Áudio e vídeo

Por Paulo Alves, para o TechTudo


A Apple anunciou nesta segunda-feira (25) o Apple TV+, novo serviço de streaming de séries, filmes, documentários e programas de TV. Abrigado em uma versão repaginada do aplicativo Apple TV, o lançamento segue os passos de plataformas bem-sucedidas da empresa no passado, como o iTunes e o Apple Music, e traz uma seleção de conteúdo original nos moldes de Netflix e Amazon Prime Video. A novidade estará disponível a partir de setembro nos Estados Unidos e em mais de 100 outros países. O preço da mensalidade ainda não foi divulgado.

Além da solução para vídeos online, a empresa anunciou uma versão renovada do Apple News, que inclui assinatura de revistas digitais; o Apple Card, um cartão de crédito digital que funciona no Apple Pay; e o Apple Arcade, com seleção de games mais avançados mediante mensalidade. Todos os serviços funcionam no iPhone, iPad, Mac e Apple TV. Confira todas as novidades da Apple.

Apple TV+ é o novo serviço de streaming com produções próprias da Apple — Foto: Divulgação/Apple Apple TV+ é o novo serviço de streaming com produções próprias da Apple — Foto: Divulgação/Apple

Apple TV+ é o novo serviço de streaming com produções próprias da Apple — Foto: Divulgação/Apple

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Apple TV+

Nomes como Steven Spielberg, Jennifer Aniston, Reese Witherspoon, Steve Carrel, J.J. Abrams e Oprah Winfrey subiram ao palco do Steve Jobs Center, em Cupertino, nos EUA, para apresentar projetos que estarão disponíveis no serviço. Com produção da Apple, os títulos ainda têm pouca informação divulgada – nenhum trailer foi mostrado à audiência.

O serviço será lançado em uma atualização para o aplicativo Apple TV, que foi reformulado e pretende facilitar a navegação por diferentes provedores de conteúdo. No mesmo ambiente, o usuário poderá explorar vídeos da HBO, da Netflix, títulos comprados do iTunes ou shows originais do Apple TV+. Além disso, usuários nos Estados Unidos poderão assinar um serviço de canais de TV a cabo integrado aos dispositivos da Apple.

Apple TV+ funcionará em novo app Apple TV para dispositivos da maçã — Foto: Divulgação/Apple Apple TV+ funcionará em novo app Apple TV para dispositivos da maçã — Foto: Divulgação/Apple

Apple TV+ funcionará em novo app Apple TV para dispositivos da maçã — Foto: Divulgação/Apple

Ainda se sabe pouco sobre o serviço de streaming da empresa. O preço será divulgado apenas no outono do hemisfério norte em 2019, quando as primeiras produções deverão ser lançadas e a plataforma ser liberada para usuários. Por enquanto, a Apple só garantiu que o valor de uma assinatura será suficiente para compartilhar com várias pessoas da mesma família, por meio do recurso Compartilhamento Familiar.

Apple News+

Uma das novidades é o Apple News+, uma versão turbinada do Apple News que inclui mais de 300 revistas, jornais e publicações digitais em um pacote único de assinatura mensal. Incluindo publicações Times, National Geographic e Wall Street Journal, o serviço está disponível nos Estados Unidos e no Canadá por US$ 9,99 mensais, com gratuidade no primeiro mês.

Além disso, é possível adicionar dependentes no Compartilhamento Familiar sem custo adicional. O serviço estreia na Austrália e no Reino Unido ainda em 2019. Ainda não há previsão de disponibilidade do Apple News+ no Brasil.

Apple News+ reúne mais de 300 revistas digitais e jornais em assinatura única — Foto: Divulgação/Apple Apple News+ reúne mais de 300 revistas digitais e jornais em assinatura única — Foto: Divulgação/Apple

Apple News+ reúne mais de 300 revistas digitais e jornais em assinatura única — Foto: Divulgação/Apple

Apple Card

O Apple Card é o novo cartão digital da Apple. Criado em parceria com o banco Goldman Sachs e operado pela Mastercard, ele funciona principalmente de forma digital dentro do aplicativo Wallet no iPhone, e é aceito em todos os estabelecimentos que já aceitam Apple Pay como método de pagamento.

O app mostra gráficos de despesas com categorização automática de gastos a partir de informações processadas no próprio aparelho, sem enviar dados aos servidores da empresa. Não há anuidade ou qualquer outra taxa de manutenção e clientes recebem cash back diário de 2% em todas as compras, ou 3% em compras de produtos ou serviços da Apple.

Apple Card é cartão digital sem taxas da Apple — Foto: Divulgação/Apple Apple Card é cartão digital sem taxas da Apple — Foto: Divulgação/Apple

Apple Card é cartão digital sem taxas da Apple — Foto: Divulgação/Apple

Há ainda um cartão físico opcional feito de titânio com design limpo e simples: apenas a logo da Apple, nome do dono e chip. Número do cartão e demais dados de pagamento ficam gravados no elemento seguro do componente eletrônico. Segundo a Apple, o Apple Card fornece um código de identificação diferente em cada transação para não vazar informações do usuário a terceiros. Não há previsão de chegada do cartão no Brasil.

Apple Arcade

O Apple Arcade é um serviço de streaming de jogos que terá, no lançamento, mais de 100 games inéditos e exclusivos para assinantes. A promessa é de oferecer os títulos com gráficos mais avançados que os já existentes para dispositivos móveis, todos sem anúncios nem compras adicionais para terminar a jogatina. Assinantes poderão jogar online ou baixar para jogar sem conexão no iPhone, iPad, Mac ou Apple TV. A novidade estará presente em uma nova aba do aplicativo da App Store. O serviço será lançado a partir de setembro em mais de 150 países.

Apple Arcade oferece jogos mais elaborados em pacote de assinatura — Foto: Divulgação/Apple Apple Arcade oferece jogos mais elaborados em pacote de assinatura — Foto: Divulgação/Apple

Apple Arcade oferece jogos mais elaborados em pacote de assinatura — Foto: Divulgação/Apple

iPhone XS, iPhone XS Max e iPhone XR: Apple faz lançamento de celulares

iPhone XS, iPhone XS Max e iPhone XR: Apple faz lançamento de celulares

Como deixar o iPhone mais rápido? Usuários comentam no Fórum TechTudo.

Mais do TechTudo