Battle for Azeroth é expansão mais ambiciosa de WoW, segundo Blizzard

Produtor Travis Day revelou mais detalhes sobre o que esperar de World of Warcraft: Battle for Azeroth

email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp

Por Felipe Vinha, para o TechTudo

World of Warcraft: Battle for Azeroth é a mais nova expansão do popular MMORPG da Blizzard, que chega em 14 de agosto para PC (Battle.net), prometendo um capítulo decisivo na guerra de facções entre Aliança e Horda após os acontecimentos em World of Warcraft: Legion. O TechTudo conversou com o produtor Travis Day, membro da equipe de desenvolvimento, para falar mais sobre o que esperar e ter quase a certeza de que, ao que parece, este é o capítulo adicional mais ambicioso da saga. Confira, a seguir:

Batalha pelo fim do mundo

Como sabemos, World of Warcraft: Battle for Azeroth trará uma batalha derradeira, que pode levar o mundo como o conhecemos ao fim. Esta ainda não é a última expansão de WoW, mas promete ser bem conclusiva, no sentido de sua principal história, que se desenrolou por anos desde os primeiros capítulos.

World of Warcraft: Battle for Azeroth foca na guerra entre Horda e Aliança após os eventos de Legion (Foto: Divulgação/Blizzard) World of Warcraft: Battle for Azeroth foca na guerra entre Horda e Aliança após os eventos de Legion (Foto: Divulgação/Blizzard)

World of Warcraft: Battle for Azeroth foca na guerra entre Horda e Aliança após os eventos de Legion (Foto: Divulgação/Blizzard)

De acordo com Travis Day, “a ideia da expansão é ser tão épica quanto as anteriores”. Prova disso é ela começar com a queima da árvore Teldrassil, em atualização recente, dando início ao conflito entre os exércitos da Aliança e da Horda, que leva ao cerco a Lordaeron, cidade principal dos Renegados.

Como vai funcionar isso?

A Blizzard detalha que um evento prévio, mesmo antes da expansão, prepara os jogadores para o que virá, de acordo com seu alinhamento. Se você for da Aliança, poderá visitar a cidade de Lordaeron e realizar missões envolvendo o caos espalhado por Sylvanas Correventos, líder atual da Horda.

World of Warcraft: Battle for Azeroth traz batalha entre Sylvanas Correventos e Anduin Wrynn (Foto: Divulgação/Blizzard) World of Warcraft: Battle for Azeroth traz batalha entre Sylvanas Correventos e Anduin Wrynn (Foto: Divulgação/Blizzard)

World of Warcraft: Battle for Azeroth traz batalha entre Sylvanas Correventos e Anduin Wrynn (Foto: Divulgação/Blizzard)

Já para os membros da Horda, será possível participar de tarefas que envolvem a proteção da Cidade Baixa, onde ficam os principais membros dos Renegados. Cada facção terá sua própria recompensa, capaz de fortalecer o exército para o conflito final.

Nada de novas raças

Contudo, a Blizzard não pretende incluir raças inéditas tão cedo durante esta expansão ou em atualizações próximas, ainda que já faça um tempo que isso não ocorre. A ideia da produtora, de acordo com Travis, é de focar na experiência robusta que World of Warcraft já é, deixando de lado a inclusão de novidades que possam mudar muito a jogabilidade já consagrada.

World of Warcraft Battle for Azeroth (Foto: Reprodução/Felipe Vinha) World of Warcraft Battle for Azeroth (Foto: Reprodução/Felipe Vinha)

World of Warcraft Battle for Azeroth (Foto: Reprodução/Felipe Vinha)

Ainda assim, variações de raças já existentes - conhecidas como Raças Aliadas - devem vir em atualizações, ainda que sem data. “Kul Tiras e Zandalari já foram mencionados, mas não temos novidades sobre isto neste momento”, comentou o produtor, fazendo referência às variações de Trolls e Humanos, existentes no universo de WoW. Lembrando, porém, que as regiões de Kul Tiras e Zandalari estarão bem presentes na expansão, servindo como principal cenário dos conflitos e missões.

Cenário competitivo e esportes eletrônicos

Ainda que não seja extremamente forte no cenário de esports, ou esporte eletrônico, World of Warcraft continua recebendo campeonatos oficiais, ao menos dentro do evento BlizzCon, principalmente, e a Blizzard pretende incrementar as ferramentas para isso dentro do jogo. É por isso também que Battle for Azeroth trará um modo de conflito extremo, no Modo Guerra. "Acreditamos que isso fará com que mais jogadores entrem no PvP, com novidades que lançaremos depois", disse.

World of Warcraft: Battle for Azeroth trará mudanças no PvP do jogo (Foto: Divulgação/Blizzard) World of Warcraft: Battle for Azeroth trará mudanças no PvP do jogo (Foto: Divulgação/Blizzard)

World of Warcraft: Battle for Azeroth trará mudanças no PvP do jogo (Foto: Divulgação/Blizzard)

Já sobre outros modos, principalmente aqueles inspirados em outros gêneros de jogo, não há planos. O modo “Battle Royale”, muito presente em games como Fortnite e PUBG, deve ficar de fora de WoW. "Achamos a ideia legal, mas queremos algo no formato mais tradicional, não algo rápido, de 10 ou 15 minutos. Não enxergamos nosso mundo indo para este formato”, apontou Travis Day.

World of Warcraft: Battle for Azeroth chega na “Edição Standard” por R$ 139,90 e “Digital Deluxe” por R$ 179,90, com vários bônus para outros jogos da Blizzard, como Diablo, Heroes of the Storm, StarCraft 2 e mais.

MAIS DO TechTudo