Por Aline Batista*, da Eletrolar, em São Paulo


O LG K11 Alpha é o novo celular intermediário da LG, lançado no Brasil junto com o LG K11 Plus. Os smartphones são variantes do LG K10 (2018), que já foi lançado em outros países, mas chega aqui com outro nome. Apesar de serem bastante similares, a versão Alpha tem especificações inferiores, como memória e câmera.

O celular chega ao mercado em agosto pelo preço de R$ 999 para concorrer com intermediários da Motorola e da Samsung. O TechTudo esteve com o smartphone durante a Eletrolar Show para um breve teste. Veja agora as nossas impressões.

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

LG K11 Alpha: lançamento da LG tem tela de 5,3 polegadas — Foto: Aline Batista / TechTudo LG K11 Alpha: lançamento da LG tem tela de 5,3 polegadas — Foto: Aline Batista / TechTudo

LG K11 Alpha: lançamento da LG tem tela de 5,3 polegadas — Foto: Aline Batista / TechTudo

Em relação ao design, o telefone tem a parte frontal bonita e elegante. A decepção, porém, está na traseira. O K11 Alpha tem corpo de plástico com textura de aço escovado, mas fica com visual de celular mais básico (e barato). Na parte de trás, há ainda o leitor de impressões digitais.

O aparelho chega com tela IPS LCD de 5,7 polegadas e resolução HD (1080 × 720 pixels). Apesar da qualidade ser apenas HD, o display apresenta cores bem definidas e brilho alto. A fabricante não entrou na tendência das telas com proporção 18:9 e manteve o padrão menos alongado 16:9.

Sobre as câmeras, o K11 Alpha traz sensor traseiro de 8 megapixels e frontal de 5 MP, com lente grande angular. A câmera principal tem flash LED, enquanto a de selfies permite usar a própria luz da tela para iluminar a foto. Durante o teste, em ambiente fechado e com luz artificial, o telefone apresentou resultado razoável. As fotos não são incríveis, pois faltam detalhes e as cores, em especial o preto, são pouco fiéis à realidade. Apesar disso, considerando a faixa de preço do celular, o K11 Alpha é satisfatório. Como ponto positivo, a fabricante oferece vários filtros e efeitos, além de gravação de vídeos em HD.

LG K11 Alpha traz memória RAM de 2 GB — Foto: Aline Batista / TechTudo LG K11 Alpha traz memória RAM de 2 GB — Foto: Aline Batista / TechTudo

LG K11 Alpha traz memória RAM de 2 GB — Foto: Aline Batista / TechTudo

A câmera frontal se comporta de forma semelhante. A LG destaca o modo retrato, que produz fotos com fundo desfocado, apesar da ausência de câmera dupla. O recurso até funciona bem, mas, às vezes, o celular apresenta dificuldade para definir os contornos e acaba borrando demais o objeto da foto.

Por dentro, o aparelho carrega um processador MediaTek octa-core de 1.5 GHz, memória RAM de 2 GB e memória interna de 16 GB. Apesar dos números parecerem baixos para os padrões atuais de celulares intermediários, durante o breve teste que fizemos, o aparelho executou as tarefas rapidamente. Vale destacar, entretanto, que os telefones só costumam apresentar travamentos e problemas de desempenho após algum tempo de uso.

LG K11 Alpha traz memória RAM de 2 GB — Foto: Aline Batista / TechTudo LG K11 Alpha traz memória RAM de 2 GB — Foto: Aline Batista / TechTudo

LG K11 Alpha traz memória RAM de 2 GB — Foto: Aline Batista / TechTudo

Em relação ao sistema operacional, a LG decepciona por trazer o K11 Alpha com Android 7.2 Nougat, versão que tende a ficar ultrapassada mais cedo. A empresa utiliza uma interface própria que é bem fácil de usar. Já a bateria é de 3.000 mAh, com promessa de duração de um dia todo.

O K11 Alpha é um bom celular intermediário, mas fica atrás da concorrência, como o Moto G6 e o Galaxy J5 Pro, principalmente, devido ao preço. Além disso, o telefone é bastante parecido com o “irmão” LG K11 Plus. As principais diferenças estão na memória RAM de 3 GB, armazenamento de 32 GB e câmera traseira de 13 MP, além do preço de R$ 1.199. Considerando isso, talvez valha mais a pena investir no modelo superior e garantir um aparelho melhor.

*A jornalista viajou para São Paulo a convite da organização da Eletrolar

Cinco tópicos que devem ser analisados na hora de comprar celular

Cinco tópicos que devem ser analisados na hora de comprar celular

MAIS DO TechTudo