Por Igor Nishikiori, para o TechTudo


O i.Con é um preservativo smart que promete analisar a performance do usuário durante a relação sexual e enviar as informações para um aplicativo de celular. O dispositivo é um anel emborrachado que deve ser colocado na base do órgão sexual masculino e, apesar do nome, não evita gravidez ou contágio de doenças sexualmente transmissíveis (DSTs).

A fabricante British Condoms intitula o gadget como a "primeira camisinha smart do mundo". Ele é à prova d’água e pode ser reutilizado diversas vezes, além de contar com um ano de garantia. O dispositivo passará a ser vendido na Grã-Bretanha a partir do terceiro trimestre de 2019. Seu preço oficial é de 60 libras (cerca de R$ 287, em conversão direta, sem impostos).

i.Con não substitui o preservativo comum — Foto: Divulgação/British Condoms i.Con não substitui o preservativo comum — Foto: Divulgação/British Condoms

i.Con não substitui o preservativo comum — Foto: Divulgação/British Condoms

Entre os dados que o i.Con coleta estão a quantidade de calorias queimadas durante a relação sexual, além de informações como velocidade média, duração, temperatura do corpo. A fabricante promete que no futuro o dispositivo também poderá registrar diferentes posições, mas, por enquanto, esse recurso está em fase de testes.

Os dados são transmitidos para o smartphone por meio de conexão Bluetooth e ficam catalogados em um aplicativo. De acordo com a empresa, após o lançamento, o usuário poderá comparar seu desempenho com o de seus amigos e outras pessoas no mundo. O dispositivo conta com bateria para até oito horas de duração, o que é pouco se comparado às pulseiras fitness). Uma carga completa leva uma hora e é feita por cabo microUSB.

i.Con permitirá comparar desempenho com outros usuários do gadget — Foto: Divulgação/British Condoms i.Con permitirá comparar desempenho com outros usuários do gadget — Foto: Divulgação/British Condoms

i.Con permitirá comparar desempenho com outros usuários do gadget — Foto: Divulgação/British Condoms

O i.Con foi anunciado em 2017 e já teve seu lançamento adiado algumas vezes desde então. A fabricante British Condoms promete iniciar as vendas no terceiro trimestre deste ano, mas ainda não está aceitando encomendas. Inicialmente, o produto estará disponível apenas no site oficial, que oferece a opção de entrega para o Brasil.

MAIS DO TechTudo