Por Wallace Nascimento, para o TechTudo

Wireless PowerShare: como funciona a tecnologia do Galaxy S10 Wireless PowerShare: como funciona a tecnologia do Galaxy S10
Thássius Veloso/TechTudo

O Wireless PowerShare é uma tecnologia presente nos novos Galaxy S10, Galaxy S10 Plus e Galaxy S10E. Com o recurso, os celulares podem recarregar outros dispositivos sem a necessidade de fios e de conectá-los à tomada. A função é capaz até mesmo de recarregar telefones de outras marcas, como o iPhone XS Max, da Apple. Confira, nas linhas a seguir, as particularidades e limitações do sistema da Samsung.

Samsung Galaxy S10, S10 Plus e S10e: veja lançamento dos novos smarts

Samsung Galaxy S10, S10 Plus e S10e: veja lançamento dos novos smarts

Como funciona

A traseira do Galaxy S10, Galaxy S10 Plus e Galaxy S10E tem um funcionamento similar às bases de carregamento sem fio da atualidade, que transmite energia por indução. Isso significa, na prática, que os novos celulares podem utilizar a própria bateria do smartphone para fornecer carga extra a outro dispositivo sem a necessidade de cabos ou conectores.

Como o sistema utiliza o padrão de carregamento por indução Qi, os celulares podem carregar desde dispositivos pequenos, como os fones de ouvido da marca, os Galaxy Buds, até mesmo outros celulares compatíveis com a tecnologia.

Galaxy S10 pode recarregar outros dispositivos sem fio — Foto: Divulgação/Samsung Galaxy S10 pode recarregar outros dispositivos sem fio — Foto: Divulgação/Samsung

Galaxy S10 pode recarregar outros dispositivos sem fio — Foto: Divulgação/Samsung

Ativação via software

O Wireless PowerShare é ativado por meio do software. Para usar, basta pressionar o botão presente no painel de controle do Galaxy S10, deslizando a barra de notificações. Com o sistema ligado, o celular começa a transmitir energia automaticamente, caso algum dispositivo esteja próximo.

Ativação do Wireless PowerShare é feita pelo painel de controle do Galaxy S10 — Foto: Thássius Veloso/TechTudo Ativação do Wireless PowerShare é feita pelo painel de controle do Galaxy S10 — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

Ativação do Wireless PowerShare é feita pelo painel de controle do Galaxy S10 — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

Limitações

Como utiliza a bateria do próprio celular para recarregar outros aparelhos, o Wireless PowerShare é indicado para os momentos emergenciais, em que não há uma tomada por perto. Os componentes do Galaxy S10E, Galaxy S10 e Galaxy S10 Plus têm capacidade de 3.100 mAh, 3.400 mAh e 4.100 mAh, respectivamente.

Segundo o site especializado PCWorld, a expectativa é de que a carga do smartphone diminua, em média, 25% por hora durante o uso do recurso. Os números podem variar de acordo com o modelo usado. Vale lembrar que existe uma carga mínima para que o sistema funcione. Ou seja, caso o Galaxy S10 tenha menos que 30% de bateria disponível, a função não estará disponível.

Galaxy S10 precisa ter, no mínimo, 30% de bateria disponível para utilizar o Wireless PowerShare — Foto: Thássius Veloso / TechTudo Galaxy S10 precisa ter, no mínimo, 30% de bateria disponível para utilizar o Wireless PowerShare — Foto: Thássius Veloso / TechTudo

Galaxy S10 precisa ter, no mínimo, 30% de bateria disponível para utilizar o Wireless PowerShare — Foto: Thássius Veloso / TechTudo

Mais do TechTudo