Por Filipe Garrett, para o TechTudo


O celular gamer Razer Phone 3 corre o risco de jamais ver a luz do dia. De acordo com o site especializado Droid Life, a fabricante Razer encerrou o projeto em meio a demissão de funcionários. A empresa estaria passando por um processo de readequação que afetaria a divisão responsável pelo sucessor do Razer Phone. Em nota, a companhia não quis confirmar o eventual abandono do smartphone, limitando-se a dizer que pretende ainda estar presente no mercado de dispositivos móveis, tanto do ponto de vista de software quanto de hardware.

Lançado em outubro de 2018, Razer Phone 2 pode ser o último celular gamer da Razer — Foto: Divulgação/Razer Lançado em outubro de 2018, Razer Phone 2 pode ser o último celular gamer da Razer — Foto: Divulgação/Razer

Lançado em outubro de 2018, Razer Phone 2 pode ser o último celular gamer da Razer — Foto: Divulgação/Razer

Na publicação original, o Droid Life disse que a Razer demitiu 30 engenheiros e outros profissionais de sua divisão de dispositivos móveis, responsáveis pelos smartphones gamers da marca. Apenas um pequeno grupo de profissionais seria mantido para continuar o suporte de software do Razer Phone 2, que recentemente ganhou promessa de atualização ao Android 9 (Pie).

A Razer veio a público falar sobre a situação. Embora não tenha entrado no mérito do cancelamento do Razer Phone 3, admitiu as demissões. “Nós vemos grandes oportunidades no mercado gamer móvel que nós criamos com o Razer Phone e continuaremos a investir nessa categoria com uma combinação de hardware e software”, diz o texto.

Razer Phone apareceu em 2017 e deu origem ao nicho dos celulares gamers — Foto: Divulgação/Razer Razer Phone apareceu em 2017 e deu origem ao nicho dos celulares gamers — Foto: Divulgação/Razer

Razer Phone apareceu em 2017 e deu origem ao nicho dos celulares gamers — Foto: Divulgação/Razer

Independentemente do que o futuro reserva, o Razer Phone 3 seria a terceira geração do smartphone gamer da marca. Em 2017, ao apresentar o Razer Phone com sua tela inovadora de 120 Hz, a Razer criou um novo nicho de mercado, que acabou encampado por lançamentos de ZTE, Xiaomi e Asus nos meses seguintes. A fabricante era conhecida até então pelos acessórios e notebooks gamers

Em outubro de 2018, o Razer Phone 2 apareceria com um design parecido e a tela de 120 Hz que era destaque do antecessor. Também ganharia um bem-vindo reforço em termos de processamento ao adotar o poderoso chip Snapdragon 845.

Samsung Galaxy S10, S10 Plus e S10E: veja lançamento dos novos smartphones

Samsung Galaxy S10, S10 Plus e S10E: veja lançamento dos novos smartphones

Mais do TechTudo