Por Gabriel Saguias, para o Techtudo


A Dust2 é um dos sete mapas que fazem parte da atual campanha do Counter Strike: Global Offensive, junto ao Inferno, Mirage, Cache, Train, Nuke e Overpass. O mapa é considerado o mais famoso da série Counter-Strike, e já teve ao todo cinco versões, duas delas no CS:GO e uma delas no CS 1.6. A nova Dust2 está no jogo desde outubro de 2017 e voltou ao competitivo no dia 20 de abril de 2018, quando passou a ocupar o lugar da cobblestone.

Como todo mapa competitivo, é de grande importância saber os nomes das principais posições em que os jogadores costumam ficar. Veja, a seguir, as principais call-outs da Dust2. Vale dizer que os nomes indicados não são oficiais da Valve, mas definições dadas pelos próprios jogadores. Portanto, os locais podem ser conhecidos por mais de um nome pela comunidade.

Aprenda as principais posições do mapa Dust2 — Foto: Reprodução/Arte Gabriel Saguias Aprenda as principais posições do mapa Dust2 — Foto: Reprodução/Arte Gabriel Saguias

Aprenda as principais posições do mapa Dust2 — Foto: Reprodução/Arte Gabriel Saguias

Alguns desses lugares guardam curiosidades. A posição do coqueiro, por exemplo, era de fato ocupada por uma árvore na versão do mapa do CS:Source. Posteriormente, no entanto, o coqueiro foi substituído por um poste e barris, e na versão atual restam somente os barris. A posição da caixa verde também faz referência ao mapa original do Jogo. Hoje, no entanto, não há mais caixas verdes no lugar, e sim caixas brancas e um toldo esverdeado.

Certos locais ganharam nomes de profissionais que fizeram jogadas memoráveis nas posições, como a Nak, Carro/Crash/FalleN e NBK. Os bombsites também recebem nomes específicos, e é comum escutar calls de jogadores mais antigos sobre os locais B1 (bombsite A) e B2 (bombsite B).

MAIS DO TechTudo