Nikhil "forsaken" Kumawat, jogador indiano de Counter-Strike: Global Offensive (CS:GO), foi pego em mais um caso de cheating. Após ser flagrado trapaceando durante um jogo na Zowie eXTREMESLAND Asia, na última semana, a ESL India acusou o atleta de ter usado os mesmos programas de cheat na ESL India Premiership Fall Finale, que ocorreu nos dias 13 e 14 de setembro de 2018. A Optic India, ex-time do atleta, foi justamente a campeã do torneio.

A polêmica veio à tona depois que a ESL India analisou os arquivos de forsaken no campeonato. Com a descoberta, além dos jogadores da OpTic, todos os outros 15 atletas que participaram do torneio estão sendo investigados, visto que existe a possibilidade deles também terem utilizado programas ilegais na competição.

forsaken chegou a tentar deletar o cheat durante a verificação, mas foi tarde demais — Foto: Reprodução/OpTic India forsaken chegou a tentar deletar o cheat durante a verificação, mas foi tarde demais — Foto: Reprodução/OpTic India

forsaken chegou a tentar deletar o cheat durante a verificação, mas foi tarde demais — Foto: Reprodução/OpTic India

Escândalo ganha força

O caso da ESL India foi mais um em uma semana polêmica para o CS:GO. No último dia 19 (sexta-feira), forsaken foi pego trapaceando na Zowie eXTREMESLAND Asia Finals. O jogador foi flagrado pelo próprio anti-cheat da eXTREMESLAND, que alertou uma anormalidade em seu computador durante o segundo jogo da série contra o time Revolution. Como punição, a equipe foi eliminada da competição.

A organização OpTic India também tomou medidas e dispensou não só forsaken, mas todos os atletas da sua line up (mesmo que os outros quatro players tenham afirmado que não sabiam dos programas ilegais utilizados pelo companheiro). Outros jogadores do cenário indiano de CS:GO relataram que suspeitavam das trapaças de forsaken antes mesmo do ocorrido na Zowie eXTREMESLAND. Agora, a comunidade aguarda um banimento de forsaken do competitivo.

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Via hltv

MAIS DO TechTudo