Por Filipe Garrett, para o TechTudo


O Archer C20 é um roteador dual-band da TP-Link com taxas de transferência de até 733 Mb/s, embora a fabricante o classifique como AC750. O dispositivo, lançado no Brasil em 2015 por R$ 300, já pode ser encontrado por preços na faixa dos R$ 120, valor que representa uma queda de mais de 50%.

O roteador é presença constante em rankings de produtos mais buscados pelos brasileiros e ainda pode ser considerado uma opção de bom custo-benefício para quem quer gastar menos. Abaixo, conheça em detalhes a ficha técnica do Archer C20 e descubra se o investimento vale a pena.

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

TP-Link Archer C20 é dual-band, tem Wi-Fi 5 e três antenas — Foto: Divulgação/TP-Link TP-Link Archer C20 é dual-band, tem Wi-Fi 5 e três antenas — Foto: Divulgação/TP-Link

TP-Link Archer C20 é dual-band, tem Wi-Fi 5 e três antenas — Foto: Divulgação/TP-Link

Ficha técnica TP-Link Archer C20:

  • Preço: a partir de R$ 120
  • Frequências: dual-band, 2,4 e 5 GHz
  • Taxa de transferência: até 733 Mb/s (300 em 2,4 GHz e 433 em 5 GHz)
  • Antenas: três, externas
  • Portas: quatro Fast Ethernet e uma WAN
  • Padrão wireless: Wi-Fi 5 (802.11 ac)

Especificações

O Archer C20 é um roteador dual-band, ou seja, funciona com Wi-Fi em 2,4 GHz e em 5 GHz. Essa característica favorece tanto uma maior área de cobertura como para as taxas de transferência mais altas associadas a redes de 5 GHz.

Com relação à velocidade, o dispositivo tem um limite teórico estipulado pela TP-Link de 733 Mb/s (megabits por segundo). Esse valor é obtido a partir da soma da taxa de transferência máxima para 2,4 GHz (300 Mb/s) mais o valor referente à rede em 5 GHz (433 Mb/s). Roteadores dual-band com taxas bem mais altas, na casa dos 1.200 Mb/s, já são comuns no mercado. Nesse sentido, o Archer C20 se torna uma opção de bom custo-benefício apenas para quem não quer investir muito.

Além da capacidade de distribuir sinal sem fio, o aparelho tem interfaces de rede Ethernet. São quatro portas tipo LAN de 10/100 Mb/s (Fast Ethernet, portanto) e uma interface WAN também de 10/100 Mb/s.

Qualidade do Wi-Fi

Roteador é dual-band, mas cobertura pode decepcionar — Foto: Divulgação/TP-Link Roteador é dual-band, mas cobertura pode decepcionar — Foto: Divulgação/TP-Link

Roteador é dual-band, mas cobertura pode decepcionar — Foto: Divulgação/TP-Link

O Archer C20 tem especificações técnicas e recursos equilibrados e que não devem comprometer a experiência do usuário interessado em montar uma rede doméstica. A característica dual-band é um fator importante nesse sentido, já que oferece a maior área de cobertura das redes 2,4 GHz, mas também permite conexão em 5 GHz, que garante Wi-Fi mais rápido para os dispositivos compatíveis.

Embora a combinação de redes 2,4 e 5 GHz tenha como principal objetivo potencializar o alcance do roteador, vale ressaltar que, durante os nossos testes, a cobertura do dispositivo caiu bastante em ambiente com mais bloqueios para o sinal.

Funcionalidades

Archer C20 funciona com o app oficial da TP-Link e é de configuração fácil — Foto: Divulgação/TP-Link Archer C20 funciona com o app oficial da TP-Link e é de configuração fácil — Foto: Divulgação/TP-Link

Archer C20 funciona com o app oficial da TP-Link e é de configuração fácil — Foto: Divulgação/TP-Link

O Archer C20 vem com recursos mais básicos, mas, embora seja um produto de 2015, é compatível com o aplicativo Tether TP-Link, que permite gerenciamento e configuração descomplicada da rede. Esse fator pode ser importante sobretudo para o consumidor que nunca configurou o Wi-Fi sozinho. Nosso review do roteador, valorizou essa característica, destacando a facilidade de configuração do produto, que é capaz de reconhecer sozinho as configurações do modem para uso imediato.

O dispositivo tem ainda suporte à criação de rede de convidados – característica útil em estabelecimentos comerciais, por exemplo – e oferece ferramentas de controle de acesso, úteis para pais interessados em limitar conteúdo e períodos em que as crianças podem acessar a Internet, por exemplo.

Preço

O Archer C20 pode ser encontrado com preços na faixa dos R$ 120. Esse valor é baixo e bastante competitivo no mercado de entrada brasileiro, dominado por roteadores mono-band que custam cerca de R$ 75.

O modelo da TP-Link é uma boa pedida para quem precisa de um roteador funcional, mas está disposto a gastar um pouco mais para levar para casa um produto mais capacitado, com mais recursos e especificações técnicas melhores. Outro destaque relevante é o gerenciamento e instalação via aplicativos, mais fáceis do que as interfaces oferecidas em outros modelos de baixo custo.

Via TP-Link

Qual é o melhor roteador para comprar? Comente no Fórum do TechTudo

Mais do TechTudo