Por Paulo Alves, para o TechTudo


O Galaxy J7 Neo, celular da Samsung com lançamento em agosto de 2017, ganhou a preferência dos brasileiros ao surgir entre os modelos mais buscados no Buscapé nos últimos seis meses. Um dos motivos é a queda de preço: com ficha técnica intermediária, o aparelho foi de R$ 1.000 para preços na faixa de R$ 800 no varejo online, a depender das ofertas do dia.

O valor é similar ao de opções mais recentes da mesma fabricante, o que pode gerar dúvida sobre o custo-benefício do smartphone. Será que as especificações se comparam a modelos de 2018? Veja um resumo dos principais atributos do telefone, disponível nas cores preto e dourado, e saiba seus pontos fortes e fracos antes de decidir se a compra vale a pena.

Conheça pontos fortes e fracos do Galaxy J7 Neo tendo em vista o mercado de  2018 — Foto: Thássius Veloso/TechTudo Conheça pontos fortes e fracos do Galaxy J7 Neo tendo em vista o mercado de  2018 — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

Conheça pontos fortes e fracos do Galaxy J7 Neo tendo em vista o mercado de 2018 — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

PONTOS POSITIVOS

1. Câmera de 13 MP

A câmera principal do Galaxy J7 Neo é condizente com a faixa de preço do aparelho. Com 13 MP de resolução e abertura de lente de f/1,9, o conjunto é similar ao mais recente Galaxy J6 e deve oferecer imagens com boa qualidade. O aparelho também grava vídeos em Full HD (1080p) a 30 quadros por segundo, algo considerado comum para celulares básicos e intermediários.

2. TV Digital

O Galaxy J7 Neo conta com TV Digital integrada, função que permite assistir a canais abertos pelo celular sem precisar de internet. O recurso é ideal para quem gosta de ver o noticiário, novelas, entre outros programas da televisão aberta, de qualquer lugar. Na concorrência, o Moto G6 Plus também traz a tecnologia, porém, com preço mais elevado.

Galaxy J7 Neo tem TV Digital — Foto: Divulgação/Samsung Galaxy J7 Neo tem TV Digital — Foto: Divulgação/Samsung

Galaxy J7 Neo tem TV Digital — Foto: Divulgação/Samsung

3. Android atualizado

Lançado há mais de um ano com Android 7 (Nougat), o Galaxy J7 Neo foi atualizado recentemente para o Android 8 (Oreo) no Brasil. Como é comum que aparelhos mais básicos fiquem de fora de listas de updates, o sistema mais novo acaba sendo uma boa vantagem para quem compra o celular em 2018. Além do Android, a interface Samsung Experience também foi renovada, trazendo ao smartphone alguns recursos úteis como o Dual Messenger, para abrir dois WhatsApp ao mesmo tempo.

PONTOS NEGATIVOS

1. Armazenamento

O grande calcanhar de Aquiles do Galaxy J7 Neo é o armazenamento. Com apenas 16 GB, o celular deve apresentar grande limitação para baixar aplicativos além dos que já vêm pré-instalados. O problema pode ser grande após um curto tempo de utilização, já que mídias recebidas pelo WhatsApp costumam lotar a memória rapidamente, por exemplo. A boa notícia é que o telefone permite utilizar cartão microSD de até 256 GB, o que aumenta a capacidade para guardar fotos e vídeos.

Armazenamento de 16 GB do Galaxy J7 Neo limita download de apps e jogos — Foto: Thássius Veloso/TechTudo Armazenamento de 16 GB do Galaxy J7 Neo limita download de apps e jogos — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

Armazenamento de 16 GB do Galaxy J7 Neo limita download de apps e jogos — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

2. Design datado

Uma das desvantagens de aparelhos lançados há mais tempo é a possibilidade de envelhecimento do design. Esse é, especialmente, o caso do Galaxy J7 Neo, que chegou ao Brasil no mesmo ano do Galaxy J5 Pro, mas conta com um visual que lembra celulares ainda mais antigos da Samsung. O telefone tem acabamento em plástico e tampa traseira removível, além de botões frontais com aparência que parece datada. Levando em conta apenas o design, o Galaxy J7 Neo se parece com celulares de 2014, como o Galaxy Grand Prime.

Galaxy J7 Neo traz design antigo da Samsung — Foto: Thássius Veloso/TechTudo Galaxy J7 Neo traz design antigo da Samsung — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

Galaxy J7 Neo traz design antigo da Samsung — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

3. Câmera frontal

Com apenas 5 MP de resolução, a câmera frontal do celular tende a capturar fotos com baixa definição. A abertura de lente de f/2,2 também não ajuda, prejudicando o desempenho em ambientes pouco iluminados. Atualmente, celulares vendidos na mesma faixa de preço já costumam trazer especificações mais potentes para selfies, com câmera de pelo menos 8 MP.

Ficha técnica do Galaxy J7 Neo

  • Tamanho da tela: 5,5 polegadas
  • Resolução da tela: HD (1080 x 720 pixels)
  • Câmera traseira: 13 megapixels
  • Câmera frontal (selfie): 5 MP
  • Sistema: Android 7 (Nougat) (atualizável para o Android O)
  • Processador: octa-core de até 1,6 GHz
  • Memória RAM: 2 GB
  • Armazenamento (memória interna): 16 GB
  • Cartão microSD: sim, de até 256 GB
  • Capacidade da bateria: 3.000 mAh
  • Dual SIM: sim
  • Cores: preto e dourado
  • Preço de lançamento: R$ 1.000
  • Preço atual (varejo online): cerca de R$ 800

Via Samsung

Relembre os celulares que marcaram 2018

Relembre os celulares que marcaram 2018

MAIS DO TechTudo