Por Raquel Freire, para o TechTudo


A Black Friday 2018 agitou o mundo dos celulares no mês de novembro, a ponto de figurar neste resumo. O evento trouxe grandes oportunidades para os consumidores comprarem smartphones com desconto. Os modelos com ficha técnica intermediária despertaram grande interesse do público, como a linha Moto G6, o Galaxy J6 e o iPhone 7, que apareceram entre os mais buscados na semana.

Você também verá, nas linhas a seguir, que o Motorola One também entrou no seleto grupo de celulares muito procurados. Além disso, o celular Motorola foi analisado pelo TechTudo nesse mês. No quesito tecnologia inovadora, o que supreendeu foram as seis câmeras do Huawei Honor Magic 2 e a tela dobrável apresentada pela Samsung.

Celular foi um dos itens mais procurados pelo consumidor brasileiro durante Black Friday 2018 — Foto: Gabrielle Lancellotti/TechTudo Celular foi um dos itens mais procurados pelo consumidor brasileiro durante Black Friday 2018 — Foto: Gabrielle Lancellotti/TechTudo

Celular foi um dos itens mais procurados pelo consumidor brasileiro durante Black Friday 2018 — Foto: Gabrielle Lancellotti/TechTudo

1. Celulares na Black Friday 2018

Os celulares fizeram sucesso durante a Black Friday 2018. Muita gente aproveitou a data para procurar pelos modelos mais básicos, a fim de pagar ainda mais barato do que no restante do ano. A lista com o preço dos 20 smartphones mais procurados no Buscapé nos últimos meses foi de grande ajuda para esse público, permitindo ao consumidor ver o histórico dos aparelhos no varejo e, assim, escapar da temida "black fraude".

O iPhone 7 e o Moto G6 foram os dois telefones mais buscados no Google durante a quinta-feira que antecedeu a Black Friday. Os modelos também aparecem na lista dos mais pesquisados no Zoom. A Motorola emplacou três aparelhos entre os Android mais populares: Moto G6 Play, Moto G6 Plus e Motorola One. Entre o celulares da Apple, os mais procurados foram iPhone 7, iPhone 8 e iPhone 8 Plus.

Moto G6, Moto G6 Play e iPhone 7 foram alguns dos celulares mais procurados durante Black Friday — Foto: Thássius Veloso/TechTudo Moto G6, Moto G6 Play e iPhone 7 foram alguns dos celulares mais procurados durante Black Friday — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

Moto G6, Moto G6 Play e iPhone 7 foram alguns dos celulares mais procurados durante Black Friday — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

2. Review Motorola One

O Motorola One chegou ao Brasil no início de outubro e já é o primeiro do país a receber a atualização para o Andoid 9 (Pie). O integrante do projeto Android One traz especificações intermediárias, tendo ficha técnica formada pelo processador Snapdragon 625, memória RAM de 4 GB e armazenamento de 64 GB.

No início de novembro, o TechTudo testou o celular Motorola e pôde constatar seus pontos fortes e fracos. O processador antigo e a câmera limitada em condições noturnas decepcionaram, mas o celular ainda conseguiu apresentar boa bateria e uma boa relação custo-benefício, com seu preço de R$ 1.499. Quem já comprou o Motorola One pode conferir nestes tutoriais como inserir o chip no smartphone e tirar print no celular.

Review do Motorola One: confira a nossa análise completa

Review do Motorola One: confira a nossa análise completa

3. Huawei Magic 2: seis câmeras deslizantes

A Huawei surpreendeu ao lançar o Honor Magic 2, smartphone com seis câmeras – três atrás e três na frente. Os sensores de selfie ficam escondidos em uma base deslizante, que aparece apenas no momento da foto. Com a tecnologia, a tela pode ocupar praticamente toda a parte frontal do celular.

O conjunto de câmera sextupla compreende dois sensores de 16 megapixels e um monocromático de 24 megapixels na traseira. O trio restante, dedicado às selfies, inclui dois sensores de 2 megapixels e um de 16 MP. Ainda não há informações sobre preço e início das vendas do Honor Magic 2 no Brasil.

Honor Magic 2 traz tecnologia de câmera deslizante e conta com seis sensores  — Foto: Divulgação/Huawei Honor Magic 2 traz tecnologia de câmera deslizante e conta com seis sensores  — Foto: Divulgação/Huawei

Honor Magic 2 traz tecnologia de câmera deslizante e conta com seis sensores — Foto: Divulgação/Huawei

4. Celular com tela dobrável

A Samsung finalmente revelou um celular com tela dobrável. A tecnologia, que recebeu o nome de Infinity Flex Display, foi demonstrada em um protótipo em novembro. Durante a apresentação, a empresa explicou que o futuro smartphone terá um segundo display convencional, que permitirá mexer no aparelho quando o painel flexível estiver "fechado".

Supostamente chamado de Galaxy F, o celular deve ser lançado já em março de 2019, com preço sugerido de US$ 1.770, aproximadamente R$ 6.890 em conversão direta. Fabricantes como Huawei e Royole também embarcaram na tendência da tela dobrável, uma das apostas do mercado nos próximos anos.

Samsung apresentou celular com tela dobrável em novembro de 2018 — Foto: Reprodução/YouTube Samsung apresentou celular com tela dobrável em novembro de 2018 — Foto: Reprodução/YouTube

Samsung apresentou celular com tela dobrável em novembro de 2018 — Foto: Reprodução/YouTube

5. Blu vs Vivo

Novembro também foi palco de uma polêmica envolvendo a Blu e a Vivo. Tudo porque a operadora, marca do Grupo Telefônica, se opôs à adoção do termo "Vivo" nos celulares da fabricante americana, que voltou a operar no Brasil em setembro. Com a ação do grupo espanhol, a Blu mudou o nome dos aparelhos vendidos no nosso país, que passaram a se chamar Blu V XI e Blu V XI Plus.

A mudança afetou apenas o nome comercial dos smartphones, não interferindo na ficha técnica. Os dois modelos trazem tela com o visual do iPhone X e seu polêmico topete. A versão básica traz um painel de 5,9 polegadas com resolução HD+, enquanto o mais avançado chega com display Full HD+ de 6,2 polegadas.

Blu V XI  e Blu V XI Plus têm nomes alterados no Brasil após oposição da operadora Vivo — Foto: Thássius Veloso / TechTudo Blu V XI  e Blu V XI Plus têm nomes alterados no Brasil após oposição da operadora Vivo — Foto: Thássius Veloso / TechTudo

Blu V XI e Blu V XI Plus têm nomes alterados no Brasil após oposição da operadora Vivo — Foto: Thássius Veloso / TechTudo

Mais do TechTudo