Por Felipe Vinha, para o TechTudo


O Steam foi lançado em 2003 pela produtora Valve, como um serviço para vender jogos digitais, dos mais variados – basicamente, uma loja online. Ao longo dos anos, evoluiu e se tornou muito mais, mas também uma plataforma completa, com chat entre amigos, coleções, lista de desejos, eventos e promoções temáticas, entre outros incrementos que recebeu. Hoje, com 15 anos de história, a plataforma é líder do mercado e referência para concorrentes que surgem, como GOG, Origin e Epic.

Outros serviços, hoje, incluem uma página completa para o perfil de usuário, como se fosse uma rede social, além de um mercado onde qualquer pessoa pode vender itens digitais obtidos em jogos. São cartas, itens decorativos, armas, entre outras criações, recebidas por meio do tempo que se aproveita dentro dos games.

Steam é a principal plataforma de jogos para PC — Foto: Reprodução/Felipe Vinha Steam é a principal plataforma de jogos para PC — Foto: Reprodução/Felipe Vinha

Steam é a principal plataforma de jogos para PC — Foto: Reprodução/Felipe Vinha

Quais são os métodos de pagamento?

Como uma boa loja, o Steam oferece a venda de quase todo tipo de jogo e, para vender, também é preciso ter um sistema robusto de pagamento – inclusive seguro. Hoje, os usuários do Steam contam com inúmeras formas de pagamento, entre elas cartão de crédito, boleto bancário, Paypal, PagSeguro, cartões nacionais e até débito online em conta corrente, dependendo do seu banco.

Formas de pagamento — Foto: Reprodução/Felipe Vinha Formas de pagamento — Foto: Reprodução/Felipe Vinha

Formas de pagamento — Foto: Reprodução/Felipe Vinha

O Steam vende jogos para consoles?

Apesar de uma infinidade de jogos serem vendidos no Steam, não há games compatíveis com os consoles por lá. O que existe, contudo, são títulos que também estão nos consoles – alguns exemplos são Rocket League, GTA 5 ou Assassin’s Creed Origins –, mas em suas edições para computadores.

Rocket League — Foto: Divulgação/Psyonix Rocket League — Foto: Divulgação/Psyonix

Rocket League — Foto: Divulgação/Psyonix

Vale lembrar que o Steam já lançou uma espécie de console, chamado Steam Link, para transmitir os jogos do computador para a TV. Ainda assim, os games continuam sendo “versão PC”, e não a de videogames de mesa.

Todos os jogos de PC estão no Steam?

Infelizmente nem todos os jogos são vendidos no Steam. Além dos games que são 100% exclusivos de console, como Red Dead Redemption 2, há também os que são exclusivos de algumas lojas concorrentes. Um destes casos é Fortnite, que não pode ser baixado do Steam. Outros bons exemplos são títulos mais recentes da EA ou Activision, como versões mais novas de Star Wars Battlefront, Battlefield e Call of Duty.

Star Wars Battlefront 2 — Foto: Divulgação/EA Star Wars Battlefront 2 — Foto: Divulgação/EA

Star Wars Battlefront 2 — Foto: Divulgação/EA

Com que frequência acontecem as promoções?

As chamadas “promoções sazonais”, ou seja, que ocorrem uma vez ou outra, são veiculadas de tempos em tempos no Steam. O mais comum é que elas aconteçam a cada nova estação do ano, principalmente no Inverno e Verão. A maior promoção é realizada no final do ano, sempre com os maiores descontos e com quantidade maior de jogos oferecidos em descontos.

Promoção de Ano Novo Lunar — Foto: Reprodução/Felipe Vinha Promoção de Ano Novo Lunar — Foto: Reprodução/Felipe Vinha

Promoção de Ano Novo Lunar — Foto: Reprodução/Felipe Vinha

Posso ganhar dinheiro na Steam?

Como citamos, o Steam oferece um mercado online para que os jogadores vendam suas cartas e itens digitais, obtidos de graça em jogos. É possível, sim, ganhar dinheiro com as vendas. Este dinheiro vai diretamente para sua Carteira Steam, que pode ser gasto comprando novos games ou mais itens virtuais, de outros usuários, por meio do mesmo mercado.

Mercado Steam — Foto: Reprodução/Felipe Vinha Mercado Steam — Foto: Reprodução/Felipe Vinha

Mercado Steam — Foto: Reprodução/Felipe Vinha

A Carteira Steam é segura, mas não é possível resgatar o dinheiro dali para outro lugar. Todos os valores são somados e usados apenas dentro da plataforma.

Mais do TechTudo