Celulares

Por Rodrigo Roddick, para o TechTudo


A Mi Band 3 é a pulseira fitness da Xiaomi cotada a chegar ao Brasil. Com mais de um milhão de vendas em apenas dois meses, o acessório conta com sensores para acompanhar as atividades físicas, além de suporte a notificações, entre outras funções quando conectado com o celular. À venda no exterior desde 2018, até o momento, não há informações sobre o preço e data de lançamento do wearable no comércio nacional. Conheça, a seguir, os detalhes do dispositivo chinês.

Mi Band 3 ainda não tem preço e data confirmados para o Brasil  — Foto: Divulgação/Xiaomi Mi Band 3 ainda não tem preço e data confirmados para o Brasil  — Foto: Divulgação/Xiaomi

Mi Band 3 ainda não tem preço e data confirmados para o Brasil — Foto: Divulgação/Xiaomi

Tela e design

A Mi Band 3 está um pouco maior que a Mi Band 2. Ela ainda possui o formato de cápsula e conta com pulseiras hipoalérgicas que podem ser trocadas de acordo com o gosto do usuário.

O acessório possui tela de 0,78 polegadas com resolução de 128 x 80 pixels. Logo abaixo, fica um botão circular, utilizado para acessar as diversas funções a Mi Band.

Mi Band 3 possui tela de 0,78 polegadas — Foto: Divulgação/Xiaomi Mi Band 3 possui tela de 0,78 polegadas — Foto: Divulgação/Xiaomi

Mi Band 3 possui tela de 0,78 polegadas — Foto: Divulgação/Xiaomi

Funções

A Mi Band 3 possui sensores que realizam contagem de passos e observam os batimentos cardíacos. Os recursos podem ser ideais para monitorar a saúde do usuário e atividades físicas, por exemplo. Além disso, o acessório conta com suporte a notificações emitidas no celular e exibe informações sobre o clima, chamadas, entre outros.

Mi Band 3 possui sensores para realizar contagem de passos, entre outras funções — Foto: Divulgação/Xiaomi Mi Band 3 possui sensores para realizar contagem de passos, entre outras funções — Foto: Divulgação/Xiaomi

Mi Band 3 possui sensores para realizar contagem de passos, entre outras funções — Foto: Divulgação/Xiaomi

Mi Fit

Assim como nas gerações anteriores, todo o controle do acessório é feito pelo Mi Fit, app oficial da Xiaomi. Dessa forma, é preciso instalar o app no celular para parear a Mi Band 3 e configurá-la. É possível baixá-lo em smartphones Android e iPhone (iOS).

Mi Band 3 se conecta ao celular por meio do app Mi Fit — Foto: Divulgação/Xiaomi Mi Band 3 se conecta ao celular por meio do app Mi Fit — Foto: Divulgação/Xiaomi

Mi Band 3 se conecta ao celular por meio do app Mi Fit — Foto: Divulgação/Xiaomi

Bateria

A bateria da Mi Band 3 é de 110 mAh. Segundo a Xiaomi, esta capacidade pode render aproximadamente 20 dias de uso, contanto que a pulseira esteja no modo repouso.

Resistência

A Mi Band 3 possui resistência à água e suporta até 5 ATM de profundidade, ou seja, 50 metros. Isto significa que ela pode usada para atividades aquáticas, como natação, conforme o exemplo citado pela Xiaomi no site oficial.

Xiaomi Mi 9 chega ao Brasil; veja preço e ficha técnica

Xiaomi Mi 9 chega ao Brasil; veja preço e ficha técnica

Mi Band 4

A sucessora da Mi Band 3 pode deixar a tela monocromática de lado. Segundo o site especializado Android Authority, espera-se que a Mi Band 4 seja a primeira da linha a adotar o display colorido. Ela deve contar também com assistente virtual e novos sensores.

Até o momento, não há previsão de lançamento da nova geração da pulseira.

Ficha Técnica do Mi Band 3

  • Lançamento: maio de 2018
  • Lançamento no Brasil: indefinido
  • Preço no Brasil: indefinido
  • Tela: 0,78 polegadas
  • Resolução de tela: 128 x 80 pixels
  • Sistemas operacionais compatíveis: Android e iOS
  • Interface em português: sim
  • Capacidade da bateria: 110 mAh
  • À prova d'água: sim, até 50 metros de profundidade
  • Dimensões: 17,9 x 46,9 x 12 mm (com a pulseira)
  • Peso: 20 gramas
  • Cores: preto
  • Pulseiras: personalizável

Mais do TechTudo