Por Gabrielle Fonseca, para o TechTudo

11 motivos para começar a jogar League of Legends 11 motivos para começar a jogar League of Legends

League of Legends é um dos games mais jogados em todo o mundo. Entre os fatores que fazem o jogo da Riot ser tão popular está o seu universo extenso, com mais de 100 personagens e diversos modos para jogar. Além disso, o game possui um cenário competitivo consolidado, inclusive no Brasil, atraindo jogadores de diversas idades. Se você ainda não joga League of Legends, confira agora 11 motivos para começar a se interessar pelo MOBA.

League of Legends; confira o nosso guia completo para iniciantes

League of Legends; confira o nosso guia completo para iniciantes

LoL é um jogo gratuito

League of Legends é um jogo com download direto e gratuito. Ao contrário de boa parte dos games famosos, LoL não cobra nada para que seus usuários possam se divertir jogando. Isso porque, apesar do jogo possuir conteúdos pagos, a aquisição deles não influencia no desempenho do jogador ou na funcionalidade do game.

Basta fazer download e criar sua conta no site de League of Legends para começar a jogar  — Foto: Reprodução/Gabrielle Fonseca Basta fazer download e criar sua conta no site de League of Legends para começar a jogar  — Foto: Reprodução/Gabrielle Fonseca

Basta fazer download e criar sua conta no site de League of Legends para começar a jogar — Foto: Reprodução/Gabrielle Fonseca

League of Legends é um jogo com download direto e gratuito. Ao contrário de boa parte dos games famosos, LoL não cobra nada para que seus usuários possam se divertir jogando. Isso porque, apesar do jogo possuir conteúdos pagos, a aquisição deles não influencia no desempenho do jogador ou na funcionalidade do game.

O uso de dinheiro real dentro do jogo é secundário. Ele quase sempre é vinculado a compras de skins (itens que mudam o visual dos personagens nas partidas), ícones de invocador - que personalizam o perfil dos jogadores - e acessórios diversos que buscam majoritariamente incrementar a aparência dos campeões ou da conta do jogador.

Um jogador assíduo é sempre bem recompensado

Os baús de League of Legends costumam ser conquistados quando um jogador tira nota máxima nas partidas — Foto: Reprodução/Gabrielle Fonseca Os baús de League of Legends costumam ser conquistados quando um jogador tira nota máxima nas partidas — Foto: Reprodução/Gabrielle Fonseca

Os baús de League of Legends costumam ser conquistados quando um jogador tira nota máxima nas partidas — Foto: Reprodução/Gabrielle Fonseca

Outra vantagem importante é que quanto mais você joga, mais conteúdos são liberados. Isso acontece porque League of Legends recompensa muito bem seus jogadores mais assíduos, dando a eles baús com itens diversos, cápsulas de campeão - onde você ganha fragmentos de personagens para formar um novo campeão e completar sua coleção -, essências azuis e laranjas (isto é, o dinheiro usado dentro do jogo), entre outras aquisições que tornam mais divertida sua experiência dentro do game. Há casos até em que o jogador consegue fragmentos de skins raras.

Além disso, o jogo tem eventos temáticos, com missões que trazem recompensas aos jogadores que cumprem as metas. Quase sempre são missões simples, como vencer uma partida com determinado campeão ou acumular determinada quantidade de ouro dentro do game. Essas missões, mesmo sendo cumpridas com certa facilidade, costumam trazer boas recompensas aos invocadores.

Um jogo leve e acessível

Outra vantagem do LoL é o fato de ser leve e rodar até em computadores com configurações mais simples. Não é necessário um computador considerado gamer, com um processador avançado ou que possua uma placa de vídeo de ponta. League of Legends roda facilmente mesmo em notebooks ou computadores antigos (veja os requisitos mínimos para baixar e instalar o jogo). É certo que o jogo funciona melhor com um computador mais ágil, mas isso não determina a acessibilidade do jogo.

Ele é diversificado e cheio de conteúdo

League of Legends possui quase 150 campeões disponíveis para seus usuários  — Foto: Divulgação/Riot Games League of Legends possui quase 150 campeões disponíveis para seus usuários  — Foto: Divulgação/Riot Games

League of Legends possui quase 150 campeões disponíveis para seus usuários — Foto: Divulgação/Riot Games

Além de todas as facilidades já listadas, que permitem que o jogador possa iniciar no League of Legends sem gastar dinheiro, o jogo possui um conteúdo amplo, que faz com que seu público não enjoe mesmo depois de muito tempo jogando. Um dos principais exemplos dessa diversidade é o fato de possuir diversos campeões, contabilizando quase 150 personagens disponíveis com as mais variadas habilidades, estilos de jogo, aparências e histórias.

