Arena of Valor: entenda formato, heróis e cenário competitivo do jogo

Em Arena of Valor você pode disputar partidas 1v1, 3v3 ou 5v5 em um mapa cujo objetivo é destruir a base adversária

email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp

Por Bruna Telles, para o TechTudo

Arena of Valor é um jogo gratuito para celulares Android e iPhone (iOS). O game da Tencent Games foi lançado no Brasil no fim de 2017, mas já era um sucesso no Oriente antes disso. O MOBA tem jogabilidade parecida com a de League of Legends e entre aos poucos no cenário competitivo. Veja, a seguir, tudo o que você precisa saber sobre AoV.

Conhecido na China como Honor of Kings na China, Arena of Valor já alcançou as marcas de 80 milhões de jogadores em único dia, e 200 milhões por mês no país asiático. Em AoV você pode disputar partidas 1v1, 3v3 ou 5v5 em um mapa cujo objetivo é destruir a base adversária.

Arena of Valor: saiba tudo sobre o jogo

Arena of Valor: saiba tudo sobre o jogo

Diferença entre Arena of valor e League of Legends

Apesar de terem gameplays parecidos, Arena of Valor e LoL têm quatro diferenças básicas. Vale registrar que LoL é desenvolvido e publicado pela Riot Games, companhia da qual a Tencent é dona.

1) AoV tem entre 42 e 59 personagens (dependendo da região do mundo), enquanto League of Legends conta com mais de 130 campeões. Arena, por sua vez, destaca-se por oferecer heróis famosos da DC Comics, como Batman, Superman, Flash e Mulher Maravilha.

2) Os minions de Arena of Valor viajam em grupos menores, porém são mais fortes que os do LoL.

3) As partida de LoL podem ultrapassar uma hora facilmente. Em Arena of Valor elas são bem menores: duram entre cinco e 20 minutos. LoL também pode demorar minutos até encontrar uma partida, enquanto em AoV o processo leva apenas alguns segundos;

4) O sistema de rankeadas também é diferente nos jogos. Em LoL ele é o draft: um time escolhe seus personagens e sabe as escolhas do adversário, e ambos podem banir personagens. Já em Arena of Valor ele é o blind pick: um time escolhe seus personagens e só sabe os do adversário na hora da partida.

O cenário competitivo de Arena of Valor

Os franceses foram os vitoriosos no Arena of Valor Non-Pro Tournament, realizado em 2017 (Foto: Reprodução/Twitter Arena of Valor Esports) Os franceses foram os vitoriosos no Arena of Valor Non-Pro Tournament, realizado em 2017 (Foto: Reprodução/Twitter Arena of Valor Esports)

Os franceses foram os vitoriosos no Arena of Valor Non-Pro Tournament, realizado em 2017 (Foto: Reprodução/Twitter Arena of Valor Esports)

Arena of Valor entra aos poucos no cenário competitivo de jogos para celulares, onde games como Vainglory e Clash Royale já estão mais estabelecidos. Em 2016, a liga King Pro foi assistida por mais de 70 milhões de pessoas e teve premiação de US$ 250 mil (R$ 949.2 mil). Em novembro do ano seguinte, a Arena of Valor International Championship: Asia reuniu os maiores times da Coreia do Sul, Taiwan, Vietnã e Indonésia. O prêmio final foi de US$ 500 mil (quase R$ 2 milhões em conversão direta).

O Arena of Valor Non-Pro Tournament marcou a entrada da ESL no cenário competitivo do game. Realizada em dezembro de 2017, a competição contou com times não-profissionais do jogo, e teve premiação de US$ 100 mil (R$ 379,7 mil), com vitória do Team France.

No Brasil, organizações como GeoSports, paiN Gaming, Bootcamp e CNB já têm line ups de Arena of Valor. Entre as organizações internacionais, Immortals, Team Liquid, SK Gaming e Team Queso marcam presença no competitivo do jogo.

Copa do Mundo de Arena of Valor

Com times de vários países, incluindo o Brasil, a Copa do Mundo de Arena of Valor promete movimentar o esport mobile (Foto: Divulgação/Tencent Games) Com times de vários países, incluindo o Brasil, a Copa do Mundo de Arena of Valor promete movimentar o esport mobile (Foto: Divulgação/Tencent Games)

Com times de vários países, incluindo o Brasil, a Copa do Mundo de Arena of Valor promete movimentar o esport mobile (Foto: Divulgação/Tencent Games)

A Copa do Mundo de Arena of Valor marca um momento histórico para os esports. O evento, que acontece em julho, em Los Angeles, EUA, vai reunir times do mundo todo e distribuir a maior premiação do esport mobile: mais de R$ 1 milhão. Só o time vencedor vai levar US$ 205 mil (cerca de R$ 720 mil), e o campeonato ainda vai dar prêmios baseados em performances individuais, criatividade de jogadas e estratégia. A paiN Gaming vai representar o Brasil na competição.

MAIS DO TechTudo