Por Filipe Garrett, para o TechTudo

email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp

O iPhone XS Max, lançado na quarta-feira (12), é o maior celular já lançado pela Apple, com tela OLED de 6,5 polegadas e aspirações de disputar espaço com outro aparelho grandão, o Galaxy Note 9 da Samsung. Equipado com Face ID mais avançado, câmera traseira dupla de 12 megapixels e tecnologia Smart HDR, o novo iPhone de 2018 segue de topete na tela e estreia já com o iOS 12 à bordo. Sua ficha técnica inclui novo processador A12 Bionic, bateria que promete durar até uma hora e meia a mais que seu antecessor e versões de 64 GB, 256 GB e 512 GB.

O smartphone estará disponível nas cores dourado, prateado e cinza espacial a partir de 21 de setembro por preços a partir de US$ 1.099 (R$ 4.560, em conversão direta). Ainda não há informações sobre a chegada do produto no mercado brasileiro. Com a maior tela e maior capacidade de armazenamento já lançadas pela Apple, o iPhone XS Max é o mais novo celular top de linha da fabricante.

iPhone XS, iPhone XS Max e iPhone XR: Apple faz lançamento de celulares

iPhone XS, iPhone XS Max e iPhone XR: Apple faz lançamento de celulares

Ficha técnica

  • Tela: OLED de 6,5 polegadas
  • Resolução da tela: 2688 x 1242 pixels
  • Processador: Apple A12 Bionic
  • Armazenamento: 64 GB, 256 GB ou 512 GB
  • Sistema operacional: iOS 12
  • Dual SIM: Sim
  • Cartão de memória: não
  • Câmera frontal: 7 MP
  • Câmera traseira: dupla, 12 MP
  • Bateria: até 21 horas e 30 minutos
  • Sensores: FaceID, barômetro, giroscópio, acelerômetro, sensor de proximidade e sensor de luz ambiente
  • Dimensões e peso: 157,5 x 77,4 x 7,7 mm; 208 gramas
  • Cores: cinza espacial, prata e dourado

Design

Design do iPhone XS Max não rompe com os padrões instituidos pela geração anterior — Foto: Thássius Veloso / TechTudo Design do iPhone XS Max não rompe com os padrões instituidos pela geração anterior — Foto: Thássius Veloso / TechTudo

Design do iPhone XS Max não rompe com os padrões instituidos pela geração anterior — Foto: Thássius Veloso / TechTudo

Em linhas gerais, o design do iPhone XS Max não é muito diferente do usado no iPhone X: a tela ocupa quase todo o painel frontal, os cantos são arredondados, o vidro cobre as duas faces do aparelho, não há botão home e nem saída para fone de ouvido. No topo da tela, o topete marca presença novamente. O que muda mesmo são as medidas. O iPhone XS Max é bem maior e pesa mais do que seu antecessor direto, o iPhone X. São 157,5 x 77,4 x 7,7 mm nas medidas e 208 gramas de peso.

Mais robusto, o iPhone XS Max tem proteção IP68, que se traduz na capacidade de sobreviver a submersões em até 2 metros de água por 30 minutos. Nas cores, o novo celular terá versões de lançamento em cinza espacial, prateado e dourado.

Tela

A tela do iPhone XS Max cresceu para 6,5 polegadas, dimensão inédita em um produto da Apple até então. O aumento do display também foi acompanhado por um ganho em resolução, já que a tela soma 2688 x 1242 pixels, algo que resulta numa densidade de 458 pixels por polegada – a mesma do seu antecessor.

Além de garantir a mesma definição, a Apple promete qualidade de imagem superior no novo aparelho. Embora o display seja OLED – assim como no iPhone X – há aprimoramentos na reprodução de cor e contraste por conta de um filtro HDR recalibrado.

iPhone XS Max tem a maior tela já lançada pela Apple — Foto: Thássius Veloso/TechTudo iPhone XS Max tem a maior tela já lançada pela Apple — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

iPhone XS Max tem a maior tela já lançada pela Apple — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

Câmeras

Nas câmeras, a Apple manteve as especificações da dupla de câmeras embarcadas no iPhone X. Os sensores continuam de 12 megapixels e apresentam as mesmas aberturas de f/1.8 e f/2.4.

A grandes diferenças ficam por conta do processamento de imagens. O reforço do novo processador A12 Bionic dá ao novo iPhone a capacidade de gerar fotos com Smart HDR – algo que se traduz numa captura de cores mais vivas e contrastes mais definidos – além de uma funcionalidade que possibilita edição da profundidade de campo em fotos já tiradas. Isso significa que você vai pode editar a porção desfocada numa foto com efeito bokeh, mesmo depois de ter disparado o obturador.

Na câmera dianteira, a mesma tendência: o sensor continua com 7 megapixels, mas agora tem suporte a HDR e tecnologia FaceID de autenticação biométrica por reconhecimento facial.

iPhone XS Max tem câmera traseira dupla de 12 megapixels e configurações parecidas com o antecessor — Foto: Thássius Veloso/TechTudo iPhone XS Max tem câmera traseira dupla de 12 megapixels e configurações parecidas com o antecessor — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

iPhone XS Max tem câmera traseira dupla de 12 megapixels e configurações parecidas com o antecessor — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

Desempenho

A Apple desenvolveu um novo processador para o iPhone XS Max. O A12 Bionic supera em 15% o A11 Bionic, seu antecessor direto. Além disso, ao usar processo de 7 nanômetros, o novo A12 é até 40% mais eficiente, ou capaz de realizar mais trabalho gastando menos energia, que a plataforma anterior.

O novo celular grandão da Apple terá três versões quanto a capacidade de armazenamento: 64 GB, 256 GB e 512 GB. A última delas, mais cara, coloca o celular de tela grande em paridade com aquele que deve ser um dos seus grandes rivais: o Galaxy Note 9.

Bateria

A Apple nunca diz o número exato da capacidade de suas baterias, mas promete que o iPhone XS Max vai mais longe com uma única carga. No entanto, a fabricante afirma que o XS Max tem pelo menos uma hora e meia a mais de carga do que o iPhone X (as estimativas para o X são de 21 horas de duração em ligações com 3G ligado).

iOS

iPhone XS Max traz iOS 12 e três cores: dourado, cinza espacial e prata — Foto: Thássius Veloso/TechTudo iPhone XS Max traz iOS 12 e três cores: dourado, cinza espacial e prata — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

iPhone XS Max traz iOS 12 e três cores: dourado, cinza espacial e prata — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

Os novos iPhones, XS Max incluso, já chegam com o iOS 12 instalado. A nova edição do sistema operacional terá FaceID remodelado, controle de atividades, melhor integração com apps de terceiros, nova galeria de fotos, mecanismos de realidade aumentada mais precisos, além dos Memojis. O novo iOS chega aos demais usuários de iPhones no próximo dia 17 de setembro.

Preço e disponibilidade

O iPhone XS Max vai custar caro. A versão de entrada, com 64 GB de espaço, é a mais barata e foi anunciada pela Apple por US$ 1.099 (R$ 4.560, em conversão direta) para o mercado norte-americano.

Com mais espaço, os preços ficam ainda mais salgados. A versão intermediária, com 256 GB, será vendida por US$ 1.249 (R$ 5.180). Na de 512 GB, o preço é de US$ 1.449 (R$ 6.010). Os aparelhos entram em pré-venda já no dia 14 de setembro e as entregas começam no dia 21.

Quanto vai custar o iPhone 2018 no Brasil? Usuários opinam no Fórum TechTudo

MAIS DO TechTudo