Existem campeões mais agressivos, como os das categorias de lutadores e de assassinos, e também os mais defensivos, como os suportes, e até os que possuem muita resistência física - campeões chamados de "tanques". Além deles, há também os magos e os atiradores, que costumam causar bastante dano aos adversários. Entre os principais personagens de LoL estão:

  • Yasuo, Garen e Riven, considerados lutadores;
  • Soraka, Sona e Blitzcrank, que atuam como suporte;
  • Ashe, Caitlyn e Teemo, atiradores;
  • Zed, Katarina e Fizz, considerados assassinos;
  • Ahri, Ryze e Lux, que atuam como magos;
  • Braum, Taric e Sejuani, considerados tanques.

Além dos muitos campeões, o jogador pode escolher o mapa em que deseja jogar e a posição que vai ocupar no time. O LoL ainda possui muitos personagens secundários no game, como Blue, Red, Barão, Arauto e Aronguejo, que ficam distribuídos na selva. Além deles, existem os dragões: Infernal, Das Nuvens, Do Oceano, Ancião, entre outros. Tudo isso faz parte da ampla mitologia do game.

Cinco posições e funções diferentes em que você pode atuar

Rotas de League of Legends — Foto: Reprodução/Riot Games Rotas de League of Legends — Foto: Reprodução/Riot Games

Rotas de League of Legends — Foto: Reprodução/Riot Games

Além dos inúmeros campeões e itens existentes no jogo, League of Legends possui 5 rotas/funções diferentes, que permitem ao jogador aproveitar o game de diversas formas. Essas múltiplas possibilidades evitam que o jogo se torne algo repetitivo mesmo para quem já está anos jogando em Summoner’s Rift (principal mapa do LoL). O jogador pode atuar como:

  • Mid laner ou Meio: atua na rota do meio do mapa, onde fica sozinho contra um adversário defendendo suas torres;
  • Top laner ou Topo: atua na rota de cima do mapa, onde fica sozinho contra um adversário defendendo suas torres;
  • Jungler ou Caçador: atua na selva do jogo, subindo de nível a medida que vence os monstros da selva e ganha experiência. O caçador também rotaciona pelas rotas para ajudar seus companheiros de equipe;
  • ADC ou Atirador: atua na rota de baixo do mapa (conhecida como bot lane), e fica junto com seu suporte contra dois adversários;
  • Suporte: auxilia o atirador na rota de baixo do mapa, onde enfrenta, junto com seu parceiro de equipe, dois adversários.

Os modos especiais de jogo

Modo de jogo Guardiã Estelares em League of Legends  — Foto: Divulgação/Riot Games Modo de jogo Guardiã Estelares em League of Legends  — Foto: Divulgação/Riot Games

Modo de jogo Guardiã Estelares em League of Legends — Foto: Divulgação/Riot Games

A diversidade dentro do jogo não fica só limitada às rotas e funções dos campeões. De tempo em tempo, a Riot Games libera um modo especial de jogo, que traz um dinamismo maior às partidas de League of Legends. Os “novos” jogos ficam poucas semanas na plataforma do LoL, e trazem objetivos e mapas diferentes, cenários novos, entre outras modificações.

Entre os lançamentos mais famosos da Riot Games estão os modos "Todos Por Um" e "Guardiãs Estelares". No primeiro, já extinto, os jogadores de cada equipe competiam todos com o mesmo campeão. Cada um selecionava o personagem de sua preferência e a partir de um sorteio era decidido qual seria o escolhido, valendo para todo o time. O mesmo ocorria com a equipe adversária, gerando um embate entre apenas dois campeões.

O segundo modo que surgiu e ficou para trás foi o Guardiãs Estelares. Nele, não havia jogadores adversários, e todos os jogadores tinham poucas opções de campeões, que já vinham com as skins do tema Guardiãs Estelares. O adversário era uma criatura de dentro do próprio game, e o principal objetivo era simplesmente sobreviver em todas as rodadas. Esse modo foi lançado para comemorar o novo pacote de skins com o tema Guardiãs Estelares e foi considerado por muitos jogadores um jogo bem difícil de vencer.

Atualizações a cada duas semanas

Justamente por ter tantas novidades sempre, como lançamento de campeões, skins e afins, o jogo é constantemente atualizado com novos patchs a cada 2 semanas. As atualizações trazem novos itens e corrigem eventuais bugs, ou rebalanceiam campeões para tornar o jogo mais disputado, entre outras novidades ocasionais.

