Por Pedro Vital, de São Paulo*


A Nimo TV foi lançada oficialmente no Brasil nesta última quarta-feira (05) em evento da marca em São Paulo. A nova plataforma de streaming de jogos é rival da Twitch e chegou ao país após fazer sucesso na China e outros lugares do mundo. O software tem versões para PC (web) e está disponível para download em celulares Android e iPhone (iOS). No evento, representantes da marca chinesa falaram sobre o atual sucesso da plataforma e confirmaram uma nova parceira: Bruno PlayHard agora faz parte da equipe de streamers da Nimo. PlayHard é um dos principais influenciadores brasileiros que falam sobre jogos mobile, como Free Fire Battlegrounds.

Para PlayHard, a chegada da Nimo TV Brasil promete abrir portas. "As marcas ainda têm receio de entrar no mobile, porque os esports surgiram dos sucessos do PC. As marca ainda precisam se arriscar nessa área, mas têm medo do terreno de streaming nos celulares, mesmo sabendo que o mercado é aquecido."

PlayHard no evento de lançamento da Nimo TV Brasil — Foto: Pedro Vital/TechTudo PlayHard no evento de lançamento da Nimo TV Brasil — Foto: Pedro Vital/TechTudo

PlayHard no evento de lançamento da Nimo TV Brasil — Foto: Pedro Vital/TechTudo

Com foco em dar espaço aos jogos competitivos mobile, a Nimo TV já tem canais dedicados às lives de jogos como Counter-Strike: Global Ofensive (CS:GO), Fortnite, League of Legends (LoL), Rainbow Six: Siege e Playerunknown's Battlegrounds (PUBG). O aplicativo já alcançou 10 mil downloads no Brasil.

Segundo Lucas Peng, gerente brasileiro da marca, a empresa quer se aproximar cada vez mais dos usuários, criar uma comunidade com novos jogos, melhorar a experiência de transmissão nos celulares e explorar o mercado de games que cresce cada vez mais em todo o mundo. Para isso, a Nimo TV promete um time que traz os principais streamers do cenários dos esports, e o evento teve até uma disputa ao vivo de Free Fire aberta ao público e com direito a narração. Os streamers parceiros Piuzinho, El Gato, Nanda, Crusher, Coringa e Playhard participaram da batalha. E o surpreendente: todos foram "levados" pelo seus times nas partidas e derrotados antes dos outros companheiros de equipe.

Streamers de Free Fire jogam no evento — Foto: Pedro Vital/TechTudo Streamers de Free Fire jogam no evento — Foto: Pedro Vital/TechTudo

Streamers de Free Fire jogam no evento — Foto: Pedro Vital/TechTudo

A plataforma de streaming promete ser intuitiva e facilidade ao fazer as lives: com um clique o jogador consegue transmitir seu vídeo em Full HD e mostrar seu talento. Mas, segundo o player Rodrigo 'El Gato', é importante se preocupar com a qualidade do que você está mostrando: "As pessoas estão ali para assistir entretenimento, querem ver uma disputa, um X1 com qualidade".

Quer comprar jogos, consoles e PCs com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Nimo TV quer incentivar streams de jogos mobile — Foto: Pedro Vital/TechTudo Nimo TV quer incentivar streams de jogos mobile — Foto: Pedro Vital/TechTudo

Nimo TV quer incentivar streams de jogos mobile — Foto: Pedro Vital/TechTudo

Além de ser uma área crescente de entretenimento, plataformas de streaming também têm papéis sociais. O gamer Piuzinho contou sobre sua dificuldade de fazer amigos e que, encontrou no jogo, algo que o acolheu e virou sua profissão. Os games competitivos também trazem uma "integração maior para meninas, principalmente mais novas", impulsionando o respeito e a abertura em um ambiente sempre visto como muito masculino, segundo Nanda Belissimo.

* O jornalista viajou a convite da Nimo TV Brasil.

Mais do TechTudo