Por Wallace Nascimento, para o TechTudo

Nokia volta a controlar grife PureView de câmeras em celulares Nokia volta a controlar grife PureView de câmeras em celulares

Depois de recriar o clássico Nokia 3310, a Nokia deve reviver outra tecnologia que ficou famosa nos celulares da marca: as poderosas câmeras PureView. De acordo com o site especializado Nokiamob, o grupo HMD Global readquiriu os direitos da marca, que estava sob controle da Microsoft desde 2013. Há expectativa de que futuros telefones tragam a tecnologia fotográfica.

Lançado pela primeira vez em 2012 com o icônico Nokia 808 PureView, com câmera de 41 megapixels e lentes Carl Zeiss, a grife PureView foi replicada no Lumia 920, Lumia 1520 e Lumia 1020, e tinha a proposta de entregar imagens com níveis de detalhes similares aos de câmeras profissionais.

Quer comprar celular, PC e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Câmera PureView do Lumia 1020 fotografava com 41 megapixels de resolução — Foto: Luciana Maline/TechTudo Câmera PureView do Lumia 1020 fotografava com 41 megapixels de resolução — Foto: Luciana Maline/TechTudo

Câmera PureView do Lumia 1020 fotografava com 41 megapixels de resolução — Foto: Luciana Maline/TechTudo

Com a aquisição, a aposta é que a Nokia traga novos smartphones da linha PureView durante os lançamentos da MWC 2019, em Barcelona, na Espanha. Recentemente, a fabricante lançou três novos celulares com foco na câmera, sendo eles os intermediários Nokia X6 e Nokia 7 Plus, e também, o avançado Nokia 8 Sirocco, todos com câmera traseira dupla.

Como funciona as câmeras da linha PureView

O sistema trabalha, basicamente, para entregar imagens com maior definição em comparação às demais câmeras de smartphones. Para isso, o sensor utiliza a combinação de grupos pixels criando apenas um superpixel, com mais qualidade e livre de ruídos – recurso conhecido popularmente como oversampling pixel.

Lumia 1020 permitira fazer zoom sem perder qualidade — Foto: Luciana Maline/TechTudo Lumia 1020 permitira fazer zoom sem perder qualidade — Foto: Luciana Maline/TechTudo

Lumia 1020 permitira fazer zoom sem perder qualidade — Foto: Luciana Maline/TechTudo

Sendo assim, as fotografias são geradas com uma resolução bem menor, de apenas 5 MP, mas com um nível de detalhes muito superior ao tradicional da época, por conta da compactação.

O zoom ótico também era uma das características das câmeras PureView. Por conta da grande resolução de 41 MP, o Lumia 1020 permitia realizar cortes na imagem sem afetar a qualidade, ao contrário do que geralmente ocorre com o zoom digital.

Cinco tópicos que devem ser analisados na hora de comprar celular

Cinco tópicos que devem ser analisados na hora de comprar celular

Mais do TechTudo