Complexidade, competitividade e busca por objetivos

Dragões são um dos principais objetivos em uma partida de League of Legends  — Foto: Reprodução/Gabrielle Fonseca Dragões são um dos principais objetivos em uma partida de League of Legends  — Foto: Reprodução/Gabrielle Fonseca

Dragões são um dos principais objetivos em uma partida de League of Legends — Foto: Reprodução/Gabrielle Fonseca

League of Legends é um jogo com diversos detalhes e pequenas conquistas dentro do jogo. O objetivo maior é destruir o Nexus, torre que proteje a base inimiga. Mas, para isso, o jogador precisa passar por uma série de pequenas conquistas, destruindo torres espalhadas pelo mapa, matando monstros específicos da selva, entre outras pequenas aquisições. Apesar do fato de matar o adversário ser parte constante e também importante do jogo, esse não é o foco.

O principal foco, na verdade, é construir pequenas vantagens e estar à frente do adversário, pensando sempre estrategicamente para que você possa conquistar superioridade ao longo do jogo. Tudo isso acontece com detalhes, seja conquistando uma visão clara do movimento adversário ou escolhendo os itens certos para proteger ou fortalecer seu campeão. Por isso, em League of Legends, cada partida é única e pode mudar de uma hora para outra, dependendo de detalhes ou da falta de atenção de algum jogador. Embora sua jogabilidade seja fácil, o jogo pode mudar em simples tomadas de decisão ou raciocínio rápido.

Uma história e um universo detalhado

Império de Shurima, parte do universo de League of Legends — Foto: Reprodução/Riot Games Império de Shurima, parte do universo de League of Legends — Foto: Reprodução/Riot Games

Império de Shurima, parte do universo de League of Legends — Foto: Reprodução/Riot Games

O universo do jogo é bem detalhado, com uma gama de locais diferentes, como Demacia, Noxus, Freljord, Piltolver, Bandópolis e Shurima. A história do jogo é muito bem feita e as correlações entre os campeões são muito interessantes, explicando muitas das falas dos personagens quando encontram determinado inimigo.

Entre as histórias cruzadas dos personagens, constam confrontos diretos entre eles, rivalidades históricas ou laços familiares, como o caso dos irmãos Lux e Garen. As histórias e a trajetória dos personagens são contadas no próprio site de League of Legends e em alguns vídeos no canal oficial do game no YouTube. Lá você pode descobrir porque seu personagem preferido possui determinada habilidade, de que região ou reino ele faz parte e quem são seus principais inimigos e adversários.

Uma grande comunidade e um grande número de jogadores

Torcida no MSI 2018, campeonato mundial de League of Legends — Foto: Divulgação/Riot Games Torcida no MSI 2018, campeonato mundial de League of Legends — Foto: Divulgação/Riot Games

Torcida no MSI 2018, campeonato mundial de League of Legends — Foto: Divulgação/Riot Games

Talvez um dos principais motivos para jogar League of Legends venha de sua popularidade. O game é um dos jogos mais jogados em todo o mundo, abrangendo uma comunidade muito grande no Brasil. Não vão faltar amigos ou colegas para jogar em qualquer horário e em modos diversos de jogo. Além disso, você pode jogar com pessoas dos lugares mais diversos, podendo fazer amigos em todas as partes do mundo e de qualquer lugar do Brasil.

Também pela extensa quantidade de membros na comunidade, o jogo possui muitos memes e "piadas internas" que circulam pela internet. A própria desenvolvedora do jogo entra na brincadeira e faz um monte de brincadeirinhas com os usuários brasileiros. Essa relação só reforça a proximidade dos jogadores com League of Legends e torna o ambiente do game mais divertido.

Um cenário competitivo bem desenvolvido

A Kabum foi a campeã do 1° split do Campeonato Brasileiro de LoL 2018 e é um dos times profissionais de League of Legends — Foto: Divulgação/Riot Games A Kabum foi a campeã do 1° split do Campeonato Brasileiro de LoL 2018 e é um dos times profissionais de League of Legends — Foto: Divulgação/Riot Games

A Kabum foi a campeã do 1° split do Campeonato Brasileiro de LoL 2018 e é um dos times profissionais de League of Legends — Foto: Divulgação/Riot Games

Um grande atrativo também é o fato do cenário competitivo do jogo ser muito bem consolidado. Tanto no mundo como no Brasil, o League of Legends é um grande destaque nos esportes eletrônicos. O crescimento do jogo tem sido tão grande no mercado de esports que muitas equipes de futebol criaram times ou firmaram parcerias com equipes já existentes. Flamengo e Corinthians, por exemplo, investiram no cenário competitivo de LoL nos últimos anos.

A história do League of Legends nos esportes eletrônicos do Brasil começou cedo, logo após o lançamento do servidor brasileiro do jogo em 2014. Desde então, as competições cresceram muito e a torcida também. O público brasileiro se tornou tão grande que em 2017 um dos maiores campeonatos de LoL foi sediado no Rio de Janeiro, o Mid-Season Invitational.

*Esse conteúdo faz parte do projeto Guia LoL, patrocinado pela Riot.

MAIS DO TechTudo