Campeonatos

Por Lucas Batista, para o TechTudo


A INTZ eSports garantiu a última vaga no StarLadder Berlin Major 2019 de Counter-Strike: Global Offensive (CS:GO) após vencer os sul-coreanos da MVP.PK nesta segunda-feira (29). A partida foi um confronto válido pela repescagem no Major, com vitória nos mapas Vertigo (16-12) e Train (16-13). Com esse resultado, os Intrépidos se juntam à FURIA Esports, classificada no Minor das Américas, e à MIBR, garantida no Major graças ao bom desempenho na última competição oficial da Valve. Assim, o próximo Major de CS:GO contará com três equipes brasileiras, número recorde para o país até então.

INTZ se tornou a terceira equipe brasileira classificada para o StarLadder Berlin Major 2019 — Foto: Divulgação/StarLadder INTZ se tornou a terceira equipe brasileira classificada para o StarLadder Berlin Major 2019 — Foto: Divulgação/StarLadder

INTZ se tornou a terceira equipe brasileira classificada para o StarLadder Berlin Major 2019 — Foto: Divulgação/StarLadder

A INTZ jogou a repescagem para se qualificar no StarLadder Berlin Major 2019, pois foi eliminada pela também brasileira FURIA, na final da lower bracket do Minor das Américas. Com a vitória, os Panteras se classificaram diretamente, enquanto os Intrépidos tiveram de disputar vaga com os terceiros colocados das outras regiões. Mesmo após perderem para a DreamEater, da região CIS, o time garantiu a vaga após vencerem a MVP.PK, da Ásia.

A MIBR participou do Minor, pois ficou entre as oito melhores equipes do último Major, o chamado Legends Stage. No entanto, a equipe vai jogar com o técnico Wilton "zews" Prado no lugar de coldzera, já que as inscrições de jogadores já estavam fechadas quando Marcelo David saiu do time. Com tudo definido, as line-ups das equipes brasileiras são essas a seguir:

MIBR:

FURIA Esports:

  • Kaike "kscerato" Cerato;
  • Yuri "yuurih" Santos;
  • Rinaldo "ableJ" Moda Junior;
  • Vinicius "VINI" Figueiredo;
  • Andrei "arT" Piovezan;
  • Nicholas "guerri" Nogueira (técnico).

INTZ eSports:

  • Vito "kNgV-" Giuseppe;
  • Marcelo "chelo" Cespedes;
  • Gustavo "yeL" Knittel;
  • Alexandre "xand" Zizi;
  • Lucas "destiny" Bullo;
  • Alessandro "Apoka" Marcucci (técnico).

kNg- é destaque da INTZ, e há rumores de que estaria se transferindo para a MIBR — Foto: Divulgação/StarLadder kNg- é destaque da INTZ, e há rumores de que estaria se transferindo para a MIBR — Foto: Divulgação/StarLadder

kNg- é destaque da INTZ, e há rumores de que estaria se transferindo para a MIBR — Foto: Divulgação/StarLadder

O Brasil tem retrospecto favorável em majors de CS:GO. A primeira equipe brasileira a se qualificar para a competição foi a Keyd Stars em 2015, na edição chamada ESL One Katowice 2015, antes da Valve se tornar a responsável pelos Majors. Na época, o time contava com jogadores como Gabriel "FalleN" Toledo e Fernando "fer" Alvarenga.

A line up se transferiu para a organização norte-americana Luminosity Gaming, na qual Marcelo "coldzera" David e Epitácio "TACO" de Melo foram contratados. Com a nova formação, os brasileiros se tornaram bicampeões mundiais em 2016. A equipe venceu a MLG Columbus 2016 vestindo as cores da Luminosity. Em seguida conquistaram a ESL One Cologne 2016, mas pela SK Gaming.

Em 2017, outra equipe brasileira conseguiu destaque. A Immortals chegou às finais e se sagrou vice-campeã do PGL Major Krakow 2017, perdendo para a Gambit na decisão. Na época, a equipe contava com o AWPer Vito "kNg-" Giuseppe, hoje peça fundamental no elenco da INTZ. O destaque atual de kNg-, inclusive, gerou rumores que o colocam como um dos jogadores cotados pela MIBR para substituir coldzera.

Quer comprar consoles, jogos e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Mais do TechTudo