave — Foto: Divulgação/Apple Mac App Store ganha reformulação no macOS Mojave — Foto: Divulgação/Apple

Mac App Store ganha reformulação no macOS Mojave — Foto: Divulgação/Apple

Apps do iOS

Embora tenha negado rumores sobre a fusão com o iOS, a Apple admitiu levar apps da App Store ao macOS. A partir de 2019, desenvolvedores poderão adaptar de forma simples apps já existentes de iOS para publicar também na loja do Mac. A tendência é que programas voltados para o iPad sejam selecionados para a migração. Este ano, as primeiras novidades serão os apps News, Stocks, Voice Memos e Home, todos desenvolvidos pela própria Apple e disponibilizados nativamente no macOS Mojave a partir do segundo semestre.

iOS 12: conheça os destaques do novo sistema da Apple

iOS 12: conheça os destaques do novo sistema da Apple

Continuidade

Outra medida que melhora a integração do macOS com o iOS é o recurso continuidade para a câmera do iPhone. Usuários poderão inserir fotos da câmera do celular em uma apresentação do Mac rapidamente, ou transferir páginas escaneadas no celular para um documento em montagem no computador. Para funcionar, basta clicar com o botão direito sobre uma página vazia do Keynote ou do Pages e selecionar a opção adequada. A comunicação com o iPhone será realizada de forma automática.

Home é o primeiro app do iOS a chegar ao macOS — Foto: Divulgação/Apple Home é o primeiro app do iOS a chegar ao macOS — Foto: Divulgação/Apple

Home é o primeiro app do iOS a chegar ao macOS — Foto: Divulgação/Apple

Segurança e privacidade

Localizadores embutidos em sites serão automaticamente desativados pelo Safari, que emitirá alertas sempre que informações pessoais forem solicitadas. O usuário deverá habilitar manualmente o funcionamento de alguns recursos de páginas web, como caixas de comentários conectadas a redes sociais, para evitar o rastreamento da navegação.

Outra melhoria impede que sites identifiquem o dispositivo do usuário mesmo ao usar a navegação privada. Por padrão, o Safari irá informar menos dados da máquina para sites visitados, confundindo sistemas de rastreamento que buscam acompanhar o usuário online para mostrar anúncios.

Mais do TechTudo