Celulares

Por Filipe Garrett, para o TechTudo


O ano de 2018 foi marcado pelo lançamento de smartphones inovadores, porém que não desembarcaram oficialmente no Brasil. Câmeras deslizantes, leitores de impressões digitais sob a tela e até a chegada de uma série de celulares dedicados ao público gamer, como os Asus ROG Phone e Razer Phone 2, marcaram o ano que viu o Huawei P20 Pro se tornar o primeiro smartphone com as três câmeras tidas como as melhores do mundo num smartphone. A seguir, você vai relembrar os telefones gringos que mais ousaram em recursos, funcionalidades e tecnologia nos últimos meses

Relembre os celulares que marcaram 2018

Relembre os celulares que marcaram 2018

Huawei P20 Pro

Trio de câmeras foi o grande destaque do P20 Pro — Foto: Divulgação/Huawei Trio de câmeras foi o grande destaque do P20 Pro — Foto: Divulgação/Huawei

Trio de câmeras foi o grande destaque do P20 Pro — Foto: Divulgação/Huawei

O Huawei P20 Pro chamou a atenção por ter a melhor câmera do mercado, segundo o site especializado em fotografia DxO Mark. O celular da Huawei passou a frente de ícones, como o Galaxy S9 e Galaxy Note 9, e, até mesmo, do iPhone XS Max, atualmente em segundo lugar no ranking do site.

Esta fama existe graças ao conjunto com câmera tripla, de 40, 20 e 8 megapixels, e, também, pela câmera frontal, que promete selfies com 24 megapixels. O celular também traz tela de 6,1 polegadas com resolução Full HD+, ficha técnica avançada, com o processador octa-core Kirin 970, memória RAM de 6 GB ou 8 GB e armazenamento de 128 GB ou 256 GB. O telefone foi lançado em março a partir de 899 euros (cerca de R$ 3.990).

Oppo Find X

Find X é praticamente todo tela - e sem entalhe — Foto: Divulgação/Oppo Find X é praticamente todo tela - e sem entalhe — Foto: Divulgação/Oppo

Find X é praticamente todo tela - e sem entalhe — Foto: Divulgação/Oppo

Na cola do Vivo Nex, o Oppo Find X traz um conceito bastante futurístico: a câmera deslizante. Dessa forma, o celular consegue anular todas as bordas da superfície frontal, evitando até mesmo o recorte na tela tão marcante no iPhone X.

O smartphone tem tela de 6,4 polegadas com resolução de 2340 x 1080 pixels, que ocupa 92,25% da frontal. A ficha técnica do celular é avançada, com o Snapdragon 845, memória RAM de 8 GB e versões com 128 ou 256 GB de espaço para dados. O telefone foi lançado em junho por 999 euros (cerca de R$ 4.430).

Vivo Nex 2

Nex 2 tem tela dos dois lados — Foto:  Divulgação/Vivo Nex 2 tem tela dos dois lados — Foto:  Divulgação/Vivo

Nex 2 tem tela dos dois lados — Foto: Divulgação/Vivo

O Vivo Nex 2 é um celular que trouxe mais uma alternativa para dar fim às bordas ao redor da tela. Isto é possível graças a um display extra na parte de trás, que permite utilizar as câmeras traseiras para selfies. O smartphone ainda traz um sistema de flashs apropriados para suavizar a iluminação em retratos e leitor de impressões digitais sob a tela.

O celular tem tela principal de 6,3 polegadas e 5,7 polegadas na traseira. A ficha técnica avançada é composta pelo processador Snapdragon 845, memória RAM de 10 GB e armazenamento de 128 GB. As vendas estão previstas para começar em 29 de dezembro na China por 4.998 yuans (por volta de R$ 2.800).

Xiaomi Mi Mix 3

Xiaomi apostou num slider manual para revelar a câmera — Foto: Divulgação/Xiaomi Xiaomi apostou num slider manual para revelar a câmera — Foto: Divulgação/Xiaomi

Xiaomi apostou num slider manual para revelar a câmera — Foto: Divulgação/Xiaomi

Além da câmera deslizante, o Xiaomi Mi Mix 3 está cotado para ser um dos primeiros celulares com suporte a redes 5G. A edição especial do celular da Xiaomi foi apresentado em dezembro com o processador Snapdragon 855, que deve trazer Internet com velocidade de até 2 Gb/s.

