Por Leonardo Couto, para o TechTudo


A organização Team Wild comunicou nesta terça-feira (18) a sua saída do competitivo de Counter Strike: Global Offensive, por meio de uma nota no Twitter. Além de CS:GO, a organização também não continuará com a equipe de PlayerUnknown's Battlegrounds (PUBG). A notícia pegou os fãs de surpresa: eles responderam ao anúncio com mensagens de insatisfação pela decisão da equipe. Em agosto, a equipe havia trocado a sua line up, contratando a antiga equipe da Virtue Gaming, que era comandada por Vinícios "PKL" Coelho.

Team Wild conquistou o título da Gamers Club Masters 2018, vencendo a w7m por 2-0 na final — Foto: Reprodução/Twitter - Team Wild Team Wild conquistou o título da Gamers Club Masters 2018, vencendo a w7m por 2-0 na final — Foto: Reprodução/Twitter - Team Wild

Team Wild conquistou o título da Gamers Club Masters 2018, vencendo a w7m por 2-0 na final — Foto: Reprodução/Twitter - Team Wild

No comunicado divulgado, a organização não dá detalhes sobre o porquê do fim das atividades, e se restringe a agradecimentos. "Somos eternamente gratos a tudo que vivenciamos juntamente à nossa torcida selvagem, equipe, casters de nossos jogos, veículos de mídias, empresas que trabalhamos juntos e a toda a atenção e cuidado que recebemos nos eventos presenciais", diz a nota.

A Team Wild foi fundada em maio de 2018. Com a contratação da antiga equipe da Virtue Gaming, a organização conseguiu ganhar quatro títulos, todos no CS:GO. Entre eles, a Geek City Challenge de 2018, a Gamers Club Masters 2018 e Liga Profissional Alienware Gamers Club: Setembro 2018. Com o título de setembro e o de julho, ainda defendendo a Virtue Gaming, a equipe se consagrou como campeã do circuito anual da Liga Pro Alienware GC 2018.

Além dos títulos, dois jogadores da Team Wild ganharam premiações no Gamers Club Awards 2018: Vinícios "PKL" Coelho ganhou o prêmio de melhor capitão e Paulo "land1n" de Freitas conquistou o prêmio de melhor AWP.

MAIS DO TechTudo