Por Leonardo Couto, para o TechTudo


A Chaos Esports Club, ex-paiN Gaming, perdeu para a Vici Gaming e está eliminada do Chongqing Major de DotA 2. Os brasileiros foram derrotados pelos chineses na madrugada desta quarta-feira (23), por 2-1. A equipe sai do torneio com o prêmio de US$ 15 mil (aproximadamente R$ 60 mil) e com 150 DotA 2 Pro Circuit Points. A final do Major está marcada para o próximo domingo (27).

Chaos Espors Club perde para chineses da Vici Gaming e dá adeus ao Chongqing Major de DotA 2 — Foto: Reprodução/Twitter ChaosEC Chaos Espors Club perde para chineses da Vici Gaming e dá adeus ao Chongqing Major de DotA 2 — Foto: Reprodução/Twitter ChaosEC

Chaos Espors Club perde para chineses da Vici Gaming e dá adeus ao Chongqing Major de DotA 2 — Foto: Reprodução/Twitter ChaosEC

Bons picks e má execução na primeira partida

A composição de heróis da Chaos na primeira partida foi muito bem estruturada para um jogo mais longo e com combos de habilidade para as batalhas. Entretanto, a fase de rota foi o diferencial na partida e a equipe da Vici Gaming conseguiu desenvolver uma "bola de neve". Otavio "tavo" Gabriel não conseguiu encaixar bem o Doom na rota superior e fez com que o Terrorblade de Zhang "Paparazzi" Chengjun ficasse forte muito rápido. Com a combinação do ultimate do Tidehunter de Zhou "Yang" Haiyang e a agressividade do Tusk de Pan "Fade" Yi, a equipe da Vici Gaming fechou a primeira partida aos 26 minutos.

Recuperação e encaixe na segunda partida

Anotando a mesma estratégia da vitória contra a Alliance, a Chaos colocou Aliwi "w33" Omar novamente com o Timbersaw na rota superior. Ao contrário da primeira partida, a equipe brasileira conseguiu ser agressiva na fase de rota e o Undying do Rasmus "Misery" Filipsen foi bem efetivo. O mapa foi aberto e o espaço para crescimento da Medusa de William "hFn" Medeiros ajudou na composição ofensiva. A segunda partida terminou aos 25 minutos com a vitória da Chaos.

Erro no draft e eliminação na terceira partida

O time da Vici Gaming optou por uma escolha de herói clássica com a Phantom Assassin no Zhang "Paparazzi" Chengjun. Já a line up da Chaos escolheu um herói não muito usado como carregador e foi com Visage no Aliwi "w33" Omar. A seleção arriscada de heróis não encaixou muito bem para a Chaos e a fase de rota foi desastrosa para os brasileiros. Destaque para as atuações do Puck de Zeng "Ori" Jiaoyang e o Centaur de Zhou "Yang" Haiyang, que foram ofensivos e eficazes nas batalhas que definiram o jogo. A partida terminou aos 27 minutos e selou a passagem da Vici Gaming para a próxima fase da Chave dos Perdedores.

Vici Gaming avança para a próxima fase da Chave dos Perdedores — Foto: Reprodução/TwitchTV Beyondthesummit_BR Vici Gaming avança para a próxima fase da Chave dos Perdedores — Foto: Reprodução/TwitchTV Beyondthesummit_BR

Vici Gaming avança para a próxima fase da Chave dos Perdedores — Foto: Reprodução/TwitchTV Beyondthesummit_BR

Com a derrota, o time brasileiro foi eliminado da competição. Esse foi o primeiro torneio defendendo a Chaos Esports Club. A Vici Gaming continua na Chave dos Perdedores e jogará contra a Evil Geniuses, que venceu a Thunder Predator por 2-0.

Pontos e premiação milionária em jogo

O Chongqing Major de DotA 2 é o primeiro grande evento de DotA 2 em 2019. A final está prevista para domingo (27) às 06h no horário de Brasília. A premiação total do torneio é de US$ 1 milhão (aproximadamente R$ 4 milhões) e o campeão leva US$ 350 mil (R$ 1,4 milhão) e 4,950 DotA 2 Pro Circuit Points, pontos usados pela Valve para convites do The International. Além da Vici Gaming, algumas outras equipes estão em busca do título: Team Liquid, Team Secret, Fnatic, Thunder Predator, TNC Predator, Evil Geniuses, EHOME, Virtus Pro, J.Storm e PSG.LGD.

Quer comprar jogos, consoles e PCs com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Mais do TechTudo