Por Thássius Veloso, da redação

Claro põe fim à marca NET e absorve serviços de TV paga e banda larga Claro põe fim à marca NET e absorve serviços de TV paga e banda larga
Divulgação/NET

A Claro anunciou nesta quinta-feira (11) o fim da NET enquanto marca ”independente”. A partir de agora, todos os serviços pelos quais a empresa é conhecida, como TV por assinatura e banda larga residencial, passam a fazer parte do pacote de ofertas da própria Claro. Até mesmo os uniformes dos funcionários irão mudar com o passar do tempo pois a ideia é privilegiar a marca associada a telefonia móvel e internet no celular.

Em conversa com o TechTudo, um representante da Claro explicou que os atuais assinantes da NET não precisam tomar nenhum tipo de atitude. “Os planos permanecem os mesmos”, diz a empresa. Também não haverá mudanças no canal inicial da TV por assinatura da NET.

 Lojas, sites e aplicativos “serão atualizados” — Foto: Divulgação/Claro  Lojas, sites e aplicativos “serão atualizados” — Foto: Divulgação/Claro

Lojas, sites e aplicativos “serão atualizados” — Foto: Divulgação/Claro

As orientações publicadas no YouTube também incluem a seguinte afirmação: “Ninguém vai mexer no seu futebol, na sua banda larga. Só muda se você quiser”. As companhias fazem parte do grupo América Móvil, de origem mexicana, que também controla a Embratel.

A promessa é de que os canais de atendimento ao cliente também continuem como estão. Já as lojas, sites e aplicativos “serão atualizados para facilitar a interação e comunicar a novidade”. O Minha NET, por exemplo, mudou de nome nas lojas de aplicativos: agora se chama Claro Residencial.

Página do Claro Residencial substitui Minha NET — Foto: Reprodução/TechTudo Página do Claro Residencial substitui Minha NET — Foto: Reprodução/TechTudo

Página do Claro Residencial substitui Minha NET — Foto: Reprodução/TechTudo

“A consolidação de toda a oferta de serviços na marca Claro é um movimento alinhado às tendências tecnológicas apontadas para o setor”, diz a companhia. A mesma atuação é vista em outros países da América Latina, onde a mexicana América Móvil emprega somente a marca Claro – ao contrário da espanhola Telefónica, que adota Vivo em território brasileiro e Movistar no restante da região.

Claro e NET fazem parte da mesma empresa desde 2015. Pacotes com preço único e serviços combinados das duas companhias, os chamados Combo Multi, existem desde 2011. O processo de comunicação da mudança foi iniciado hoje mesmo. Clientes que entram em contato com o SAC são informados da novidade.

Alguns deles relataram nas redes sociais que a remodelagem sem aviso prévio causou confusão.

Produtos e serviços voltados a pequenas e médias empresas passam a fazer parte do portfólio da Claro Empresas. “No segmento corporativo, a Embratel segue sendo a marca da Claro dedicada às soluções que incluem aplicações em nuvem, segurança digital, IoT e serviços de TI”.

Descontos em cinema e teatro continuarão a ser oferecidos como parte do programa Claro Clube, com a diferença de que os atuais clientes da NET terão acesso aos benefícios. A plataforma de vídeos sob demanda Now também permanece como está.

A NET terminou 2018 como segunda empresa de telecomunicações com mais queixas no Reclame Aqui. Ao todo, foram 75.722 reclamações ao longo de 2018, atrás apenas da Vivo, com 78.812 contestações. A Claro reuniu 35.293 cadastros negativos durante o período e a Claro TV, mais 10.477.

Mais do TechTudo