Fones de ouvido

Por Raquel Freire, para o TechTudo


O sistema Sowlo promete revolucionar a forma como ouvimos música. A Noveto, startup de Israel, anunciou o desenvolvimento de uma tecnologia capaz de reproduzir áudio direto no ouvido de uma só pessoa, sem a necessidade de fones. Batizada de "áudio focalizado", a técnica promete que apenas o usuário será capaz de ouvir o que estiver tocando, podendo inclusive se locomover sem parar a reprodução.

A ideia é usar o novo modelo de transmissão em dispositivos criados pela própria companhia ou em aparelhos de terceiros, como TVs, celulares, tablets ou computadores. A novidade deve ser apresentada na próxima CES, em janeiro de 2019. A expectativa é de que o produto comece a ser vendido em meados de setembro, nos Estados Unidos.

Tecnologia criada por startup israelense promete repdoduzir áudio no ouvido de um único usuário sem precisar de fones  — Foto: Divulgação/Noveto Tecnologia criada por startup israelense promete repdoduzir áudio no ouvido de um único usuário sem precisar de fones  — Foto: Divulgação/Noveto

Tecnologia criada por startup israelense promete repdoduzir áudio no ouvido de um único usuário sem precisar de fones — Foto: Divulgação/Noveto

Atualmente, algumas companhias já apresentaram a tecnologia de som direcional. A principal diferença para o áudio focalizado da Noveto é que o usuário não precisa estar na frente do aparelho para ouvir. A nova tecnologia, por sua vez, utiliza sensores 3D para rastrear constantemente a posição da pessoa, o que é possível graças ao software de reconhecimento facial.

O sinal de áudio do dispositivo de entrada é executado pelos mecanismos de processamento da Sowlo, fazendo com que os alto-falantes concentrem a energia acústica na direção dos ouvidos. Assim, os feixes de som são emitidos de forma dinâmica para o usuário, mesmo que esteja em movimento.

Batizada de Sowlo, tecnologia está sendo empregada em esteiras ergométricas e outros aparelhos  — Foto: Divulgação/Noveto Batizada de Sowlo, tecnologia está sendo empregada em esteiras ergométricas e outros aparelhos  — Foto: Divulgação/Noveto

Batizada de Sowlo, tecnologia está sendo empregada em esteiras ergométricas e outros aparelhos — Foto: Divulgação/Noveto

A tecnologia ainda é um protótipo, embora já tenha sido demonstrado para alguns profissionais da imprensa especializada. A ideia é que o sistema seja incorporado pelas fabricantes em diversos aparelhos, mas a Noveto também está produzindo seus próprios dispositivos, que vão desde uma esteira de academia até uma soundbar, semelhante aos aparelhos Bluetooth.

"Vamos substituir um sistema surround de US$ 10 mil? Não. Mas podemos substituir 80% do que está lá fora? Sim", afirmou Brian Wallace, CEO da startup israelense. As barras de som têm preço esperado entre US$ 249, cerca de R$ 960 em conversão direta, e US$ 299 (R$ 1.150).

Qual fone de ouvido é bom para uso geral? Saiba no Fórum do TechTudo

Mais do TechTudo