Por Julio César Puiati, para o TechTudo


O torneio de League of Legends Rift Rivals 2018 já tem data e lugar para acontecer. A Riot Games, desenvolvedora do jogo, divulgou informações sobre a segunda edição do campeonato, que foi criado em 2017. Neste ano, São Paulo foi escolhida para sediar as partidas entre CBLoL, América Latina Sul (CLS) e América Latina Norte (LLN). Os jogos serão disputados entre 4 e 8 de julho, nos estúdios da desenvolvedora, mas sem a presença do público.

A competição tem como objetivo estimular a rivalidade entre as 14 regiões do cenário internacional de LOL. Os campeões e vice-campeões de cada uma das três ligas estão classificados: KaBuM e Vivo Keyd pelo Brasil, Rainbow7 e Infinity eSports pelo Latam Norte e KLG e Rebirth eSports pelo lado sul do continente americano.

KaBuM e Vivo Keyd são o Brasil no Rift Rivals 2018! — Foto: Divulgação/Riot Games KaBuM e Vivo Keyd são o Brasil no Rift Rivals 2018! — Foto: Divulgação/Riot Games

KaBuM e Vivo Keyd são o Brasil no Rift Rivals 2018! — Foto: Divulgação/Riot Games

O Brasil é o atual campeão do Rift Rivals local. Na ocasião, RED Canids e Keyd Stars uniram forças contra Furious Gaming, Isurus Gaming, Just Toys Havoks e Lyon Gaming. Murilo "takeshi" Alves, à época mid laner dos Guerreiros, foi um dos grandes destaques da competição com o maior KDA geral (7.09). Gustavo "Sacy" Rossi, da Matilha, também brilhou.

Regulamento

Na primeira rodada, organizações de regiões diferentes enfrentam-se entre si em duelos MD1. KaBuM e Vivo Keyd, por exemplo, medirão forças, separadamente, contra Rainbow7, Infinity, KLG e Rebirth. Ao final das partidas, a liga com o melhor desempenho se classifica automaticamente para a grande final. As regiões perdedoras disputam a segunda vaga no sistema MD5.

O confronto derradeiro também funcionará no formato melhor de cinco. Caso a Riot Games mantenha as regras da edição anterior, equipes de um mesmo campeonato poderão se alternar em Summoner's Rift durante as finais. Os jogos começam a partir das 17h, com transmissão da Twitch e também do YouTube. Outras informações serão divulgadas em breve.

  • Primeira fase: sistema MD1;
  • Disputa entre segundo e terceiro lugar: sistema MD5;
  • Grande final: sistema MD5

Regulamento do Rift Rivals 2018 — Foto: Divulgação/Riot Games Regulamento do Rift Rivals 2018 — Foto: Divulgação/Riot Games

Regulamento do Rift Rivals 2018 — Foto: Divulgação/Riot Games

Equipes

Conheça abaixo as equipes classificadas para a edição 2018:

KaBum e-Sports

  • Região: CBLoL
  • Desempenho: primeiro lugar
  • Técnico: Lee "Hiro" Woo-suk
  • Time titular: Luccas "Zantins" Martins (topo), Filipe "Ranger" Brombilla (caçador), Matheus "Dynquedo" Rossini (meio), Alexandre "TitaN" Lima (atirador) e Willyan "Wos" Bonpam (suporte)

Vivo Keyd

  • Região: CBLoL
  • Desempenho: segundo lugar
  • Técnico: Hugo "Galfi" Garcia
  • Time titular: Felipe "Yang" Zhao (topo), Gabriel "Revolta" Henud (caçador), Gabriel "tockers" Claumann (meio), Micael "micaO" Rodrigues (atirador) e Luan "Jockster" Cardoso (suporte)

Rainbow7

  • Região: América Latina Norte
  • Desempenho: primeiro lugar
  • Técnico: Rodrigo "Yeti" del Castillo
  • Time titular: Daniel "Jirall" del Castillo (topo), Sebastián "Oddie" Alonso (caçador), Édgar "Seiya" Ali (meio), Matías "WhiteLotus" Musso (atirador) e Mariano "Genthix" Polonsky (suporte)

Infinity eSports

  • Região: América Latina Norte
  • Desempenho: segundo lugar
  • Técnico: Carlos "Soren" Ibarra
  • Time titular: José "Relic" Pombo (topo), Diego "SolidSnake" Vallejo (caçador), Sergio "Cotopaco" Silva (meio), Renato "Renyu" Gallegos (atirador) e Diego "Arce" Arce (suporte)

Kaos Latin Gamers

  • Região: América Latina Sul
  • Desempenho: primeiro lugar
  • Técnico: Misael "Pierre" Di Ciancia
  • Time titular: Damián "Nate" Rea (topo), Sebastián "Tierwulf" Andrés (caçador), Joaquín "Plugo" Pérez (meio), Nicolás "Fix" Sayago (atirador) e Eduardo "Slow" Franco (suporte)

Rebirth eSports

  • Região: América Latina Sul
  • Desempenho: segundo lugar
  • Técnico: Alejandro "Losan" López
  • Time titular: Lukas "LukasNegro" Vega (topo), Rodrigo "Rod" Altieri (caçador), Vicente "Rakyz" Trautmann (meio), Fabián "Warangelus" Esteban (atirador) e Facundo "Shadow" Cuello (suporte)

Outras regiões

Além dos confrontos da América Latina, outros quatro mini-torneios irão agitar o cenário competitivo de League of Legends pelo mundo. Confira abaixo a lista de classificados:

Sudeste Asiático, Japão e Oceania

  • Data: 02 a 05 de julho
  • Local: Sydney, Austrália
  • Times: Ascension Gaming, Kuala Lumpur Hunters e Mineski (SEA); PENTAGRAM, DetonatioN FocusMe e Unsold Stuff Gaming (LJL); Dire Wolves, Chiefs Esports Club e Legacy Esports (OPL)

Vietnã, CIS e Turquia

  • Data: 04 a 07 de julho
  • Local: Ho Chi Minh, Vietnã
  • Times: EVOS Esports, GIGABYTE Marines e Vikings Gaming (VCS); Gambit Esports, RoX e Team Just (LCL); SuperMassive eSports, Royal Bandits e YouthCrew Esports (TCL)

Estados Unidos e Europa

  • Data: 05 a 07 de julho
  • Local: Los Angeles, EUA
  • Times: Team Liquid, 100 Thieves e Echo Fox (LCS NA); Fnatic, G2 Esports e Splyce (LCS EU)

Coreia, China e Taiwan/Hong Kong/Macau

  • Data: 05 a 08 de julho
  • Local: Dalian, China
  • Times: Kingzone DragonX, Afreeca Freecs, KT Rolster e SK Telecom T1 (LCK); Royal Never Give Up, EDward Gaming, Rogue Warriors e Invictus Gaming (LPL); Flash Wolves, G-Rex, MAD Team e Machi E-Sports (LMS)

MAIS DO TechTudo