Por Lucas Batista, para o TechTudo


A MIBR está eliminada da IEM Sydney 2019, competição de Counter-Strike: Global Offensive (CS:GO). Os brasileiros perderam para a Team Liquid neste sábado (4) por 2-0, com as parciais Mirage (10-16) e Nuke (15-19). A grande final será disputada no domingo (5), às 2h, entre a equipe norte-americana e o vencedor do confronto entre NRG e Fnatic. A final da IEM Sydney terá transmissão ao vivo nos canais oficiais da ESL na Twitch e no YouTube.

MIBR apostou em uma equipe totalmente brasileira com a adição de João "Felps" Vasconcellos — Foto: Reprodução/HLTV MIBR apostou em uma equipe totalmente brasileira com a adição de João "Felps" Vasconcellos — Foto: Reprodução/HLTV

MIBR apostou em uma equipe totalmente brasileira com a adição de João "Felps" Vasconcellos — Foto: Reprodução/HLTV

O primeiro mapa jogado foi a Mirage, escolha da Made in Brazil. Os brasileiros começaram no lado terrorista e venceram o round pistol. A equipe de Gabriel "FalleN" Toledo obteve uma sequência de três rodadas, mas foram parados quando os norte-americanos conseguiram uma compra cheia. Com direito a um ace de Jonathan "EliGe" Jablonowski, a Team Liquid virou a partida, chegando ao placar de 9-6 na primeira metade.

Na troca de lados, novamente vitória brasileira no round pistol após um bom primeiro abate de Fernando "Fer" Alvarenga. Porém, a equipe da Liquid não permitiu que a MIBR usufruísse da vantagem econômica. Os norte-americanos venceram em sequência e emplacaram uma boa série de vitórias, chegando ao placar de 15-7. O time brasileiro venceu alguns rounds com um setup de defesa de quatro jogadores no bombsite da A, mas não foi o bastante. Jogo encerrado em 16-10 para a Team Liquid, com EliGe sendo o destaque da partida com 27 abates.

Na Nuke, os norte-americanos começaram pelo lado CT, vantajoso no mapa. Porém, os brasileiros tiveram um início ruim e perderam os cinco primeiros rounds. A MIBR conseguiu uma pequena vantagem para a segunda metade, virando o placar para 9-6,.

Jake "Stewie2k" Yip já jogou na equipe da MIBR e agora enfrentou seus ex-companheiros — Foto: Reprodução/HLTV Jake "Stewie2k" Yip já jogou na equipe da MIBR e agora enfrentou seus ex-companheiros — Foto: Reprodução/HLTV

Jake "Stewie2k" Yip já jogou na equipe da MIBR e agora enfrentou seus ex-companheiros — Foto: Reprodução/HLTV

Como TR, o quinteto brasileiro venceu o round pistol e viu Coldzera garantir um clutch na segunda rodada. Estabilizando a economia e conseguindo bons armamentos, a Team Liquid aplicou uma boa sequência e virou a partida para 15-13. Porém, Taco garantiu dois kills na entrada do bomb em um round e Fer pegou dois pelas costas em outro, levando a partida para a prorrogação.

Como CTs, os norte-americanos começaram a prorrogação de forma perfeita e levaram os três rounds da primeira metade. Nick "nitr0" Canella fez uma boa entrada logo no primeiro round do lado TR e sua equipe encerrou a partida em 19-15.

Esta é a terceira edição da Intel Extreme Masters sediada em Sydney, na Austrália. A competição é uma das de maior renome no cenário de CS:GO e conta com 16 equipes, distribuindo US$ 250 mil (R$ 992 mil em conversão atual) em premiações gerais. Por perder na semifinal, a MIBR conquistou U$ 20 mil (R$ 79 mil).

Mais do TechTudo