Segurança

Por Isabela Cabral, para o TechTudo


O WannaLocker, uma nova versão do malware para smartphones conhecido como WannaCry, foi descoberto por um pesquisador de ameaças da Avast. O programa ataca clientes de grandes bancos brasileiros por meio da combinação de três frentes: spywares, Cavalos de Troia de acesso remoto e malwares bancários. De acordo com Nikolaos Chrysaidos, chefe do Laboratório de Ameaças para Mobiles da Avast, um usuário afetado pode ter informações de texto, registros de chamadas, números de telefone e dados de cartões de crédito coletados.

O WannaCry, um surto de ransomware que correu o mundo em 2017, foi uma das maiores ameaças de segurança cibernética dos últimos anos. Os pesquisadores ainda não têm certeza de como o novo malware invade os dispositivos móveis, mas a suspeita é de que isso ocorra por meio de links maliciosos e aplicativos de lojas de terceiros.

Novo malware WannaLocker atinge celulares e pode roubar dados bancários — Foto: Divulgação/Avast Novo malware WannaLocker atinge celulares e pode roubar dados bancários — Foto: Divulgação/Avast

Novo malware WannaLocker atinge celulares e pode roubar dados bancários — Foto: Divulgação/Avast

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Segundo os pesquisadores, um Cavalo de Tróia tenta enganar o usuário com uma interface falsa, que imita a de um banco. O software afirma que há um problema e solicita um login para que a pessoa possa resolvê-lo. Quando as supostas informações de acesso são fornecidas, o malware rouba uma enorme quantidade de dados — fabricante do celular e outros detalhes de hardware, registro de ligações, mensagens de texto, telefone, fotos da câmera, lista de contatos, localização GPS e até gravações de áudio do microfone.

Novo malware WannaLocker atinge celulares e pode roubar dados bancários — Foto: Divulgação/Avast Novo malware WannaLocker atinge celulares e pode roubar dados bancários — Foto: Divulgação/Avast

Novo malware WannaLocker atinge celulares e pode roubar dados bancários — Foto: Divulgação/Avast

Como se proteger

Para evitar ser vítima de um ataque como esse, é preciso estar atento a algumas medidas. Ao baixar um app bancário, confirme se você está com a versão oficial verificada. Se, durante a utilização do aplicativo, algo parecer estranho, entre em contato com a equipe de atendimento do banco. Sempre que possível, ative e use a autenticação de dois fatores. Busque também ter um bom antivírus instalado para identificar e bloquear malwares.

Como remover vírus em um celular Android

Como remover vírus em um celular Android

Via Avast

GBWhatsApp é seguro ou é vírus? Descubra no Fórum do TechTudo

Mais do TechTudo