Celulares

Por FIlipe Garrett, para o TechTudo


O Motorola One Vision é o novo celular da Motorola que chama a atenção pelo visual renovado: além da câmera de selfies dentro da tela, similar ao Galaxy S10, o display do smartphone conta com a proporção 21:9, o que torna o telefone ainda mais alto se comparado com os demais lançamentos da marca, como o Moto G7, e aproxima-o de telas de cinema. Entenda, a seguir, os detalhes da aposta da marca.

Tela 21:9: conheça os detalhes do display do Motorola One Vision — Foto: Thássius Veloso/TechTudo Tela 21:9: conheça os detalhes do display do Motorola One Vision — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

Tela 21:9: conheça os detalhes do display do Motorola One Vision — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

O que é aspecto de tela?

Aspecto de tela é uma proporção que mede a relação entre as dimensões horizontal e vertical da tela. Isso significa que um display de celular com 16:9 – o chamado formato widescreen usado ainda em televisões e notebooks – terá uma tela em que o lado maior é 1,78 vezes maior que o menor, por exemplo.

Diferentes relações de proporção rendem telas diferentes. É o caso dos antigos monitores e televisões de tubo, com telas mais "quadradonas", cuja proporção é de 4:3. Outro exemplo é o painel de cinema, disposto em um aspecto ainda mais largo, de 21:9.

Galaxy S8: celular da Samsung possui tela em formato 18:9 com bordas finas — Foto: Luciana Maline/TechTudo Galaxy S8: celular da Samsung possui tela em formato 18:9 com bordas finas — Foto: Luciana Maline/TechTudo

Galaxy S8: celular da Samsung possui tela em formato 18:9 com bordas finas — Foto: Luciana Maline/TechTudo

Nos celulares

Desde a chegada dos Galaxy S8 e LG G6, telas com aspectos de base mais estreita e altura maior vem se popularizando nos celulares. Aparelhos com valores entre 18:9 ou 19:9, como o Moto G6, iPhone XS, entre outros, se tornaram normais no mercado.

A razão pela mudança fica por conta do design e da usabilidade: ao deixar o celular mais alto e mais estreito, torna-se possível aumentar o tamanho da tela sem comprometer a empunhadura. Dessa forma, o aparelho fica mais fácil de segurar com confiança com uma mão só, mesmo com telas cada vez maiores.

Um celular com tela de 6 polegadas de tamanho, dispostas numa razão de 16:9, será mais largo na base do que um aparelho com display do mesmo tamanho, graças a um aspecto mais estreito, por exemplo.

A solução, porém, acaba refletindo num celular mais "alto". Além disso, pode ser difícil alcançar itens nos cantos da tela com os dedos de apenas uma mão e há questões referentes a apps que ainda não suportam direito a novidade. Outra questão envolve a reprodução de vídeos que, criados para outros aspectos de tela, acabam exibidos com barras para compensar a diferença e encaixar direito nos novos formatos.

Formato 21:9 pode ser ideal para reprodução de filmes — Foto: Thássius Veloso/TechTudo Formato 21:9 pode ser ideal para reprodução de filmes — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

Formato 21:9 pode ser ideal para reprodução de filmes — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

A aposta da Motorola

O novo Motorola One Vision chega ao mercado com tela de 6,3 polegadas e formato 21:9. Dessa forma, o lançamento possui o corpo alongado e mais alto que outros smartphones do mercado, como o Galaxy S10 e Moto G7.

Na prática, este formato tende a ser ideal para a reprodução de vídeos e filmes. Não à toa, a tecnologia é comercialmente conhecida como CinemaVision, em alusão às telas de cinema.

Entretanto, a solução pode sair prejudicada no celular da Motorola por conta da câmera dentro da tela. Em outras palavras, assim como acontece com o notch, mesmo que o vídeo cubra o painel inteiro, o usuário ainda contará com um furo na parte superior esquerda, o que pode incomodar durante a reprodução de filmes, por exemplo.

Mais do TechTudo