Por Paulo Alves, para o TechTudo


Digital Wellbeing leva para o Android P (9) um conjunto de funções para melhorar a qualidade de vida do usuário que gasta muito tempo no celular. Apresentada em maio e lançada junto com a atualização do sistema em agosto, a novidade ajuda a monitorar horas ativas e definir limites para Facebook, Instagram e outros apps instalados. É possível também bloquear notificações intrusivas e preparar o smartphone para a hora de dormir.

A novidade está presente em um app que pode ser obtido em versão Beta na Google Play, desde que o usuário tenha um aparelho atualizado para Android Pie. Os dispositivos Pixel são os primeiros habilitados a testar o recurso. Modelos da Sony, Xiaomi e OnePlus, entre outros, estão na fila para receber as funções até o final do ano. Entenda as vantagens prometidas pelo Digital Wellbeing aos usuários do sistema do Google.

Digital Wellbeing permite controlar e diminuir tempo gasto no Android — Foto: Divulgação/Google Digital Wellbeing permite controlar e diminuir tempo gasto no Android — Foto: Divulgação/Google

Digital Wellbeing permite controlar e diminuir tempo gasto no Android — Foto: Divulgação/Google

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Painel

Depois de instalado, o Wellbeing não é acessível por ícone de aplicativo, mas diretamente nas configurações do Android. A tela inicial traz um painel que exibe o número de desbloqueios realizados e os minutos gastos por dia com a tela ligada e em cada app. Com um toque, o usuário pode obter mais detalhes e saber quais são os programas que mais interrompem e os que são a maior fonte de perda de tempo.

O Digital Wellbeing acessa históricos gravados no celular mesmo antes da instalação do recurso. O usuário pode navegar entre os últimos dias para descobrir o ritmo de uso de aplicativos. Os dados são atualizados em tempo real e não podem ser alterados manualmente.

Painel mostra detalhes de uso de cada aplicativo — Foto: Divulgação/Google Painel mostra detalhes de uso de cada aplicativo — Foto: Divulgação/Google

Painel mostra detalhes de uso de cada aplicativo — Foto: Divulgação/Google

Cronômetros

Com informações do tempo gasto por dia em cada tarefa no celular, o usuário pode criar um limite diário de acesso para impedir distrações. Na função “Timers”, o Android exibe a lista de todos os apps instalados e permite definir 15, 30 minutos ou uma hora por dia. Ao fim da cota, o aplicativo fica com ícone apagado e não pode ser aberto novamente até o dia seguinte.

O usuário sempre pode acessar o Digital Wellbeing para alterar o limite e reativar um aplicativo. No entanto, o trabalho extra para liberar o app tende a desencorajar o usuário a extrapolar o limite imposto por ele mesmo. Para programas muito usados, é possível também definir um tempo maior de limite, além de uma hora.

Hora de dormir

O recurso Wind Down prepara o usuário para deixar de usar o celular no fim do dia. No horário programado, o Android Pie ativa o Não Perturbe, diminui o brilho e muda as cores da tela para escala de cinza. A ideia é diminuir o impacto da luz sobre a visão do usuário, ao mesmo tempo em que desestimula o consumo de fotos e vídeos com imagens em preto e branco. O recurso também pode trabalhar combinado com o filtro de luz azul para causar ainda menos prejuízo ao sono.

Wind Down prepara o celular para o fim do dia — Foto: Divulgação/Google

Wind Down prepara o celular para o fim do dia — Foto: Divulgação/Google

Notificações

Controles de notificações que já existiam no Android passam a ser gerenciados também pelo Digital Wellbeing. O recurso traz atalhos tanto para o Não Perturbe quanto para os ajustes de alertas. Em poucos toques, o usuário pode programar o silenciamento do celular ou obter uma lista com os apps que mais emitem notificações.

Android Pie x iOS 12

Melhorias para o bem-estar digital do usuário também são prioridades do iOS 12, sistema operacional rival do Android. As soluções são bem parecidas, e incluem recursos similares para controlar notificações de forma inteligente, preparar o smartphone para o fim do dia e gerar relatórios de uso. O software da Apple, porém, ainda integra controle parental entre as funções disponíveis.

Android P: saiba tudo sobre o sistema operacional

Android P: saiba tudo sobre o sistema operacional

Quais modelos recentes de celular têm Android puro? Usuários respondem no Fórum TechTudo

MAIS DO TechTudo