Assim com os smartphones da Oppo e Vivo, a tela de 6,4 polegadas ocupa quase a frontal inteira. O celular tem edições com memória RAM de 6 GB e armazenamento de 128 GB, 8 GB e 128 GB, 8 GB e 256 GB e 10 GB e 256 GB. O celular pode ser encontrado a partir de 3.299 yuans (cerca de R$ 1.720).

Asus ROG Phone

Poderoso e versátil, ROG Phone virou o Android mais rápido do mundo — Foto: Divulgação/Asus Poderoso e versátil, ROG Phone virou o Android mais rápido do mundo — Foto: Divulgação/Asus

Poderoso e versátil, ROG Phone virou o Android mais rápido do mundo — Foto: Divulgação/Asus

O ROG Phone é um smartphone gamer da Asus que assumiu a liderança do ranking de desempenho AnTuTu. O celular conta com especificações avançadas, tela com taxa de atualização de 90 Hz, sistema de refrigeração, acessórios exclusivos e uma série de recursos para melhorar a experiência e performance em jogos. O celular é encontrado por US$ 899 (R$ 3.320).

Razer Phone 2

Razer Phone 2 ganhou novo processador — Foto: Divulgação/Razer Razer Phone 2 ganhou novo processador — Foto: Divulgação/Razer

Razer Phone 2 ganhou novo processador — Foto: Divulgação/Razer

O Razer Phone 2 é mais um smartphone gamer que chamou a atenção. A segunda geração do celular da Razer surpreende com a tela de 120 Hz, que supera até mesmo o Asus ROG Phone, com 90 Hz.

O sucessor do Razer Phone vem com hardware ainda mais poderoso, atualizando o processador do Snapdragon 835 para o Snapdragon 845, acompanhado pela memória RAM de 8 GB. O celular tem tela de 5,72 polegadas e câmera dupla de 12 megapixels, além de bateria de 4.000 mAh. O celular pode ser encontrado por US$ 799 (R$ 2.990 em conversão direta) no exterior.

Huawei Honor Magic 2

Honor Magic 2 traz tecnologia de câmera deslizante e conta com seis sensores  — Foto: Divulgação/Huawei Honor Magic 2 traz tecnologia de câmera deslizante e conta com seis sensores  — Foto: Divulgação/Huawei

Honor Magic 2 traz tecnologia de câmera deslizante e conta com seis sensores — Foto: Divulgação/Huawei

Se no Huawei P20 Pro o destaque fica pela câmera tripla da traseira, no Huawei Honor Magic 2, as seis câmeras podem impressionar ainda mais. Com três na parte frontal e três atrás, ocultadas por um mecanismo deslizante, o celular ainda utiliza recursos de inteligência artifical para melhorar a qualidade da imagem e possui reconhecimento facial em 3D. Lançado em novembro, o celular conta com o novo processador Kirin 980, fabricado em 7 nanômetros, e memória RAM de 6 GB ou 8 GB – a depender da versão. O aparelho pode ser encontrado por US$ 769 (na faixa de R$ 3.000).

OnePlus 6T

OnePlus 6T mostra que leitor de digitais na tela pode virar tendência em 2019 — Foto: Divulgação/OnePlus OnePlus 6T mostra que leitor de digitais na tela pode virar tendência em 2019 — Foto: Divulgação/OnePlus

OnePlus 6T mostra que leitor de digitais na tela pode virar tendência em 2019 — Foto: Divulgação/OnePlus

O celular mais recente da OnePlus não foi é inovador quanto aos demais da lista, mas se destaca pela introdução do leitor de impressões digitais sob a tela. Com design bastante parecido com a geração anterior, o OnePlus 6T tem tela com recorte em forma de gota, câmera dupla e Snapdragon 845. O telefone pode ser encontrado nos Estados Unidos por US$ 549 (R$ 1.990 em conversão direta).

Mais do TechTudo