Por Bruna Telles, para o Techtudo


Free Fire Battlegrounds, Battle Royale da Garena, foi um dos maiores sucessos de 2018. Lançado no fim de 2017, o game mobile está disponível para download grátis no Android e iPhone (iOS). Além de ser um verdadeiro fenômeno entre os usuários casuais, o jogo emplacou no cenário competitivo. Na Twitch TV o título também bateu números interessantes de canais, streams e visualizações. Veja, a seguir, os destaques de Free Fire no último ano.

O mais popular da Google Play em 2018

Sucesso entre os jogadores, Free Fire desbancou nomes famosos dos jogos casuais e competitivos — Foto: Divulgação/Garena Sucesso entre os jogadores, Free Fire desbancou nomes famosos dos jogos casuais e competitivos — Foto: Divulgação/Garena

Sucesso entre os jogadores, Free Fire desbancou nomes famosos dos jogos casuais e competitivos — Foto: Divulgação/Garena

Seguindo a tradição anual, em dezembro o Google divulgou as listas de melhores jogos e aplicativos de 2018. Free Fire Battlegrounds foi o grande vencedor na categoria Voto Popular, que contabilizou as escolhas dos usuários até o dia 3 de dezembro, quando os resultados foram divulgados.

O game da Garena superou títulos de sucesso entre os jogadores casuais, como Pokémon GO e The Sims Mobile. Entre os competitivos, também indicados na mesma categoria, Free Fire bateu grandes nomes como Arena of Valor, Clash Royale e PUBG Mobile. Atualmente, o jogo tem nota 4,6 e mais de 14 milhões de avaliações dos usuários na Play Store.

Sucesso crescente nos esports

Copa do Brasil de Free Fire teve as finais presenciais realizadas durante a Brasil Game Show 2018 — Foto: Divulgação/Garena Copa do Brasil de Free Fire teve as finais presenciais realizadas durante a Brasil Game Show 2018 — Foto: Divulgação/Garena

Copa do Brasil de Free Fire teve as finais presenciais realizadas durante a Brasil Game Show 2018 — Foto: Divulgação/Garena

Free Fire Battlegrounds também já está movimentando o mundo competitivo com seus torneios. Um dos destaques foi o ASUS King of Mobile, realizado na cidade de Cheras, Malásia. O campeonato reuniu 80 participantes divididos em 20 times.

Em solo brasileiro, o destaque foi a Copa do Brasil de Free Fire. Reunindo 4,320 jogadores divididos em 864 equipes, a disputa regular aconteceu entre 15 e 24 de setembro. Ao todo, a competição teve uma premiação de R$ 46 mil e foi sucesso de audiência.

As finais online com 12 equipes foram promovidas pela Bad Boy Leeroy (BBL). Segundo a holding, o VOD (vídeo com a transmissão dos jogos) foi visualizado quase 1 milhão de vezes, tendo sido um dos eventos online da Garena mais assistidos. O pico registrado foi de 79 mil jogadores simultaneamente.

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

O 2018 de Free Fire na Twitch TV

Free Fire teve um primeiro ano produtivo na Twitch — Foto: Divulgação/Garena Free Fire teve um primeiro ano produtivo na Twitch — Foto: Divulgação/Garena

Free Fire teve um primeiro ano produtivo na Twitch — Foto: Divulgação/Garena

A ascensão de Free Fire também foi refletida na Twitch TV. Em 2018 o título alcançou 107 mil horas transmitidas, algo notável para um jogo lançado há pouco tempo. Para efeito de comparação, Arena of Valor, um dos nomes mais famosos do momento, teve 117,7 mil horas transmitidas, enquanto Clash Royale, jogo já estabelecido no segmento, alcançou 165,7 mil horas.

No quesito visualizações, Free Fire teve 525,1 mil horas assistidas. Quanto ao número de canais que transmitiram o jogo, foram 49, valor que supera os 45 de Arena of Valor e 31 de Vainglory. O número também não fica tão atrás dos 58 de Clash Royale. Por fim, o Brasil é o terceiro principal país entre os streamers do jogo. São 14 canais em português entre os 50 com maior número de seguidores, e 11 canais em português entre os 50 mais assistidos em 2018.

Relembre os jogos que marcaram 2018

Relembre os jogos que marcaram 2018

Mais do TechTudo