Por Filipe Garrett, para o TechTudo


Esqueceu a senha do seu iPhone (iOS)? Saiba que ele pode ser desbloqueado para recuperar dados pessoais. Esta é a promessa da DriveSavers, especializada em restauração de informações digitais, que afirma ser a primeira empresa a possibilitar o acesso ao conteúdo do celular caso o usuário não saiba o código. Segundo o site The Verge, o procedimento não é nada barato: sai a US$ 3.900 (R$ 15.060 em conversão direta).

O serviço chama a atenção pela capacidade de contornar o sistema de criptografia da Apple. Ainda segundo a DriveSavers, o serviço é voltado apenas para proprietários dos smartphones, e não para autoridades e agências de segurança, como o FBI.

Apple aplica tecnologia de criptografia robusta para proteger os dados dos usuários — Foto: Marvin Costa/TechTudo Apple aplica tecnologia de criptografia robusta para proteger os dados dos usuários — Foto: Marvin Costa/TechTudo

Apple aplica tecnologia de criptografia robusta para proteger os dados dos usuários — Foto: Marvin Costa/TechTudo

O procedimento está disponível tanto para iPhone quanto para smartphones Android. O desbloqueio, porém, só pode ser feito pelo proprietário e requer documentos, como certidão de óbito, em casos específicos.

Ainda não está claro como o procedimento funciona e nem como a companhia consegue burlar o sistema de proteção dos celulares da Apple, apesar das últimas atualizações do iOS.

A solução é anunciada após polêmicas envolvendo o GrayKey e órgãos do governo norte-americano. Recentemente, um agente do FBI forçou um suspeito a desbloquear um iPhone X por meio do desbloqueio facial do Face ID durante uma investigação.

Como reiniciar o iPhone

Como reiniciar o iPhone

MAIS DO TechTudo