Por Felipe Vinha, para o TechTudo


Project Scarlett é o nome inicial do novo console da Microsoft, que será sucessor do Xbox One X, atual aparelho no mercado, e que promete ser ainda mais poderoso. O videogame foi anunciado na apresentação da empresa pré-E3 2019, mas ainda sem muitos detalhes. O que se sabe envolve suas especificações técnicas iniciais, ideia de jogos e mais alguns poucos detalhes sobre o aguardado lançamento – que será no fim de 2020, de acordo com a previsão inicial. Saiba tudo sobre o Scarlett, a seguir:

Por que esse nome?

Project Scarlett não será o nome final do aparelho, mas ainda não sabemos qual será o título definitivo. É muito comum que empresas criem “codinomes” para seus novos consoles, enquanto eles estão em desenvolvimento inicial.

O Scarlett foi anunciado na E3 2019 mas não tem visual revelado — Foto: Divulgação/Microsoft O Scarlett foi anunciado na E3 2019 mas não tem visual revelado — Foto: Divulgação/Microsoft

O Scarlett foi anunciado na E3 2019 mas não tem visual revelado — Foto: Divulgação/Microsoft

Para quem não se lembra, o Xbox One X se chamava Project Scorpio. Outros codinomes de videogames conhecidos pelo público são Project Cafe (Wii U), Dolphin (GameCube) e Orbis (PS4), só para citar mais alguns exemplos. O mais provável é que o nome final seja apresentado na E3 2020.

Só sai em dezembro?

Na verdade, não dá nem para afirmar 100% que o Scarlett será lançado em dezembro. A previsão oficial da Microsoft é “nas festas de 2020”, que normalmente é um período que engloba também novembro, por conta da Black Friday – o famoso dia de compras mais baratas nos EUA.

Xbox Scarlett — Foto: Reprodução/Mixer Xbox Scarlett — Foto: Reprodução/Mixer

Xbox Scarlett — Foto: Reprodução/Mixer

É provável que o Scarlett seja lançado um pouco antes da Black Friday ou até durante, para aproveitar as vendas da data e para que as pessoas comprem como presente de Natal. Ainda assim, nada está confirmado além de “festas de 2020”.

Como vai ser o design?

Durante sua apresentação pré-E3 2019, a Microsoft não mostrou absolutamente nada do design do Scarlett. É curioso notar, porém, que a logo do codinome veio nas cores branca e cinza, ainda que isso pode não querer dizer nada.

Scarlett ainda está em produção — Foto: Reprodução/Mixer Scarlett ainda está em produção — Foto: Reprodução/Mixer

Scarlett ainda está em produção — Foto: Reprodução/Mixer

O visual do aparelho só deve ser mostrado junto da revelação do seu nome final – que pode ou não ocorrer na E3 2020. Mas, novamente, tudo isso não passa de rumor sem fundamento, ainda, por isso não deve ser levado a sério.

Será poderoso?

Na verdade, o Scarlett não promete ser apenas poderoso, mas também rápido. O aparelho deve apostar forte no armazenamento em SSD, ao contrário de HDD, o que vai permitir leitura mais rápida dos jogos e o carregamento de telas. Até então, todos os consoles vêm apenas com HDD instalados de fábrica. É possível que os jogos atinjam a capacidade de rodar a até 120 quadros por segundo, o que se traduz em mais suavidade nas imagens.

Scarlett será mais poderoso que o Xbox One X — Foto: Divulgação/Microsoft Scarlett será mais poderoso que o Xbox One X — Foto: Divulgação/Microsoft

Scarlett será mais poderoso que o Xbox One X — Foto: Divulgação/Microsoft

Em termos de memória, gráficos e processamento, a Microsoft revelou apenas alguns dos pontos. O processador utilizará tecnologia Navi e a memória será GDDR6 - estes números se traduzem em um processamento muito mais rápido na geração dos gráficos, como já mencionado anteriormente. A tecnologia Ray Tracing, que melhora os gráficos, também estará presente.

Jogos confirmados?

Por ora, apenas Halo Infinite está confirmado para o Project Scarlett. O mais provável é que ele tenha também uma versão no Xbox One e Xbox One X, como já mencionado pela Microsoft em ocasião passada.

Halo Infinite — Foto: Reprodução/Mixer Halo Infinite — Foto: Reprodução/Mixer

Halo Infinite — Foto: Reprodução/Mixer

A Microsoft também já confirmou que voltará a lançar jogos retrocompatíveis no Project Scarlett, ou seja, games antigos, de Xbox, Xbox 360 e Xbox One, que rodarão no novo console sem problemas. Só aí já temos uma biblioteca imensa de títulos.

Preço?

O preço do Project Scarlett sequer foi mencionado pela Microsoft em sua apresentação e deve demorar bastante para que o valor seja revelado pela empresa. Na verdade, este é um dos últimos elementos revelados em um novo console.

Xbox One X — Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo Xbox One X — Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo

Xbox One X — Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo

Não dá nem mesmo para “chutar” um valor, no momento, principalmente por conta das constantes mudanças de preços de componentes para fabricação de um videogame – a exemplo do armazenamento SSD, que barateia a cada mês. Resta aguardar por novidades oficiais.

Vem para o Brasil?

Outro ponto que não tem ainda informação oficial é o possível lançamento do Project Scarlett no Brasil. Sabemos que a Microsoft está representada oficialmente por aqui, bem como seus consoles Xbox 360 e Xbox One, porém.

Xbox tem representação oficial no Brasil — Foto: Divulgação/Microsoft Xbox tem representação oficial no Brasil — Foto: Divulgação/Microsoft

Xbox tem representação oficial no Brasil — Foto: Divulgação/Microsoft

É seguro que os fãs pensem que o Project Scarlett, eventualmente, possa ser lançado oficialmente no Brasil, com suporte nacional e jogos em português. Mas, novamente, o melhor a ser feito é aguardar confirmações da Microsoft.

O Xbox One X vai acabar?

O Project Scarlett será o substituto do Xbox One X, mas isso não significa que o atual console mais poderoso da Microsoft vá parar de ser fabricado. Pelo contrário, os dois devem continuar no mercado por algum tempo.

Jogos retrocompatíveis serão lançados de novo apenas no Scarlett — Foto: Divulgação/Microsoft Jogos retrocompatíveis serão lançados de novo apenas no Scarlett — Foto: Divulgação/Microsoft

Jogos retrocompatíveis serão lançados de novo apenas no Scarlett — Foto: Divulgação/Microsoft

Isso ocorreu com todos os aparelhos lançados pela Microsoft até agora. O Xbox 360 ainda é vendido no Brasil, inclusive, apesar de não estar mais presente em muitos mercados. Por isso, é incorreto pensar que o novo console virá para “enterrar” o atual.

Mais do TechTudo